Isto é normal? Ou é esperteza saloia da marca?? - Reclamação da Hyundai - Página 7

Página 7 de 8 PrimeiraPrimeira ... 678 ÚltimaÚltima
A mostrar resultados 181 para 210 de 219
Like Tree31Likes

Título: Isto é normal? Ou é esperteza saloia da marca?? - Reclamação da Hyundai

  1. #181
    Piloto de Sofás nmyguel's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2007
    Localização
    .........
    Posts
    22,933

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por fgarcia337 Ver Post
    Boas,

    o teu erro foi teres comprado um carro de uma marca que é representada pelos maiores aldrabões do comercio automovel em Portugal , a Hyundai em Portugal é representada pelo Entreposto , só vais conseguir alguma coisa deles depois de uma reclamação no livro oficial de reclamações , e em Tribunal.

    A Hyundai já não é representada aos anos pelo Entreposto, a não ser que tenham voltado de novo.


  2. #182
    Piloto de Troféu mpereira's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2003
    Localização
    Lisboa, Portugal
    Posts
    5,945

    Por Defeito

    Qual é o consumo médio que tens tido ultimamente?

  3. #183
    Piloto de Testes oruisilva's Avatar
    Data de Registo
    Mar 2003
    Localização
    Portugal
    Posts
    4,649

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por fgarcia337 Ver Post
    Boas,

    o teu erro foi teres comprado um carro de uma marca que é representada pelos maiores aldrabões do comercio automovel em Portugal , a Hyundai em Portugal é representada pelo Entreposto , só vais conseguir alguma coisa deles depois de uma reclamação no livro oficial de reclamações , e em Tribunal.
    O importador é o Grupo Salvador Caetano.

  4. #184
    Piloto de Sofás nmyguel's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2007
    Localização
    .........
    Posts
    22,933

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por oruisilva Ver Post
    O importador é o Grupo Salvador Caetano.

    Só se já mudou de novo, que do Entreposto passou para um grupo Espanhol penso eu.

  5. #185
    Piloto de Testes oruisilva's Avatar
    Data de Registo
    Mar 2003
    Localização
    Portugal
    Posts
    4,649

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por nmyguel Ver Post
    Só se já mudou de novo, que do Entreposto passou para um grupo Espanhol penso eu.
    Desde 2015 (grupo Salvador Caetano+Domingo Alonso)


  6. #186
    Banido Nelson1003's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2019
    Posts
    4,921

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Psalcedas Ver Post
    Bom, após mais monitorizações do processo de regeneração, mais uma reclamação á Hyundai e à oficina:

    Exmos Senhores Hyundai e Auto Júlio
    Tendo efectuado uma reclamação (nr 34868619), sobre uma anomalia de óleo alto detectada na minha viatura (Hyundai I30 1.6 crdi comfort + navi 2018), na data de 20 de Dezembro de 2019! reclamação à qual V. Excelências responderam com informação genérica presente no manual tendo recusado ao cliente que a viatura fosse vista à luz da garantia na oficina, com o argumento que quando a viatura foi à oficina da Auto Júlio resolver o problema do óleo alto não acusava qualquer anomalia.
    Efectivamente, o facto das regenerações do filtro de partículas serem interrompidas terá, obviamente como consequência, a adulteração e o aumento do nível do óleo do motor por gasóleo não queimado no processo de regeneração abortado, situação que ocorreu precisamente porque o carro não dá quaisquer sinais de estar a regenerar e por desconhecimento do cliente do comportamento do Hyundai I30 nesse âmbito.
    No entanto, o veículo em questão, tem um comportamento diferente do anunciado pela marca e pelo manual do carro, no que diz respeito à regeneração do filtro de partículas.
    Mas vejamos a resposta de Vossas Excelências à questão já apresentada:

    "À medida que circula com o seu Hyundai, o filtro de partículas irá aumentar a quantidade de fuligem até que atinja um valor definido para regeneração, sendo mais rápida a sua saturação em condições de circulação adversas, tal como, a condução repetida em curtas distâncias, condução com paragem e arranque, condução como carro de patrulha, táxi, veículo comercial ou veículo de reboque, entre outras, conforme descrito no manual de instruções do seu Hyundai.

    A regeneração do filtro de partículas é realizada em condições de temperatura e pressão ideais, sendo estas atingidas após alguns quilómetros em circulação, dependendo também das condições externas e de utilização. O inicio da regeneração é controlado exclusivamente pela unidade do motor do seu i30, não existindo qualquer rotina definida (ex. realizar 45km para inicio de regeneração). O processo de regeneração recorre à injeção de combustível adicional sendo que por cada regeneração interrompida existe um novo ciclo de regeneração a realizar. A constante realização e as tentativas de regenerações do filtro de partículas que não terminam por inexistência de condições que permitam a sua conclusão, origina uma maior diluição do óleo do motor e consequente aumento do nível do mesmo, obrigando assim a uma substituição antecipada aquando comparada com uma viatura semelhante com uma utilização em condições "normais", contudo também prevista no manual de instruções do seu Hyundai."


    Tudo estaria certo e efetivamente a responsabilidade seria do cliente se de facto o comportamento do veículo fosse realmente como descrito no manual do proprietário mas não é.
    O carro tem vindo a ser monitorizado no seu processo de regenerações do filtro de partículas e o comportamento do mesmo é estranho, as regenerações do filtro de partículas são demasiado frequentes e sem fuligem no FAP que as justifique. Por outro lado, o gasóleo usado habitualmente no veículo é perfeitamente homologado e adequado ao veículo (Galp Evologic), e o nível do combustível no depósito pouca ou nenhuma influência tem no processo de regenerações sendo, que, mesmo quase na reserva, o veículo continua a fazer as respectivas regenerações.

    Com o veículo parado, foram observados os seguintes dados de regenerações:

    Verificação de regenererações efetuadas do FAP - Hyundai I30 - XX-UM-XX
    Data e hora da verificação Kilómetros do carro Killómetros desde última regeneração Kilómetros onde acabou a regeneração Quantidade em grs no FAP Regenerações desde última verificação
    29-09-2020 - 12:30 52114 14 52100 2,6 1
    30-09-2020 - 08:30 52154 5 52149 1,66 1
    01-10-2020 - 08:30 52219 17 52202 5,82 1
    01-10-2020 - 12:30 52259 23 52236 4,27 1
    01-10-2020 - 18:30 52301 3 52298 2,33 1
    02-10-2020 - 17:30 52332 34 52298 6,6 0
    02-10-2020 - 18:30 52370 3 52367 3,49 1
    05-10-2020 - 12:30 52456 47 52409 6,21 1
    06-10-2020 - 17:30 52492 14 52478 1,55 1
    06-10-2020 - 18:30 52531 3 52528 2,72 1
    07-10-2020 - 13:00 52562 20 52542 3,88 1
    08-10-2020 - 11:30 52600 3 52597 2,33 1
    12-10-2020 - 08:30 52774 74 52700 11,26 1
    12-10-2020 - 13:00 52817 9 52808 6,21 1
    13-10-2020 - 18:30 52917 111 52808 14,36 0
    14-10-2020 - 09:30 52951 1 52950 1,16 1
    15-10-2020 - 13:00 53016 66 52950 9,71 0
    15-10-2020 - 18:30 53047 97 52950 14,75 0
    16-10-2020 - 09:30 53082 4 53078 0,78 1
    19-10-2020 - 09:30 53173 14 53159 1,94 1 Depósito cheio
    19-10-2020 - 18:30 53213 3 53210 3,49 1
    20-10-2020 - 17:30 53243 14 53229 1,55 1
    20-10-2020 - 18:30 53282 3 53279 1,94 1
    21-10-2020 - 09:30 53315 20 53295 2,72 1
    21-10-2020 - 18:30 53351 1 53350 1,16 1
    22-10-2020 - 18:30 53418 1 53417 5,05 1
    23-10-2020 - 09:30 53449 15 53434 1,94 1
    26-10-2020 - 13:30 53527 41 53486 4,27 1
    27-10-2020 - 09:30 53616 130 53486 13,59 0
    28-10-2020 - 09:30 53684 1 53683 0,39 1

    Como se pode verificar, as regenerações são muito frequentes e geralmente o valor de massa (fuligem) no DPF é baixo.
    De referir também que nenhuma das regenerações observadas foi interrompida.

    Tendo também feito a monitorização do veículo em tempo real (andamento) foi observado o seguinte comportamento:
    - Em trajecto urbano e em estradas nacionais (velocidade média muito baixa e pára-arranca): o veículo não regenera, excepto quando atinge as 16 gramas de massa (fuligem) no DPF, aí, e de forma automática, o sistema injecta gasóleo fazendo a temperatura atingir rapidamente os 550/600 graus e iniciando a regeneração, esta, não depende da velocidade/rotação do motor, mesmo em velocidade baixa e baixa rotação, o veículo procede à regeneração a não ser que o carro seja desligado. Este processo não apresenta qualquer sintoma a não ser uma muito ligeira perda de potência e a função Start & Stop deixa de funcionar, este processo demorará sensivelmente 30 minutos atá se concluir a regeneração e a temperatura volte a valores normais. Em termos de Kilómetros percorridos, este processo ocorrerá por volta dos 160 km, mesmo assim, parecem muito poucos kilómetros comparativamente com outras descrições de outras marcas no que diz respeito a regenerações de motores diesel. Este facto, não está inteiramente de acordo com o que é descrito no manual do proprietário e com a informação avançada pela Hyundai.

    Agora vejamos o que acontece em viagens na autoestrada (a velocidades a rondar os 100 a 120 km por hora, rotações entre 1500/2100:

    - O carro regenera com muita frequência e em regenerações geralmente muito curtas, por vezes demoram apenas 5 ou 10 minutos, mas por vezes mais longas, e estas regenerações não dependem da fuligem existente no DPF, porque mesmo que o DPF apresente valores por volta de 1 grama ou menos, ele regenera na mesma e não indica que a "regeneration demand" ocorreu por "soot loan", ou seja, que a ordem de regeneração não foi dada por carga de fuligem no DPF.
    Um exemplo dessas regenerações aconteceu-me precisamente esta manhã, (de referir que já ontem o carro regenerou, processo completado mesmo quando eu ia a chegar a casa), ponho o carro a trabalhar, cerca de 30 segundos, arranco, percorro cerca de 1 km até entrar na autoestrada, paro nas portagens, arranco, desenvolvo normalmente o carro até à velocidade de cerca de 110 km/h e de repente a temperatura dispara para os 600 graus e o carro entra em regeneração, desde a portagem até à regeneração começar, demorou cerca de 3 minutos, com uma fuligem de 0,96 grs o carro entra à mesma em regeneração, não é normal e deve ser visto.
    Portanto, estas regenerações são perfeitamente inúteis e têm também como consequência óbvia um aumento prejudicial de gasto de combustível, uma menor eficiência do motor e uma contaminação mais rápida do óleo do motor.

    Com o carro parado, este não apresenta qualquer anomalia em diagnóstico, mas é evidente que as regenerações são excessivas e não normais como dizem na oficina.

    À luz da garantia contratada, é exigível por nós clientes que o carro seja visto, deve ser analisado e testado todo o sistema de gases do veículo, nomeadamente no que diz respeito aos sensores, bem como feita a atualização do software da ECU.

    Muito gostaríamos que a Hyundai efeituasse as diligências necessárias para resolver este problema, nada nos daria maior gosto do que poder dizer que a Hyundai foi célere e eficaz na avaliação/resolução desta questão.

    Com os melhores cumprimentos:

    Paulo Salcedas
    A carta está muito bem organizada e escrita. A partir daqui se não tomarem nenhuma medida de serviço pós venda é apenas porque não querem e não porque pensam que têm razão.
    Se não atenderem a esta carta eu no teu lugar faria uma reclamação no livro de reclamações da oficina dando como anexo esta carta. Depois disso iria tentar reparar o carro noutro local e dependendo do valor da reparação iria ponderar gastar dinheiro em tribunal ou não. Provavelmente não iria gastar dinheiro, tempo e paciência em tribunal e iria ficar com uma "indisposição" com estes tipos, nunca mais lá iria e sempre que pudesse recomendava às pessoas para não irem lá.

  7. #187
    nto
    nto está offline
    Piloto Lendário nto's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2005
    Localização
    Onde tu mais querias estar!!!
    Posts
    55,411

    Por Defeito

    Se não te "ligarem" nenhuma, é preferível seguires para Centro de Arbitragem...

  8. #188
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Aug 2020
    Localização
    Torres Vedras
    Posts
    137

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por mpereira Ver Post
    Qual é o consumo médio que tens tido ultimamente?
    Bastante alto, perto dos 7 litros, constantes regenerações dão também nisto

  9. #189
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Oct 2003
    Localização
    , , .
    Posts
    8,289

    Por Defeito

    Qual era o consumo normal, nos mesmos percursos, antes de começar a ter problemas?

  10. #190
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Aug 2020
    Localização
    Torres Vedras
    Posts
    137

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por nto Ver Post
    Se não te "ligarem" nenhuma, é preferível seguires para Centro de Arbitragem...
    Sim, creio que será a solução, não tenho capacidade económica para ir para tribunal.

  11. #191
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Aug 2020
    Localização
    Torres Vedras
    Posts
    137

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Eliselotus Ver Post
    Qual era o consumo normal, nos mesmos percursos, antes de começar a ter problemas?
    Antes da revisão dos 30.000 o carro fazia médias bem boas, muitas vezes a rondar os 5,5 lts

  12. #192
    Banido Nelson1003's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2019
    Posts
    4,921

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Psalcedas Ver Post
    Sim, creio que será a solução, não tenho capacidade económica para ir para tribunal.
    O centro de arbitragem, alguém que me corrija se estiver errado, não tem poder para fazer nada se a oficina insistir que o teu problema não está abrangido pela garantia. Nunca lidei com este centro de arbitragem mas já lidei com outro de outra área profissional e os tipos apenas tentaram fazer de mediador de bom senso, basta dizer que quando se está nestas situações bom senso é o que há menos. A solução seria passar para os tribunais cíveis, os tais que custam dinheiro, tempo e saúde emocional.

  13. #193
    nto
    nto está offline
    Piloto Lendário nto's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2005
    Localização
    Onde tu mais querias estar!!!
    Posts
    55,411

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Nelson1003 Ver Post
    O centro de arbitragem, alguém que me corrija se estiver errado, não tem poder para fazer nada se a oficina insistir que o teu problema não está abrangido pela garantia. Nunca lidei com este centro de arbitragem mas já lidei com outro de outra área profissional e os tipos apenas tentaram fazer de mediador de bom senso, basta dizer que quando se está nestas situações bom senso é o que há menos. A solução seria passar para os tribunais cíveis, os tais que custam dinheiro, tempo e saúde emocional.


    As decisões e sentenças do Tribunal Arbitral têm o mesmo valor que as sentenças dos Tribunais Judiciais de 1ª Instância e, se não forem cumpridas, podem ser executadas no tribunal judicial.

  14. #194
    Banido Nelson1003's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2019
    Posts
    4,921

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por nto Ver Post
    As decisões e sentenças do Tribunal Arbitral têm o mesmo valor que as sentenças dos Tribunais Judiciais de 1ª Instância e, se não forem cumpridas, podem ser executadas no tribunal judicial.
    Sim, mas para isso as partes têm que aceitar o processo de arbitragem. Se a oficina não aceitar, só mesmo em tribunal à séria.
    Como funciona a Arbitragem?

    Na arbitragem, as partes, através de um acordo de vontades que se chama convenção de arbitragem, submetem a decisão do litígio que as opõe, não a um juiz de um tribunal judicial, mas antes a árbitros em quem ambas têm confiança nas capacidades, conhecimentos e competências para a boa resolução do litígio.
    A convenção de arbitragem pode ser de dois tipos:

    • Chama-se compromisso arbitral quando a convenção de arbitragem tem por objeto um litígio atual, ainda que se encontre afeto a tribunal judicial;
    • Chama-se cláusula compromissória sempre que abarque os litígios eventuais (futuros) emergentes de uma determinada relação jurídica contratual ou extracontratual.


    Os Centros de Arbitragem são entidades competentes para resolver alguns tipos de conflitos, através da mediação, da conciliação e da arbitragem.

    Numa primeira fase, os Centro de Arbitragem recebem as partes em conflito e prestam informação jurídica sobre as matérias da competência do Centro, informam as partes quanto aos seus direitos e deveres e apresentam às partes os meios extrajudiciais de resolução de conflitos disponibilizados: mediação, conciliação e arbitragem.

    Foi a minha experiência e o que eu interpreto daqui.

  15. #195
    nto
    nto está offline
    Piloto Lendário nto's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2005
    Localização
    Onde tu mais querias estar!!!
    Posts
    55,411

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Nelson1003 Ver Post
    Sim, mas para isso as partes têm que aceitar o processo de arbitragem. Se a oficina não aceitar, só mesmo em tribunal à séria.
    Como funciona a Arbitragem?

    Na arbitragem, as partes, através de um acordo de vontades que se chama convenção de arbitragem, submetem a decisão do litígio que as opõe, não a um juiz de um tribunal judicial, mas antes a árbitros em quem ambas têm confiança nas capacidades, conhecimentos e competências para a boa resolução do litígio.
    A convenção de arbitragem pode ser de dois tipos:

    • Chama-se compromisso arbitral quando a convenção de arbitragem tem por objeto um litígio atual, ainda que se encontre afeto a tribunal judicial;
    • Chama-se cláusula compromissória sempre que abarque os litígios eventuais (futuros) emergentes de uma determinada relação jurídica contratual ou extracontratual.


    Os Centros de Arbitragem são entidades competentes para resolver alguns tipos de conflitos, através da mediação, da conciliação e da arbitragem.

    Numa primeira fase, os Centro de Arbitragem recebem as partes em conflito e prestam informação jurídica sobre as matérias da competência do Centro, informam as partes quanto aos seus direitos e deveres e apresentam às partes os meios extrajudiciais de resolução de conflitos disponibilizados: mediação, conciliação e arbitragem.

    Foi a minha experiência e o que eu interpreto daqui.


    Como é claro e em qualquer centro de arbitragem, ambas as partes tem de concordar para seguir essa via.


    Mas o resultado daí advindo, é o mesmo que o da 1ª instância num Tribunal Judicial...


    Se uma delas não concordar, é seguir para o Tribunal Judicial.





    Mas mesmo com uma sentença de Tribunal Judicial... se a parte não acatar, tens de recorrer à via executiva...

    E numa decisão arbitral... se a parte não acatar... tens de recorrer na mesma à via executiva.



    Conclusão... caso não há acatamento da decisão (seja da via Judicial ou Arbitral), terás de recorrer na mesma à via Executiva, para efectivar a decisão/sentença.
    Última edição por nto : 04-11-20 às 12:50:01

  16. #196
    Banido Nelson1003's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2019
    Posts
    4,921

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por nto Ver Post
    Como é claro e em qualquer centro de arbitragem, ambas as partes tem de concordar para seguir essa via.


    Mas o resultado daí advindo, é o mesmo que o da 1ª instância num Tribunal Judicial...


    Se uma delas não concordar, é seguir para o Tribunal Judicial.





    Mas mesmo com uma sentença de Tribunal Judicial... se a parte não acatar, tens de recorrer à via executiva...

    E numa decisão arbitral... se a parte não acatar... tens de recorrer na mesma à via executiva.



    Conclusão... caso não há acatamento da decisão (seja da via Judicial ou Arbitral), terás de recorrer na mesma à via Executiva, para efectivar a decisão/sentença.
    certo, mas num tribunal judicial de primeira instância a oficina não tem que aceitar o processo... É a grande diferença para o centro de arbitragem que com toda a certeza a oficina não vai aceitar ser arbitrada!

  17. #197
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Aug 2020
    Localização
    Torres Vedras
    Posts
    137

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Nelson1003 Ver Post
    Sim, mas para isso as partes têm que aceitar o processo de arbitragem. Se a oficina não aceitar, só mesmo em tribunal à séria.
    Como funciona a Arbitragem?

    Na arbitragem, as partes, através de um acordo de vontades que se chama convenção de arbitragem, submetem a decisão do litígio que as opõe, não a um juiz de um tribunal judicial, mas antes a árbitros em quem ambas têm confiança nas capacidades, conhecimentos e competências para a boa resolução do litígio.
    A convenção de arbitragem pode ser de dois tipos:

    • Chama-se compromisso arbitral quando a convenção de arbitragem tem por objeto um litígio atual, ainda que se encontre afeto a tribunal judicial;
    • Chama-se cláusula compromissória sempre que abarque os litígios eventuais (futuros) emergentes de uma determinada relação jurídica contratual ou extracontratual.


    Os Centros de Arbitragem são entidades competentes para resolver alguns tipos de conflitos, através da mediação, da conciliação e da arbitragem.

    Numa primeira fase, os Centro de Arbitragem recebem as partes em conflito e prestam informação jurídica sobre as matérias da competência do Centro, informam as partes quanto aos seus direitos e deveres e apresentam às partes os meios extrajudiciais de resolução de conflitos disponibilizados: mediação, conciliação e arbitragem.

    Foi a minha experiência e o que eu interpreto daqui.
    E resultou no teu caso? Quanto gastaste no processo?

  18. #198
    nto
    nto está offline
    Piloto Lendário nto's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2005
    Localização
    Onde tu mais querias estar!!!
    Posts
    55,411

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Nelson1003 Ver Post
    certo, mas num tribunal judicial de primeira instância a oficina não tem que aceitar o processo... É a grande diferença para o centro de arbitragem que com toda a certeza a oficina não vai aceitar ser arbitrada!


    Sim claro... sei perfeitamente isso como se processa.

  19. #199
    Banido Nelson1003's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2019
    Posts
    4,921

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Psalcedas Ver Post
    E resultou no teu caso? Quanto gastaste no processo?
    Não resultou porque o centro de arbitragem fez uma tentativa de conciliação (bom senso) e a outra parte básicamente e em Português tuga, ca**u para a carta que recebeu.
    No meu caso, como o "objecto" de discórdia não tinha um valor elevado não justificava nem a minha energia nem os meus € para ter a satisfação moral de vencer em tribunal. Daí que fiz o que te disse mais acima.

  20. #200
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Aug 2020
    Localização
    Torres Vedras
    Posts
    137

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Nelson1003 Ver Post
    Sim, mas para isso as partes têm que aceitar o processo de arbitragem. Se a oficina não aceitar, só mesmo em tribunal à séria.
    Como funciona a Arbitragem?

    Na arbitragem, as partes, através de um acordo de vontades que se chama convenção de arbitragem, submetem a decisão do litígio que as opõe, não a um juiz de um tribunal judicial, mas antes a árbitros em quem ambas têm confiança nas capacidades, conhecimentos e competências para a boa resolução do litígio.
    A convenção de arbitragem pode ser de dois tipos:

    • Chama-se compromisso arbitral quando a convenção de arbitragem tem por objeto um litígio atual, ainda que se encontre afeto a tribunal judicial;
    • Chama-se cláusula compromissória sempre que abarque os litígios eventuais (futuros) emergentes de uma determinada relação jurídica contratual ou extracontratual.


    Os Centros de Arbitragem são entidades competentes para resolver alguns tipos de conflitos, através da mediação, da conciliação e da arbitragem.

    Numa primeira fase, os Centro de Arbitragem recebem as partes em conflito e prestam informação jurídica sobre as matérias da competência do Centro, informam as partes quanto aos seus direitos e deveres e apresentam às partes os meios extrajudiciais de resolução de conflitos disponibilizados: mediação, conciliação e arbitragem.

    Foi a minha experiência e o que eu interpreto daqui.
    OS gajos das marcas fazem positivamente o que lhes apetece, quem paga é o cliente
    Última edição por Psalcedas : 04-11-20 às 13:47:32

  21. #201
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Jul 2015
    Posts
    56

    Por Defeito

    Eu tenho uma situação idêntica, no caso da Ford, dizem que no meu modelo não me conseguem dar uma média de km entre regenerações nem conseguem dar me o histórico das mesmas. Apenas conseguem ver quando foi a última e a quando da mesma o processo reinicia e não indica se existiram regenerações falhadas. Nos novos modelos conseguem o registo das últimas 10 ocorrências.

    Ora eu já estou com 50000 km, já reclamei várias vezes, inicialmente diziam me que era das regenerações mal feitas, fizeram testes ai pelos 28000 km disseram que não tinha ocorrido nenhuma interrupção da regeneração e que não detectavam qualquer anomalia no carro, agora dizem me que nem as médias conseguem obter, ou seja vão brincando ao jogo do cão e do gato. Recentemente fui lá e atribuíram a situação aos pequenos percursos, situação esta que nunca me colocaram em causa.

    Como posso reclamar quando os mesmo alegam que nem uma média nem um registo de regenerações conseguem me dar no meu caso? tenho o registo das mudanças de óleo até à data, mas para poder fazer uma reclamação gostava de todo ter uma ideia de quantos em quantos km o carro faz a regeneração.

    Bem recentemente saí da oficina fiz 370 km fui à mesma para tentarem ler quando o mesmo tinha feito uma regeneração e o que me disseram e mostraram foi que após ter saído da oficina ao fim de 70 km o mesmo tinha feito a regeneração.

    Tenho um Focus mk3 1.5 de 2018.
    Última edição por Berto86 : 04-11-20 às 17:42:29

  22. #202
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Aug 2020
    Localização
    Torres Vedras
    Posts
    137

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Berto86 Ver Post
    Eu tenho uma situação idêntica, no caso da Ford, dizem que no meu modelo não me conseguem dar uma média de km entre regenerações nem conseguem dar me o histórico das mesmas. Apenas conseguem ver quando foi a última e a quando da mesma o processo reinicia e não indica se existiram regenerações falhadas. Nos novos modelos conseguem o registo das últimas 10 ocorrências.

    Ora eu já estou com 50000 km, já reclamei várias vezes, inicialmente diziam me que era das regenerações mal feitas, fizeram testes ai pelos 28000 km disseram que não tinha ocorrido nenhuma interrupção da regeneração e que não detectavam qualquer anomalia no carro, agora dizem me que nem as médias conseguem obter, ou seja vão brincando ao jogo do cão e do gato. Recentemente fui lá e atribuíram a situação aos pequenos percursos, situação esta que nunca me colocaram em causa.

    Como posso reclamar quando os mesmo alegam que nem uma média nem um registo de regenerações conseguem me dar no meu caso? tenho o registo das mudanças de óleo até à data, mas para poder fazer uma reclamação gostava de todo ter uma ideia de quantos em quantos km o carro faz a regeneração.

    Bem recentemente saí da oficina fiz 370 km fui à mesma para tentarem ler quando o mesmo tinha feito uma regeneração e o que me disseram e mostraram foi que após ter saído da oficina ao fim de 70 km o mesmo tinha feito a regeneração.

    Tenho um Focus mk3 1.5 de 2018.
    Normalmente esse é o problema, o condutor não consegue controlar o processo...
    E na oficina geralmente não ajudam porque isso não lhes interessa, é mais fácil mandar as culpas para cima do dono do carro e cobrar mudanças de óleo, evita-lhes chatices e ainda dá lucro

  23. #203
    Piloto de Troféu mpereira's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2003
    Localização
    Lisboa, Portugal
    Posts
    5,945

    Por Defeito

    Entretanto, tiveste alguma novidade ou o comportamento mantém-se?

  24. #204
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Aug 2020
    Localização
    Torres Vedras
    Posts
    137

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por mpereira Ver Post
    Entretanto, tiveste alguma novidade ou o comportamento mantém-se?
    Mantem-se, embora já percebi que com o tempo mais frio o carro não regenera tantas vezes, em relação à hyundai mantem-se, com esta resposta que me deram à última reclamação:

    "Exmo. Sr. Paulo Salcedas,

    No seguimento do seu contacto, informamos que não reconhecemos os dados enquanto lidos utilizando um aparelho de dados não oficial, nem que as leituras tenham sido realizadas e fornecidas por técnicos devidamente certificados para o efeito.


    Aconselhamos que todo e qualquer serviço relacionado com o seu Hyundai seja realizado junto do seu Reparador Autorizado, de modo a manter os registos e maximizar a possibilidade de deteção de situações atípicas ao normal funcionamento.

    Qualquer questão adicional, não hesite em contactar-nos.

    Gratos pela atenção dispensada, despedimo-nos apresentando os nossos melhores cumprimentos."



    Estes fdp declinam sempre responsabilidades...

    Assim não vou lá, preciso de medidas mais drásticas...





  25. #205
    Piloto de Rallye midnightblack's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2014
    Posts
    11,203

    Por Defeito

    Com tanta novela já tinha retirado o fap e siga...mas a garantia não permite essas manobras de bastidores...

  26. #206
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Apr 2016
    Posts
    287

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por midnightblack Ver Post
    Com tanta novela já tinha retirado o fap e siga...mas a garantia não permite essas manobras de bastidores...
    E as alteraçoes ao IPO depois?

  27. #207
    nto
    nto está offline
    Piloto Lendário nto's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2005
    Localização
    Onde tu mais querias estar!!!
    Posts
    55,411

    Por Defeito

    Resposta por parte deles, que não me admira de todo...

  28. #208
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Oct 2003
    Localização
    , , .
    Posts
    8,289

    Por Defeito

    Tu achas mesmo que a marca ia aceitar dados dum leitor "manhoso" usado por alguém sem qualquer certificação na matéria?! Epah genial

    O que podias ter feito, se realmente fosse esse o teu interesse, era apresentar os dados ao chefe de oficina quando fosses deixar o carro.
    Ele logo confirma com o seu equipamento e aceita os teus dados como "mais informação" ou rejeita porque não são coincidentes.

    Não tem que ser o chefe dessa oficina. A marca tem muitas outras, e até há boas oficinas independentes que te podem dar a sua opinião devidamente fundamentada, até por escrito, para depois poderes apresentar na marca.

    Cada vez mais acho que o teu interesse não é tanto ter o problema resolvido, mas sim poder apontar o dedo a alguém.

    Fica a dica, grátis que já piquei para sair: Agora que apresentaste por email dados dum leitor obd sem qualquer certificação, se calhar ser mesmo a centralina queimada (tenho sérias dúvidas, já expliquei porquê), eles podem argumentar que esse leitor queimou a centralina. depois o tribunal logo decide se quem nasceu primeiro foi a galinha ou o ovo, certo certo é que os advogados vão-se fartar de comer ensopado de galinha do campo à vossa pala.
    Casos de leitores OBD desses a queimar centralinas são mais que muitos pelo mundo fora.
    Última edição por Eliselotus : 17-12-20 às 17:34:20
    nto gosta disto.

  29. #209
    Piloto de Rallye midnightblack's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2014
    Posts
    11,203

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por rdguerra Ver Post
    E as alteraçoes ao IPO depois?
    igual como até aqui...só os distraidos são apanhados na curva...

  30. #210
    Piloto Lendário eblase's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2006
    Localização
    Montijo
    Posts
    34,134

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Eliselotus Ver Post
    Tu achas mesmo que a marca ia aceitar dados dum leitor "manhoso" usado por alguém sem qualquer certificação na matéria?! Epah genial

    O que podias ter feito, se realmente fosse esse o teu interesse, era apresentar os dados ao chefe de oficina quando fosses deixar o carro.
    Ele logo confirma com o seu equipamento e aceita os teus dados como "mais informação" ou rejeita porque não são coincidentes.

    Não tem que ser o chefe dessa oficina. A marca tem muitas outras, e até há boas oficinas independentes que te podem dar a sua opinião devidamente fundamentada, até por escrito, para depois poderes apresentar na marca.

    Cada vez mais acho que o teu interesse não é tanto ter o problema resolvido, mas sim poder apontar o dedo a alguém.

    Fica a dica, grátis que já piquei para sair: Agora que apresentaste por email dados dum leitor obd sem qualquer certificação, se calhar ser mesmo a centralina queimada (tenho sérias dúvidas, já expliquei porquê), eles podem argumentar que esse leitor queimou a centralina. depois o tribunal logo decide se quem nasceu primeiro foi a galinha ou o ovo, certo certo é que os advogados vão-se fartar de comer ensopado de galinha do campo à vossa pala.
    Casos de leitores OBD desses a queimar centralinas são mais que muitos pelo mundo fora.
    Adorei ler. Verdade nua e crua.

Página 7 de 8 PrimeiraPrimeira ... 678 ÚltimaÚltima

Regras de Colocação

  • Não pode criar tópicos
  • Não pode responder
  • Não pode colocar anexos
  • Não pode editar os seus posts
  •