Na primeira metade de 2017 renting cresceu em Portugal

A mostrar resultados 1 para 15 de 15

Título: Na primeira metade de 2017 renting cresceu em Portugal

  1. #1
    Piloto de Rallye
    Data de Registo
    May 2004
    Localização
    Zurique, Suica.
    Posts
    12,393

    Por Defeito Na primeira metade de 2017 renting cresceu em Portugal

    O renting está a crescer apoiado pelo interesse que está a despertar entre os clientes particulares e pelo aumento do interesse por parte das pequenas empresas e de empresários em nome individuais.
    ALD, Leaseplan e VWFS falam sobre como correu o primeiro semestre de 2017
    Os dados compilados pela ALF, Associação Portuguesa de Leasing, Factoring e Renting, confirmam o aumento da penetração do renting.
    Na primeira metade do ano, os 6,9% de crescimento da atividade saldaram em cerca de 16.700 novos contratos.
    As três gestoras de frota que responderam ao inquérito enviado pela Fleet Magazine confirmam também esta tendência.
    O crescimento mais expressivo é da mais recente a operar no mercado português, a Volkswagen Financial Services (VWFS), que aponta para um incremento de 46% no período homólogo, com cerca de 1.800 novos contratos de renting de ligeiros e camiões e autocarros.
    A ALD Automotive está em linha com o desenvolvimento do mercado, ao anunciar um crescimento médio anual de 7%, “com uma frota que supera as 16.200 viaturas”, refere Patrícia Sanchez, diretora de comunicação e marketing da gestora.
    Juntamente com a Leaseplan, as duas restantes empresas admitem grandes expetativas quanto aos resultados no final do ano. Mais uma vez, com grande responsabilidade das PME e ENI:
    “Ao nível das PME/ENI, o número de novos contratos continua a acelerar. Aliás, verificámos um crescimento de carteiras de 63% nos primeiros seis meses do ano”, esclarece Nelson Lopes, o novo Head of Fleet da VWFS, que tem a expetativa de poder ver a carteira de clientes crescer cerca de 40%s face a Dezembro de 2016.
    “Vemos muitas oportunidades no mercado com a aquisição de negócios estratégicos e com a dinâmica das PME”, reconhece também Pedro Pessoa da Leaseplan.
    Mais indefinido para qualquer destas três gestoras é a influência que as novas regras de apuramento de emissões automóveis (WLTP) podem vir ter sobre a fiscalidade automóvel e as consequências que daí poderão advir, não apenas para o desempenho da atividade, como para a escolha dos modelos de aquisição.
    Até por razões de Tributação Autónoma.
    Gamas mais procuradas

    Não há grandes novidades no que toca aos modelos que recolhem maior número de contratos este ano.
    A gama Clio (5 lugares e carrinha) lidera destacada a procura entre as versões de passageiros e a versão de 2 lugares é também a que mais tem entrado nas empresas este ano.
    Contudo, os comerciais mais procurados pelo cliente profissional são o Citroen Berlingo, o Peugeot Partner e o Renault Kangoo Express.
    Já no que toca aos modelos de passageiros, além da gama Clio e do sempre bem aceite Nissan Qashqai, as gamas Opel Astra, Peugeot 308, Renault Mégane e Volkswagen Golf (não necessariamente por esta ordem) são as mais procuradas.


  2. #2
    Piloto de Rallye
    Data de Registo
    May 2004
    Localização
    Zurique, Suica.
    Posts
    12,393

    Por Defeito

    Como previ ha uns anos e em vários topicos o car sharing e renting são boas alternativas para muita gente.

    Hoje em dia sabemos que os carros poluem. É nosso dever minimizar o numero de kms feitos anualmente.

  3. #3
    Piloto de Rallye Scientist's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2007
    Localização
    Em lugar algum.
    Posts
    10,641

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Superfast Ver Post
    Como previ ha uns anos e em vários topicos o car sharing e renting são boas alternativas para muita gente.

    Hoje em dia sabemos que os carros poluem. É nosso dever minimizar o numero de kms feitos anualmente.
    Depois de ter visto o tópico aqui ao lado sobre a FNAC ter feito uma parceira com a Leaseplan, vim procurar este tópico, que me lembrava vagamente de ter lido.

    A Leaseplan tem feito campanhas publicitárias "agressivas" nos últimos tempos, mas a questão é... Para o comum comprador particular, o renting compensa?

    Consigo ver, no meu caso pessoal, que me compensasse assim a uns 2 anos, mas maioria dos contratos atiram-se, à partida, para os 4 anos, com algumas excepções para os 3...

  4. #4
    Piloto de Fórmula 1
    Data de Registo
    Feb 2003
    Posts
    19,608

    Por Defeito

    enquanto os juros forem baixos vai ser uma alegria e espero que assim continue.

    não faz muito tempo que sofremos um apertar do cinto e foi ver casas e carros a serem vendidos ao desbarato só para se livrarem das penhoras.

    acho que temos memória curta e não aprendemos as lições.

  5. #5
    Piloto de Rallye Scientist's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2007
    Localização
    Em lugar algum.
    Posts
    10,641

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por josemanuel Ver Post
    enquanto os juros forem baixos vai ser uma alegria e espero que assim continue.

    não faz muito tempo que sofremos um apertar do cinto e foi ver casas e carros a serem vendidos ao desbarato só para se livrarem das penhoras.

    acho que temos memória curta e não aprendemos as lições.
    Não sei se entendi bem onde querias chegar, mas essa "nova vaga de euforia e desafogo" não levaria a compras em vez de alugueres...?

    Por exemplo, depois destas campanhas, comecei a olhar para o renting como uma séria alternativa caso necessite de um segundo carro ou de comprar algo para um prazo mais curto (2 ou 3 anos). Se fosse para um situação mais "definida", avançaria para a compra. Ainda assim, o "receio" de nova crise também ajuda ao "evitar" de compromissos de longo prazo...


  6. #6
    Piloto Lendário msantos's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2006
    Localização
    , , Portugal.
    Posts
    31,336

    Por Defeito

    Eu nunca vi uma proposta de renting que achasse que valesse a pena para particular, mesmo para empresas na penúltima em que estive quando entrei os carros eram comprados ALD, depois passou para o renting e voltaram novamente para as compras em ALD. Um dos problemas eram os km, para quilometragens elevadas o valor de renting também é elevado.

    O exemplo que deram da FNAC era 395€ e só contemplava 10.000km/ano....

  7. #7
    Piloto de Testes joliveira33's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2011
    Localização
    Miranda do Corvo
    Posts
    4,523

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por msantos Ver Post
    Eu nunca vi uma proposta de renting que achasse que valesse a pena para particular, mesmo para empresas na penúltima em que estive quando entrei os carros eram comprados ALD, depois passou para o renting e voltaram novamente para as compras em ALD. Um dos problemas eram os km, para quilometragens elevadas o valor de renting também é elevado.

    O exemplo que deram da FNAC era 395€ e só contemplava 10.000km/ano....
    Pois é uma questão de contas mas se formos a ver o exemplo de cima (não sei qual o carro ) 4 anos são 48 meses a 395€ são 18 960€ cerca de 19 000 euros, ainda é algum dinheiro e se formos a ver um carro com 4 anos ainda se vende bem mais se só fizer 10k kms por ano.

    Fui ver na net afinal é um Mini e são 349€ mensais que dá 16 752€.
    Última edição por joliveira33 : 30-10-17 às 19:33:22

  8. #8
    eu
    eu está offline
    Piloto Veterano
    Data de Registo
    Feb 2003
    Localização
    , , .
    Posts
    23,344

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Scientist Ver Post
    Para o comum comprador particular, o renting compensa?
    Só compensa para quem fizer poucos Kms e não se importar de pagar um custo mensal elevado de modo a trocar de carro com frequência.

    Porque do ponto de vista financeiro, é muito melhor comprar um carro e mantê-lo por muitos anos.

  9. #9
    Piloto de Provas de Perícia lukiluke's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2017
    Localização
    França /Viva Portugal!
    Posts
    522

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por eu Ver Post
    Só compensa para quem fizer poucos Kms e não se importar de pagar um custo mensal elevado de modo a trocar de carro com frequência.

    Porque do ponto de vista financeiro, é muito melhor comprar um carro e mantê-lo por muitos anos.
    Estou de acordo.

  10. #10
    Piloto de Fórmula 1
    Data de Registo
    Feb 2003
    Posts
    19,608

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Scientist Ver Post
    Não sei se entendi bem onde querias chegar, mas essa "nova vaga de euforia e desafogo" não levaria a compras em vez de alugueres...?

    Por exemplo, depois destas campanhas, comecei a olhar para o renting como uma séria alternativa caso necessite de um segundo carro ou de comprar algo para um prazo mais curto (2 ou 3 anos). Se fosse para um situação mais "definida", avançaria para a compra. Ainda assim, o "receio" de nova crise também ajuda ao "evitar" de compromissos de longo prazo...
    teoricamente é isso que a maioria das pessoas pensa.

    vou fazer um renting e quando não quiser salto fora.

    segundo sei, não é bem assim porque caso desistas a meio tens penalidades ( e não são poucas ) para largar o barco a meio.

    não me parece que o renting seja uma boa opção para um particular, mas cada um sabe de si.

    há muitos anos que as pessoas pagam rendas porque é acessível, mas ao fim de X meses ficam sem carro e sem dinheiro.

    se o carro faz mesmo falta, sou da opinião que comprem ( mesmo recorrendo ao crédito ) em vez de entrarem em loucuras de renting.

  11. #11
    Piloto de Rallye
    Data de Registo
    May 2004
    Localização
    Zurique, Suica.
    Posts
    12,393

    Por Defeito

    As leis sao diferentes por isso nao sei.

    Financeiramente faz sentido comprar e manter 10 ou anos.

    Mas comprar um mustang v8, um glc 43 amg etc nunca foi por motivos racionais.

    Em termos emotivos o leasing e melhor. Permite ter carro durante x meses. Apos e possivel decidir: devolver ou comprar.

    Muita gente ao fim de 4 anos prefere outro carro.

  12. #12
    Piloto de Rallye Scientist's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2007
    Localização
    Em lugar algum.
    Posts
    10,641

    Por Defeito Na primeira metade de 2017 renting cresceu em Portugal

    Citação Originalmente Colocado por josemanuel Ver Post
    teoricamente é isso que a maioria das pessoas pensa.

    vou fazer um renting e quando não quiser salto fora.

    segundo sei, não é bem assim porque caso desistas a meio tens penalidades ( e não são poucas ) para largar o barco a meio.

    não me parece que o renting seja uma boa opção para um particular, mas cada um sabe de si.

    há muitos anos que as pessoas pagam rendas porque é acessível, mas ao fim de X meses ficam sem carro e sem dinheiro.

    se o carro faz mesmo falta, sou da opinião que comprem ( mesmo recorrendo ao crédito ) em vez de entrarem em loucuras de renting.
    Percebo o que dizes, mas convém dizer que quando penso num renting (mudar de carro não será para o imediato, dei por mim a fazer essa conjectura apenas), seria para cumprir os 24 ou 36 meses do contrato (48 já me parece demasiado).

    Para mim, a vantagem seria aliviar, de certa forma, a desvalorização inicial de um carro novo, se o objectivo estivesse perfeitamente delineado em apenas utilizar esse carro durante o período contratado. Por exemplo, se por motivos profissionais, perspectivasse precisar de um segundo carro durante uns tempos, ou caso quisesse fazer um upgrade temporário. Poderia comprar um usado (e considerar que seria quase a fundo perdido, mesmo não sendo) ou usar o mesmo orçamento para utilizar um novo.
    Última edição por Scientist : 02-11-17 às 11:41:34

  13. #13
    Piloto de Rallye Scientist's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2007
    Localização
    Em lugar algum.
    Posts
    10,641

    Por Defeito Na primeira metade de 2017 renting cresceu em Portugal

    Post repetido, apagar pf

  14. #14
    Moderador Vanquish's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2003
    Localização
    Por ai...
    Posts
    41,090

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por eu Ver Post
    Só compensa para quem fizer poucos Kms e não se importar de pagar um custo mensal elevado de modo a trocar de carro com frequência.

    Porque do ponto de vista financeiro, é muito melhor comprar um carro e mantê-lo por muitos anos.
    Reavivando este tópico, e porque acabei de fazer as contas globais do meu Megane, nas quais considerei custo de aquisição, juros do crédito, IUC, seguro e manutenção preventiva e corretiva, estou em condições de afirmar que, para mim, o renting (ainda) não compensa!

    Adquiri o Renault Megane III 1.5 dCi (de Abril de 2009) em Novembro de 2009, e fiz até ao momento 168000kms, o que somado aos 14500kms que já tinha, perfaz os 182500kms com que está atualmente.

    Tudo somado (mesmo tudo), tenho um custo médio mensal de ~240€.

    Atenção que, mesmo não pretendendo trocá-lo já, estou a considerar o hipotético valor de retoma atual e a diferença deste para o valor de aquisição com juros.

    Considerando tratar-se de um segmento C carregado de equipamento, e do facto de manter sempre o seguro de DP com franquia zero (as "promoções" deles têm normalmente franquia de 4%), será quase impossível conseguir um renting por valores aproximados a estes para 20000kms/ano. Mesmo que os meus valores sejam ligeiramente otimistas, e que afinal o custo seja de 300€/mês, ainda acho dificil conseguir um carro idêntico com as mesmas condições.

    A isto acresce a vantagem de não ter que dar satisfações a ninguém acerca do carro, e fazer o que quero, quando quero, no carro.

    Acresce o facto de; se hoje acabasse o contrato e não tivesse condições financeiras para me meter noutro, ficava sem carro, ao passo que este é meu, está pago e está em casa.

    A desvantagem é que qualquer eventual avaria grave fica a meu cargo. No entanto, também temos que ter atenção ás condições gerais dos contratos de renting, não sabendo se os problemas que surjam num carro de renting terão uma resolução tão linear assim. Há sempre questões de uso negligente, para além de que a manutenção corretiva nem sempre está incluída, com a agravante de ter que ser feita a preços deles e paga pelo locatário.

    Resumo: para mim, (ainda) não compensa!
    Última edição por Vanquish : 17-06-18 às 18:38:48

  15. #15
    Piloto de Fórmula 1 Vocsa's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2014
    Localização
    Vocsistão: Independência já!
    Posts
    15,413

    Por Defeito

    No genérico penso que para particulares as contas vão quase sempre ao encontro das tuas (mais coisa menos coisa). Não compensa muito. Ou melhor, quase nunca compensa.

    No entanto tens aí uma frase discutível do ponto de vista "contabilístico": Se o contrato acabasse hoje e tal o carro já é teu. Mas descontaste o valor dele se o devolvesses/vendesses.

    Fizeste bem em calcular assim mas depois deixas de poder invocar essa premissa. Porque esse seria o valor teórico que terias no bolso se não o tivesses comprado e optado por um renting no valor que calculaste.

Regras de Colocação

  • Não pode criar tópicos
  • Não pode responder
  • Não pode colocar anexos
  • Não pode editar os seus posts
  •