O dilema do primeiro carro - novo ou usado?

A mostrar resultados 1 para 30 de 30

Título: O dilema do primeiro carro - novo ou usado?

  1. #1
    Pedestre
    Data de Registo
    Feb 2017
    Posts
    19

    Question O dilema do primeiro carro - novo ou usado?

    Boa tarde a todos!

    O título expressa (mas de forma positiva, claro) o sentimento que tenho vivido nos últimos tempos. Como tal, decidir criar o tópico para perceber se consigo obter alguma ajuda/opiniões sobre como resolver este dilema.

    Comecei a ponderar a hipótese de comprar um carro. Será sempre um modo mais fácil e cómodo de me deslocar e de poupar tempo.

    O citadino seria uma opção talvez mais lógica (resido em Lisboa) mas não consigo achar piada a nenhum, e ao preço que os vejo, não é de todo descabido investir um pouco mais e comprar um utilitário. A questão é mesmo perceber o que comprar, na medida em que o carro seria essencialmente para deslocações curtas, onde não faria muitos quilómetros e para uma utilização pouco intensiva.

    Em conversas com amigos, a larga maioria recomenda-me comprar um usado. Tenho passeado pelos sites "da moda" como o Standvirtual e o OLX, e há de facto imensos negócios apelativos. A questão é que, independentemente do carro, as descrições gerais são de "excelente estado de conservação", "tudo impecável" e afins. Em stands físicos (estilo Santogal e Carplus) vêem-se carros interessantes mas com preços, no meu entender, excessivos. Para um carro usado não pretendia gastar mais de 5.000€, e ver usados com alguns anos a 8.000€ ou mais euros, já carregados de quilómetros, parece-me pouco sensato.

    Para balançar o dilema comecei a pedir propostas em stands de carros novos (VW Polo e Peugeot 208, a gasolina, e no máximo com 90cv) que rondam os 15.000€. É, de facto, mais do que alguns carros usados que tenho visto, mas até que ponto esta diferença não compensa ao nível da durabilidade do veículo?

    Basicamente gostaria de recolher experiências e opiniões de users que, certamente, já passaram por este "dilema", deixando o questionário preenchido.


    1. Que tipo de carros gostas? Carros "sóbrios", pois não sou grande fã dos desportivos.
    2. Quais os segmentos ou tipo de carro em consideração (A - Citadino, B - Utilitário, C - Pequeno Familiar, Monovolume, Jipe, Desportivo, Cabrio, etc)? B
    3. Que marcas e modelos gostas e equacionas? VW (Polo), Skoda (Fabia), Renault (Clio) e Peugeot (208)
    4. Irás andar com passageiros atrás frequentemente? Com que frequência? Muito pouco frequente
    5. Precisarás de levar carga com frequência? Pouca frequência
    6. Que quilometragem anual costumas fazer? Ir-se-à manter nos próximos anos? Difícil de calcular, na medida em que actualmente não uso carro.
    7. Farás muitas viagens em nacionais, circulares, auto-estradas? Não
    8. Os consumos terão grande importância? Sim
    9. A potência do motor terá grande importância? Pouca.
    10. Aprecias explorar caminhos mais desconhecidos, como estradas municipais, estradas de terra, trilhos? Não
    11. Que orçamento tens, valor mínimo e máximo? Até 15.000€
    12. Pretendes novo, pouco usado ou usado, a partir de determinado ano - bastante inclinado para o novo, embora não descarte um usado.



    Obrigado desde já pelas eventuais respostas!


  2. #2
    Piloto de Kart SRT8's Avatar
    Data de Registo
    May 2016
    Posts
    237

    Por Defeito

    Na minha opinião acho que para começar um carro usado serve perfeitamente.

    Claro que depende também das possibilidades de cada um.

    Se fosse eu escolhia um usado (até 5 mil euros há muita coisa interessante) e depois quando ganha-se algum "calo" principalmente em cidade,comprava um novo.

  3. #3
    Banido
    Data de Registo
    Jul 2016
    Posts
    593

    Por Defeito

    Até 5.000€ tens muitos carros de guerra, levas um mecânico que te diga qual é o verdadeiro o estado do carro, não é difícil.

  4. #4
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Jun 2015
    Posts
    261

    Por Defeito

    Tendo possibilidades novo sempre, porém, para quem está a iniciar um usado até 5000€ para ganhar experiência parece-me mais sensato. Depois sim, avançar para um novo

  5. #5
    Piloto Lendário LinoMarques's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2003
    Localização
    Não deite fora as suas revistas de carros - dê-mas!
    Posts
    54,910

    Por Defeito

    Afinal o orçamento são 5000 ou 15000?


  6. #6
    Pedestre
    Data de Registo
    Feb 2017
    Posts
    19

    Por Defeito

    Para carro usado tenho procurado valores no máximo de 5.000€. Para um carro novo, estaria disposto a dar no máximo 15.000€. Isto porque considero que 10.000€, por exemplo, para um carro usado, é demasiado (mas admito que possa ter uma concepção errada, daí ter criado o tópico )

    Citação Originalmente Colocado por LinoMarques Ver Post
    Afinal o orçamento são 5000 ou 15000?

  7. #7
    Piloto de Troféu carbookk's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2015
    Localização
    algures na lua
    Posts
    6,569

    Por Defeito

    até 15000€ eu ia para novo, e já sabes o que tens e a oferta de citadinos é bastante dentro do orçamento, e uma coisa nova, não vais gastar dinheiro em arranjos nos próximos anos, é somente manutenção e meter gasolina, porreiro para andar em cidade...

    quanto a gostos é pá isso não á milagres vais para o que engraçares mais, dos 4 que referiste acima novos, eu ponderava o Peugeot 208 ou o Renault clio, e mais que tudo fazer uns teste drives para ver como é andar nos ditos...

  8. #8
    Piloto de Testes
    Data de Registo
    Sep 2013
    Posts
    2,748

    Por Defeito

    Por 15000 euros um ford fiesta a gasolina era uma excelente opção, mas se é o teu primeiro carro e tens pouca experiência eu optava por um Renault Clio 3 usado pois tem manutenção barata e daqui a 3 anos comprava um carro novo.

  9. #9
    Banido
    Data de Registo
    Feb 2017
    Posts
    600

    Por Defeito

    .............
    Última edição por tosilva : 29-05-17 às 06:05:34

  10. #10
    Piloto de Kart AudiRS's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2017
    Posts
    431

    Por Defeito

    Para primeiro carro talvez fosse melhor optares por um usado. Pequenos toques são propícios a acontecerem quando se tem pouca experiência

  11. #11
    Piloto de Troféu carbookk's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2015
    Localização
    algures na lua
    Posts
    6,569

    Por Defeito

    bem como é o primeiro carro , e como já foi dito derivado a falta de experiência vai ser para bater, mais vale gastar o mínimo, logo se tiver algum problema não perde muito, logo o ideal será comprar algo assim --> https://www.standvirtual.com/anuncio...tml#60c8b5e07e para andar os 1ºs tempos e depois ao fim de 1 ou 2 anos no final de já ter ganho mais alguma experiência, então comprar um novo a extrear...

  12. #12
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Jul 2009
    Posts
    9,543

    Por Defeito

    Eu não levava muito a sério a malta que diz para optares por um carro velho porque vais bater . Percebo a parte de com um carro velho somos menos descuidados (eu próprio passei por isso!), mas acho que o importante é aprenderes a conduzir sem bater nos outros, e para isso não faz diferença ser novo ou velho!

    No teu caso, se podes optar por um novo e és pouco exigente, com 15 mil tens muita coisa por onde escolher, até com menos do que esse valor, mas tens de decidir se queres novo, semi-novo, usado, segmento A, B...
    Relativamente aos usados, pode ser uma opção e também vais bem servido. Se quiseres gastar pouquinho e guardar o resto do dinheiro, tens os puntos como o carbookk postou que são baratos e bastante fiáveis.

    Eu pessoalmente acho o mercado de usados em Portugal um absurdo em termos de preços! Principalmente em segmentos A, B ou mesmo C, que com alguns anos e carregados de km ainda custam uma fatia substancial de quando eram novos. Provavelmente a maioria não partilha da minha opinião.

  13. #13
    Pedestre
    Data de Registo
    Nov 2016
    Posts
    48

    Por Defeito

    Na realidade, não sabemos experiência que o Gobinda tem. Eu sei de um caso em que o primeiro carro foi comprado quando o comprador tinha já 9 anos e meio de carta e cerca de 50.000 kms de experiência de condução.
    Adiante: se há possibilidade financeira para comprar novo, talvez seja mais seguro pois ao menos ele saberá o que está a comprar. Relativamente a um usado, já não é bem assim...
    Última edição por LINCE333 : 02-03-17 às 02:31:30

  14. #14
    Pedestre
    Data de Registo
    Jul 2015
    Posts
    42

    Por Defeito

    Se o user tem experiência a conduzir, aconselhava por exemplo um Kia Rio no caso de um novo ou semi-novo (bem procurado).

    No caso de um usado "para bater" (se o user tiver pouca prática a consuzir), então também aconselho um Clio3.

  15. #15
    Pedestre
    Data de Registo
    Feb 2017
    Posts
    19

    Por Defeito

    Agradeço desde já todos os contributos dados!A nível de experiência, conduzo por vezes o carro do meu pai para as minhas pequenas deslocações (futeboladas, idas ao shopping, etc). Não me considero um condutor "com calo", longe disso, mas até agora nunca tive nenhum de chapa ou afins.De facto o mercado de usados é um mundo complexo, e quando vejo carros com preços de 8.000€ ou mais, começo a pensar se não será mais lógico aplicar esse valor numa entrada para um carro novo. É certo que se há coisa que desvaloriza rapidamente é um automóvel, mas a ideia seria fazer uma aquisição que me durasse algum tempo, e não adquirir agora para vender mais caro daqui a uns anos.Tenho visto alguns carros de particulares interessantes, onde mostram livro de revisões na marca inclusivamente. A questão é: até que ponto é um risco fiável? Porque dá a entender que quem vende, normalmente, considera que tem o carro impecável e pede preços que roçam o ridículo. Dada a minha parca experiência, questiono: qual será o valor "máximo" (embora isto seja altamente subjectivo) para dar por um carro usado, com o máximo de 100.000 km, a gasolina? (é o critério que tenho usado para procura)Grato a todos!

  16. #16
    Piloto de Troféu petrus's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2005
    Localização
    Cabecinha.
    Posts
    8,930

    Por Defeito

    E porque não um "carro de serviço"? Tipo carros com menos de 1 ano e até 10.000 km? Claro que podes não encontrar o cor ou o equipamento que procuras, mas dá para uma poupança muito simpática porque o primeiro "embate" da desvalorização já foi! Além disso, vai com garantia ainda por muito tempo e podes até namorar um contrato de manutenção ou algo parecido, se for a stand! Mesmo a particular há muito disso:

    Exemplo de um Clio:
    https://www.olx.pt/anuncio/renault-c...tml#4ef4ac8658

  17. #17
    Banido AnonymousUser's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2017
    Localização
    Onde a vingança Reina
    Posts
    161

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por brunomeleiro Ver Post
    Eu não levava muito a sério a malta que diz para optares por um carro velho porque vais bater . Percebo a parte de com um carro velho somos menos descuidados (eu próprio passei por isso!), mas acho que o importante é aprenderes a conduzir sem bater nos outros, e para isso não faz diferença ser novo ou velho!

    No teu caso, se podes optar por um novo e és pouco exigente, com 15 mil tens muita coisa por onde escolher, até com menos do que esse valor, mas tens de decidir se queres novo, semi-novo, usado, segmento A, B...
    Relativamente aos usados, pode ser uma opção e também vais bem servido. Se quiseres gastar pouquinho e guardar o resto do dinheiro, tens os puntos como o carbookk postou que são baratos e bastante fiáveis.

    Eu pessoalmente acho o mercado de usados em Portugal um absurdo em termos de preços! Principalmente em segmentos A, B ou mesmo C, que com alguns anos e carregados de km ainda custam uma fatia substancial de quando eram novos. Provavelmente a maioria não partilha da minha opinião.
    Não acho isso , mas concordo com o resto , mas comprar um carro usado não quer dizer que sejamos descuidados , eu falo por mim comprei um segmento E e como devem calcular , (pois sei que existe aqui muito pessoal que têm carros destes novos e velhos) , não ns podemos dar ao luxo de batermos nos postes ou em quer quer que seja até porque um arranjo num carro de segmento alto já se sabe , por isso não venham dizer para o homem não comprar carro novo, pois se compra um usado de segmento alto apesar de custar menos (ou não ), a manutenção será sempre muito mais elevado do que um clio ou um 208.

    É nisto que tens de te focar, compra o carro que te enche as medidas se poderes alcançar um novo força nisso, agora dizerem que é melhor comprar usado porque é ''normal'' dar uns toques não é impedimento para comprar um carro novo.

    Tens garantia e ficas com um carro para alguns anos sem te preocupares muito
    Última edição por AnonymousUser : 02-03-17 às 12:48:27

  18. #18
    Pedestre
    Data de Registo
    Feb 2017
    Posts
    19

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por petrus Ver Post
    E porque não um "carro de serviço"? Tipo carros com menos de 1 ano e até 10.000 km? Claro que podes não encontrar o cor ou o equipamento que procuras, mas dá para uma poupança muito simpática porque o primeiro "embate" da desvalorização já foi! Além disso, vai com garantia ainda por muito tempo e podes até namorar um contrato de manutenção ou algo parecido, se for a stand! Mesmo a particular há muito disso:

    Exemplo de um Clio:
    https://www.olx.pt/anuncio/renault-c...tml#4ef4ac8658
    Este Clio é interessante, mas lá está - dar praticamente 13.000€ a um particular por um Clio, prefiro agarrar em mais 2.000€ e ir até um concessionário da Renault.

  19. #19
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Jul 2009
    Posts
    9,543

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por anonymoususer Ver Post
    não acho isso , mas concordo com o resto , mas comprar um carro usado não quer dizer que sejamos descuidados , eu falo por mim comprei um segmento e e como devem calcular , (pois sei que existe aqui muito pessoal que têm carros destes novos e velhos) , não ns podemos dar ao luxo de batermos nos postes ou em quer quer que seja até porque um arranjo num carro de segmento alto já se sabe , por isso não venham dizer para o homem não comprar carro novo, pois se compra um usado de segmento alto apesar de custar menos (ou não [:d] ), a manutenção será sempre muito mais elevado do que um clio ou um 208.

    é nisto que tens de te focar, compra o carro que te enche as medidas se poderes alcançar um novo força nisso, agora dizerem que é melhor comprar usado porque é ''normal'' dar uns toques não é impedimento para comprar um carro novo.

    Tens garantia e ficas com um carro para alguns anos sem te preocupares muito
    extremee39, bem vindo de volta!!! [:d][:d][:d]

  20. #20
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Nov 2015
    Posts
    80

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por brunomeleiro Ver Post
    Eu não levava muito a sério a malta que diz para optares por um carro velho porque vais bater . Percebo a parte de com um carro velho somos menos descuidados (eu próprio passei por isso!), mas acho que o importante é aprenderes a conduzir sem bater nos outros, e para isso não faz diferença ser novo ou velho!

    No teu caso, se podes optar por um novo e és pouco exigente, com 15 mil tens muita coisa por onde escolher, até com menos do que esse valor, mas tens de decidir se queres novo, semi-novo, usado, segmento A, B...
    Relativamente aos usados, pode ser uma opção e também vais bem servido. Se quiseres gastar pouquinho e guardar o resto do dinheiro, tens os puntos como o carbookk postou que são baratos e bastante fiáveis.

    Eu pessoalmente acho o mercado de usados em Portugal um absurdo em termos de preços! Principalmente em segmentos A, B ou mesmo C, que com alguns anos e carregados de km ainda custam uma fatia substancial de quando eram novos. Provavelmente a maioria não partilha da minha opinião.
    Eu partilho da opiniao... O preço de alguns usados é ridiculo...

  21. #21
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Oct 2008
    Posts
    293

    Por Defeito

    Carro novo nunca valerá a pena comprar, tendo com a grande desvalorização que vai sofrer, logo que saia do concessionário.
    Sugiro que compres um carro de serviço com poucos km's.
    Pessoalmente comprei um Mercedes A180 com 267 km em Outubro, tendo colocado essa desvalorização de parte.
    Última edição por jcab : 05-03-17 às 21:09:25

  22. #22
    Piloto de Testes mdbc's Avatar
    Data de Registo
    May 2010
    Posts
    3,895

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por jcab Ver Post
    Carro nunca nunca valerá a pena comprar, tendo com a grande desvalorização que vai sofrer, logo que saia do concessionário.
    Sugiro que compres um carro de serviço com poucos km's.
    Pessoalmente comprei um Mercedes A180 com 267 km em Outubro, tendo colocado essa desvalorização de parte.
    Quanto custou a menos que o preço de configurador?

  23. #23
    Piloto Lendário LinoMarques's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2003
    Localização
    Não deite fora as suas revistas de carros - dê-mas!
    Posts
    54,910

    Por Defeito

    Também recomendaria um semi-novo em stand da marca, com todas as garantias de novo e em que o primeiro registo será o teu. Poupas alguns milhares e tens um carro a bem dizer novo.

  24. #24
    Banido ricbarata's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2013
    Posts
    3,513

    Por Defeito

    exemplo absurdo de um usado :

    https://www.fordusados.pt/mcoutinhop...-47-QN-52.html





    19.500 €

    • Km:
      5.000 KMs
    • Ano:
      2015
    • Combustível:
      Gasolina
    • Matrícula:
      47-QN-52
    • Potência:
      125
    • Cor:
      Cinzento
    • Tipo de Caixa:
      Manual



    Isto a titulo comparativo com a minha SW do mesmo ano comparada nova e com bastante mais extras que esta usada, a minha ficou quase nos 21.000 €


    Não consigo entender ....

  25. #25
    Piloto de Testes
    Data de Registo
    Jan 2017
    Posts
    3,087

    Por Defeito O dilema do primeiro carro - novo ou usado?

    Primeiro Carro é fundamental potência q.b. Nem muita nem pouca, e se for usado com ESP, por causa da tesao do Mijo.

  26. #26
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Oct 2008
    Posts
    293

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por mdbc Ver Post
    Quanto custou a menos que o preço de configurador?
    4000 €.

  27. #27
    Piloto Lendário caditonuno's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2004
    Localização
    Vem viver a vida, amor, que o tempo que passou não volta não...
    Posts
    65,581

    Por Defeito

    um semi-novo pode ser uma boa compra por causa da desvalorização inicial, no entanto podes apanhar um que serviu de rent-a-car durante uns meses. por outro lado, se comprares novo fica mais caro. um usado barato ou relativamente barato tens menos pressão e menos stress se alguma coisita acontecer, sejam riscos, toques ou acidentes. confuso? eu tentaria encontrar um equilíbrio entre estes três fatores.

  28. #28
    Piloto de Provas de Perícia
    Data de Registo
    Dec 2011
    Posts
    828

    Por Defeito

    Lembra-te, diesel só se for novo, ou muito velho.

  29. #29
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Jul 2009
    Posts
    9,543

    Por Defeito

    A minha opinião é:

    Segmento D para cima, vale a pena comprar usado com 2 ou 3 anos, porque o rombo levado já foi enorme, e carros de 40k já andam na casa dos 20k. Como a qualidade é superior, estarão ainda em muito boas condições de uso. Quem os compra novos normalmente tem mais poder de compra para lhes fazer uma boa manutenção e colocar consumíveis de qualidade. A proveniência de empresas deverá ser bem menor do que nos segmentos abaixo.

    Segmento C, já começa a valer a pena comprar semi-novo, porque os valores de desconto já começam a ser significativos face a um novo, mas atenção que já começam a ser muitas as unidades provenientes de rent-a-car.

    Segmento B, na minha acho que compensa mais comprar novo, uma vez que as diferenças para um usado com 2 ou 3 anos não é assim tão significativa, e como são carros de qualidade mais fraca, o desgaste começa-se a notar mais. Se existirem bons descontos para novos ainda menos compensa comprar semi-novo ou usado. A quantidade de carros provenientes de rent-a-car é astronómica, e a probabilidade de encontrar um que não o seja deverá ser elevadíssima!

    Segmento A, acho absurdos os valores que pedem por carros com meia dúzia de anos ou mais e mais de 100 mil km, onde a diferença para um novo é o quê, 3 ou 4 mil €?

    Posto isto, quanto mais alto o segmento, maior o "rombo", e se um segmento D com 4 já se encontra a cerca de metade do preço em novo, num segmento B e ainda mais o A isso não acontece...além disso a partir de certa idade tendem todos a estacionar nos 5/7 mil € e daí para baixo baixam muito mais lentamente. É o mercado a funcionar, e por norma esses valores estão muito associados até onde as pessoas podem pagar.

    Na questão do combustível, é natural que diesel se mantenha sempre com uma boa margem de diferença face à gasolina, a partir de certo ponto pode ser melhor negócio em termos de valor por km, mas por norma com o mesmo valor, pode significar trazer um carro com menos km, menos anos, mais facilmente em melhor estado, e muitas vezes de uma geração mais recente.

  30. #30
    Pedestre
    Data de Registo
    Feb 2017
    Posts
    19

    Por Defeito "Carro matriculado sem averbamento"

    Olá a todos,comecei a "ronda" de pedidos de propostas e um dos concessionários falou-me em viaturas matriculadas sem averbamento. Este tipo de condição num automóvel é normal, ou é algo de desconfiar?

Regras de Colocação

  • Não pode criar tópicos
  • Não pode responder
  • Não pode colocar anexos
  • Não pode editar os seus posts
  •