Dacia Spring Electric | O Elétrico/SUV mais barato do mercado - Página 2

Página 2 de 4 PrimeiraPrimeira 123 ... ÚltimaÚltima
A mostrar resultados 31 para 60 de 111
Like Tree64Likes

Título: Dacia Spring Electric | O Elétrico/SUV mais barato do mercado

  1. #31
    Piloto de Rallye Afcivic's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2005
    Localização
    Viseu, Portugal.
    Posts
    14,412

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por cjr Ver Post
    Isso sim, seria importante. Assim de repente, e como exemplo, ia de fim de semana e fazia 100km para cada lado. Chego a casa e por algum motivo preciso de sair outra vez (compras, farmácia, hospital, etc). Já não posso...

    Nesta altura do campeonato, creio que lançar e comprar carros elétricos com uma autonomia inferior a 300 km acaba por não fazer muito sentido.

    Fazer Lisboa-Porto (ou vice-versa) sem parar é o mínimo que se exige...

    Claro que podes sair outra vez, este carro não tem ficha para carga rápida?


  2. #32
    cjr
    cjr está offline
    Piloto de Troféu cjr's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2009
    Posts
    6,013

    Por Defeito

    Exatamente, tenho de carregar e esperar. É por aí mesmo...

  3. #33
    Piloto de Fórmula 1 Fabulous's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2014
    Localização
    リスボン
    Posts
    16,833

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por cjr Ver Post
    Isso sim, seria importante. Assim de repente, e como exemplo, ia de fim de semana e fazia 100km para cada lado. Chego a casa e por algum motivo preciso de sair outra vez (compras, farmácia, hospital, etc). Já não posso...

    Nesta altura do campeonato, creio que lançar e comprar carros elétricos com uma autonomia inferior a 300 km acaba por não fazer muito sentido.

    Fazer Lisboa-Porto (ou vice-versa) sem parar é o mínimo que se exige...
    Para andar na cidade e alguma estrada chega e sobra. Este carro é um citadino, a autonomia é mais do que suficiente para o seu propósito.

  4. #34
    Piloto de Troféu ARMIC's Avatar
    Data de Registo
    Nov 2010
    Posts
    7,778

    Por Defeito

    Pq carga de agua as saídas de ar estão lá no cimo em vez do ecrã Isto é, por todas as razões, das coisas mais parvas que já vi em termos de ergonomia

    whocarez1973 gosta disto.

  5. #35
    Piloto Veterano
    Data de Registo
    May 2003
    Localização
    charneira anti-lápis vermelho
    Posts
    23,259

    Por Defeito

    porque é mais barato.


  6. #36
    Piloto de Troféu Topolino's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2017
    Posts
    5,867

    Por Defeito

    Serve perfeitamente para carro urbano de uma família que tenha outro carro para viagens maiores. O carro da minha mulher anda uns 20 km por dia em voltinhas e raramente se afasta mais de 35 km da localidade.
    Para carro único de uma família não serve.

  7. #37
    Piloto de Rallye Afcivic's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2005
    Localização
    Viseu, Portugal.
    Posts
    14,412

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por cjr Ver Post
    Exatamente, tenho de carregar e esperar. É por aí mesmo...

    Claro que tens, é como num CI, se tiveres que sair e tens o deposito vazio tens que ir às bombas.

  8. #38
    Piloto de Troféu whereagles's Avatar
    Data de Registo
    May 2004
    Localização
    Coimbra, Portugal.
    Posts
    8,181

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por ARMIC Ver Post
    Pq carga de agua as saídas de ar estão lá no cimo em vez do ecrã Isto é, por todas as razões, das coisas mais parvas que já vi em termos de ergonomia
    estão ao nível do peito/rosto dos ocupantes. não me parece mal.

  9. #39
    Piloto Veterano
    Data de Registo
    May 2003
    Localização
    charneira anti-lápis vermelho
    Posts
    23,259

    Por Defeito

    O pessoal não sabe mesmo sair do seu próprio mundo. E nem esforço faz.

    Em Portugal é muito comum o carro servir para todas as utilizações de uma família. Por isso vimos nos anos 90 Fiats Puntos utilizados como carros familiares. Ou vemos Smarts a fazer Lisboa-Porto na A1.

    Noutros mercados mais maduros -e com mais poder de compra-, é perfeitamente comum haver um veículo que só faz cidade e e/ou circuitos peri-urbanos e que nunca/raramente passa no seu dia-a-dia sequer dos 80-100 km/h.

    Agora pensem no enorme mercado disponível para um produto como o Kwid/K-ZE/Spring Eléctrico que será o primeiro eléctrico que se poderá comprar pelo mesmo preço de um segmento A a gasolina (com os incentivos disponíveis neste momento em mercados como o francês, inglês ou alemão). Eléctrico como se quer para a cidade nos dias de hoje, saltos altos de SUV para ser cool e subir passeios, preço-bomba.

    Estimo uma lista de espera enorme. O maior defeito do carro vai ser mesmo a indisponibilidade e provavelmente as restrições de se ficar à espera do primeiro disponível não podendo escolher cores ou níveis de equipamento.

    É completamente irrelevante que não passe dos 125 km/h.

    E só quem não percebeu o tipo de utilização e comprador que este carro vai ter, acha que isso vai constituir um problema.
    Última edição por Andre : 18-10-20 às 12:11:13

  10. #40
    Piloto de Troféu whereagles's Avatar
    Data de Registo
    May 2004
    Localização
    Coimbra, Portugal.
    Posts
    8,181

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Topolino Ver Post
    Serve perfeitamente para carro urbano de uma família que tenha outro carro para viagens maiores. O carro da minha mulher anda uns 20 km por dia em voltinhas e raramente se afasta mais de 35 km da localidade.
    Para carro único de uma família não serve.
    depende da família. para muita gente chegava e sobrava

    desde que consigas meter 80% da carga em meia hora num PCR estás à vontade para ir a 100% do litoral e muito do interior
    tonyV gosta disto.

  11. #41
    Piloto de Troféu Topolino's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2017
    Posts
    5,867

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Andre Ver Post
    O pessoal não sabe mesmo sair do seu próprio mundo. E nem esforço faz.

    Em Portugal é muito comum o carro servir para todas as utilizações de uma família. Por isso vimos nos anos 90 Fiats Puntos utilizados como carros familiares. Ou vemos Smarts a fazer Lisboa-Porto na A1.

    Noutros mercados mais maduros -e com mais poder de compra-, é perfeitamente comum haver um veículo que só faz cidade e e/ou circuitos peri-urbanos e que nunca/raramente passa no seu dia-a-dia sequer dos 80-100 km/h.

    Agora pensem no enorme mercado disponível para um produto como o Kwid/K-ZE/Spring Eléctrico que será o primeiro eléctrico que se poderá comprar pelo mesmo preço de um segmento A a gasolina (com os incentivos disponíveis neste momento em mercados como o francês, inglês ou alemão). Eléctrico como se quer para a cidade nos dias de hoje, saltos altos de SUV, preço-bomba.

    Estimo uma lista de espera enorme. O maior defeito do carro vai ser mesmo a indisponibilidade.

    É completamente irrelevante que não passe dos 125 km/h e só quem não percebeu o tipo de utilização e comprador que este carro vai ter, acha que isso vai constituir um problema.
    Tirando a parte em que afirmas que em Portugal é normal ter um carro para tudo (era nas décadas de 80 e 90, agora rara é a família que só tem um carro) é isto.

  12. #42
    cjr
    cjr está offline
    Piloto de Troféu cjr's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2009
    Posts
    6,013

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Afcivic Ver Post
    Claro que tens, é como num CI, se tiveres que sair e tens o deposito vazio tens que ir às bombas.
    Claro, ter uma autonomia de pouco mais de 200km é a mesma coisa do que ter uma autonomia de mais de 800 ou 900km... e encher um depósito numa bomba e estar pronto em 5 minutos para fazer mais 800 ou 900 km é exatamente a mesma coisa do que estar a carregar à pressa um carro em cerca de uma hora (na melhor das hipóteses) para depois fazer menos de 200 km. Realmente tem tudo a ver...

    Compro este Dacia para poupar em deslocações, mas se for de Lisboa ao Porto ou fizer outra viagem relativamente longo (150 km para cada lado) tenho de parar no meio do caminho para carregar.

    Se for para fazer 10km por dia aos dias de semana (menos de 2500 por ano) não preciso gastar 15 000 ou 20 000 euros neste carro, compro um usado a gasolina por 3000€ ou 4000€ que me dura 10 anos...

    Aliás, a autonomia não interessa para nada, mas todas as marcas estão "desesperadas" a tentar aumentar a autonomia dos seus modelos.

    Essa é a sua maior preocupação, até a nível de marketing.

    Mas pronto, quando a Dacia lançar este modelo com 350 km ou mais de autonomia estaremos cá para ler que "esta autonomia era desnecessária e que não valia a pena".

  13. #43
    LIC
    LIC está offline
    Piloto Veterano LIC's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2009
    Localização
    Com os pés na terra.
    Posts
    24,823

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por DeCeIi Ver Post
    O 2 cv e a 4L nem davam 120 km/h e o limite em AE já era superior e vendiam-se na mesma...

    Este Dacia terá mais conforto e seguramente mais segurança mas como só dá 125 km/h já não serve ou presta...
    Não é por isso. É mesmo pelo logotipo na grelha.
    Se forem 4 argolas até podia só dar 119Km/h que vendia muito.
    Dacia, mas quem é que compra Dacia?

    cloverleaf, EscapeLivre and PMCF like this.

  14. #44
    Piloto Veterano
    Data de Registo
    May 2003
    Localização
    charneira anti-lápis vermelho
    Posts
    23,259

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Topolino Ver Post
    Tirando a parte em que afirmas que em Portugal é normal ter um carro para tudo (era nas décadas de 80 e 90, agora rara é a família que só tem um carro) é isto.
    Não é uma questão de haver só 1 carro.

    Mesmo um agregado/casalcom dois carros, vais reparar que há um compromisso e um deles tem que ser o carro familiar/grande que anda a fazer cidade no dia-a-dia.

    Nas grandes cidades europeias têm-se, muitas vezes, dois citadinos. E depois o carro familiar para o fim de semana. As famílias em Portugal nessa situação são uma minoria.

    Daí o horror deos comentários de se ter um carro que "só faz 125 km/h". É uma limitação pois cá um carro tem que dar para tudo, só um "rico" se pode dar ao luxo de não ter um carro que não dê para todas as situações.

  15. #45
    Piloto de Troféu ARMIC's Avatar
    Data de Registo
    Nov 2010
    Posts
    7,778

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Afcivic Ver Post
    Claro que tens, é como num CI, se tiveres que sair e tens o deposito vazio tens que ir às bombas.
    O ecrã, como é sabido, deve estar o mais possível na linha de visão-estrada, daí as tablets estarem a dominar, de forma a não ter que fazer um tablier demasiado volumoso e alto para as acolher. Mas mesmo querendo fazer td no mesmo modulo central, não se percebe a inversão da coisa neste caso.

    já as saídas de ar até convém que não estejam tão ao nível da cara

  16. #46
    Piloto de Testes PugGT's Avatar
    Data de Registo
    Mar 2014
    Localização
    Servidor Motorguia
    Posts
    2,759

    Por Defeito

    Obviamente q a velocidade vai dar perfeitamente p a sra ir à missa ao domingo e às aulas de croché semanais. E se for numa cidade plana melhor ainda.

  17. #47
    Piloto de Testes delta18's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2012
    Posts
    3,329

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por cjr Ver Post
    Claro, ter uma autonomia de pouco mais de 200km é a mesma coisa do que ter uma autonomia de mais de 800 ou 900km... e encher um depósito numa bomba e estar pronto em 5 minutos para fazer mais 800 ou 900 km é exatamente a mesma coisa do que estar a carregar à pressa um carro em cerca de uma hora (na melhor das hipóteses) para depois fazer menos de 200 km. Realmente tem tudo a ver...

    Compro este Dacia para poupar em deslocações, mas se for de Lisboa ao Porto ou fizer outra viagem relativamente longo (150 km para cada lado) tenho de parar no meio do caminho para carregar.

    Se for para fazer 10km por dia aos dias de semana (menos de 2500 por ano) não preciso gastar 15 000 ou 20 000 euros neste carro, compro um usado a gasolina por 3000€ ou 4000€ que me dura 10 anos...

    Aliás, a autonomia não interessa para nada, mas todas as marcas estão "desesperadas" a tentar aumentar a autonomia dos seus modelos.

    Essa é a sua maior preocupação, até a nível de marketing.

    Mas pronto, quando a Dacia lançar este modelo com 350 km ou mais de autonomia estaremos cá para ler que "esta autonomia era desnecessária e que não valia a pena".
    Eu nem gosto de carros elétricos, mas cada pessoa tem diferentes necessidades.

    Por esse prisma ninguém comprava carros novos para andar em cidade...

  18. #48
    Piloto de Testes ASOT's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2013
    Posts
    2,668

    Por Defeito

    Pela forma da tomada fêmea, tem hipótese de carregamento rápido.

    Num casal, se ambos tiverem carta, só têm um carro para ambos se forem ponderantemente metódicos, E/OU com horários de trabalho compatíveis. Se meter turnos ou horas extras, chapéu!

    No meu caso, sem garagem, tenho de fazer 16 kms para o PCR mais próximo. Não dá para facilitar na ida em reserva.

    Citação Originalmente Colocado por cjr Ver Post
    Claro, ter uma autonomia de pouco mais de 200km é a mesma coisa do que ter uma autonomia de mais de 800 ou 900km... e encher um depósito numa bomba e estar pronto em 5 minutos para fazer mais 800 ou 900 km é exatamente a mesma coisa do que estar a carregar à pressa um carro em cerca de uma hora (na melhor das hipóteses) para depois fazer menos de 200 km. Realmente tem tudo a ver...

    Compro este Dacia para poupar em deslocações, mas se for de Lisboa ao Porto ou fizer outra viagem relativamente longo (150 km para cada lado) tenho de parar no meio do caminho para carregar.

    Se for para fazer 10km por dia aos dias de semana (menos de 2500 por ano) não preciso gastar 15 000 ou 20 000 euros neste carro, compro um usado a gasolina por 3000€ ou 4000€ que me dura 10 anos...
    Para 10 kms diários gastas uns 1000 no máximo e se for preciso dura esses 10 anos ou mais, a não ser que o governo me restrinja de andar a circular com ele.
    O que não falta são carros com poucos kms, esteticamente bem conservados, mas pouco populares e com fama de mamões, o que levam a pedir menos.


    Citação Originalmente Colocado por ARMIC Ver Post
    O ecrã, como é sabido, deve estar o mais possível na linha de visão-estrada, daí as tablets estarem a dominar, de forma a não ter que fazer um tablier demasiado volumoso e alto para as acolher. Mas mesmo querendo fazer td no mesmo modulo central, não se percebe a inversão da coisa neste caso.

    já as saídas de ar até convém que não estejam tão ao nível da cara
    O Corsa F riu-se.

  19. #49
    Piloto de Fórmula 1
    Data de Registo
    Mar 2005
    Localização
    Vai ficar tudo igual
    Posts
    15,806

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por cjr Ver Post
    Claro, ter uma autonomia de pouco mais de 200km é a mesma coisa do que ter uma autonomia de mais de 800 ou 900km... e encher um depósito numa bomba e estar pronto em 5 minutos para fazer mais 800 ou 900 km é exatamente a mesma coisa do que estar a carregar à pressa um carro em cerca de uma hora (na melhor das hipóteses) para depois fazer menos de 200 km. Realmente tem tudo a ver...

    Compro este Dacia para poupar em deslocações, mas se for de Lisboa ao Porto ou fizer outra viagem relativamente longo (150 km para cada lado) tenho de parar no meio do caminho para carregar.

    Se for para fazer 10km por dia aos dias de semana (menos de 2500 por ano) não preciso gastar 15 000 ou 20 000 euros neste carro, compro um usado a gasolina por 3000€ ou 4000€ que me dura 10 anos...

    Aliás, a autonomia não interessa para nada, mas todas as marcas estão "desesperadas" a tentar aumentar a autonomia dos seus modelos.

    Essa é a sua maior preocupação, até a nível de marketing.

    Mas pronto, quando a Dacia lançar este modelo com 350 km ou mais de autonomia estaremos cá para ler que "esta autonomia era desnecessária e que não valia a pena".
    Explica-me como fazes um veículo eléctrico barato, com autonomia de 350km....fiquei curioso.

    P.S. 1300km e parei uma vez num posto (para experimentar). O acumulado de tempo dispensado em bombas de gasolina ninguém te tira, fica descansado

  20. #50
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Aug 2014
    Localização
    Entre Miranda do Douro e Lisboa
    Posts
    195

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Afcivic Ver Post
    Claro que podes sair outra vez, este carro não tem ficha para carga rápida?
    Tem, pois aceita corrente DC, deve seguir o mesmo exemplo do ZOE.

    Citação Originalmente Colocado por cjr Ver Post
    Exatamente, tenho de carregar e esperar. É por aí mesmo...
    Antes de mais, sempre que se faz grandes viagens deve-se sempre parar a cada 2 horas.

    Depois:
    - Preciso de ir à casa de banho, lá vou eu, estou despachadinho entretanto.
    A tua mulher:
    - Também preciso de ir à casa de banho, lá vou eu, mas demoro um pouco mais, todos sabemos o porquê.
    A seguir, ambos:
    - Apetece-me um café, ah, e um bolinho para acompanhar. Lá vamos ao café da área de serviço (ou da esquina).
    Enquanto tomam um café, vão conversando como faz parte da rotina.

    Entretanto, já passou uns 20 minutos ou 30, e a bateria já recuperou uma grande parte da carga.

    Tudo bem planeado e é possível fazer as coisas sem apanhar momentos de seca.

  21. #51
    Piloto de Testes delta18's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2012
    Posts
    3,329

    Por Defeito

    Exato, mas entretanto numa viagem de 300kms que fazes, em AE, em cerca de 2h30min sem paragens (até menos), tens de andar a pastar na AE porque a autonomia desaparece, com um stress mental de andar a ver os números todos, tens de parar num estação de serviço e beber cafés, talvez comer, para quem fuma 1 ou 2 cigarritos, e no final o que gastaste extra já dava para o gasóleo (então se for uma família... ) e demoravas 3x menos a chegar ao destino...

    Volto a dizer, para percursos urbanos até dá, agora para viagens maiores, a não ser um Tesla long range ou algo parecido, vais andar a penar, a stressar e a gastar dinheiro em bens de consumo extra por causa de tantas ou longas paragens.

  22. #52
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Jan 2016
    Localização
    Alenquer
    Posts
    74

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Andre Ver Post
    Não é uma questão de haver só 1 carro.

    Mesmo um agregado/casalcom dois carros, vais reparar que há um compromisso e um deles tem que ser o carro familiar/grande que anda a fazer cidade no dia-a-dia.

    Nas grandes cidades europeias têm-se, muitas vezes, dois citadinos. E depois o carro familiar para o fim de semana. As famílias em Portugal nessa situação são uma minoria.

    Daí o horror deos comentários de se ter um carro que "só faz 125 km/h". É uma limitação pois cá um carro tem que dar para tudo, só um "rico" se pode dar ao luxo de não ter um carro que não dê para todas as situações.
    Parto do principio que para fazer viagens é preciso mais de 125km/h ?
    Ainda bem que vão por radares com médias. Os anos passam, os avisos são mais que muitos, e não há maneira das pessoas aprenderem que tem que OBRIGATORIAMENTE e num curto espaço de tempo mudar os habitos para salvar o AMBIENTE.
    nasotr gosta disto.

  23. #53
    Piloto Lendário EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Às vezes é no meio do silêncio que descubro as palavras por dizer"
    Posts
    30,737

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por cjr Ver Post
    Isso sim, seria importante. Assim de repente, e como exemplo, ia de fim de semana e fazia 100km para cada lado. Chego a casa e por algum motivo preciso de sair outra vez (compras, farmácia, hospital, etc). Já não posso...

    Nesta altura do campeonato, creio que lançar e comprar carros elétricos com uma autonomia inferior a 300 km acaba por não fazer muito sentido.

    Fazer Lisboa-Porto (ou vice-versa) sem parar é o mínimo que se exige...
    Claro que não é o mínimo que se exige.

    Estamos a falar de um segmento de mercado feito para deslocações urbanas com um baixo custo, e não para viagens maiores.

    Que é o padrão de muita gente.

    Vocês podem adorar fazer 400 km sem parar mas há pessoas que passam anos sem sair do próprio distrito, sem viagens grandes, e apenas pêndulos em voltinhas diárias e praticamente nada mais.

    Ora, claro que para mim tambem não dava porque o tempo de carregamento iria ser um problema, até porque faço constantemente viagens grandes.

    Mas há soluções para cada um.

  24. #54
    Piloto Lendário EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Às vezes é no meio do silêncio que descubro as palavras por dizer"
    Posts
    30,737

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Andre Ver Post
    Não é uma questão de haver só 1 carro.

    Mesmo um agregado/casalcom dois carros, vais reparar que há um compromisso e um deles tem que ser o carro familiar/grande que anda a fazer cidade no dia-a-dia.

    Nas grandes cidades europeias têm-se, muitas vezes, dois citadinos. E depois o carro familiar para o fim de semana. As famílias em Portugal nessa situação são uma minoria.

    Daí o horror deos comentários de se ter um carro que "só faz 125 km/h". É uma limitação pois cá um carro tem que dar para tudo, só um "rico" se pode dar ao luxo de não ter um carro que não dê para todas as situações.
    Compreendo, mas há muito mercado alem do nosso, como tu identificas e bem.

    Mas agora imaginemos, em vez de terem um carro para as deslocações mais curtas, tipo um segmento A ou B a gasolina, podem agora ter um mais económico e de manutenção mais fácil, além das outras vantagens, e mantêm o tradicional segmento C para o resto.

    O preço é que pode não ajudar...
    whocarez1973 gosta disto.

  25. #55
    Piloto de Rallye Afcivic's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2005
    Localização
    Viseu, Portugal.
    Posts
    14,412

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por cjr Ver Post
    Claro, ter uma autonomia de pouco mais de 200km é a mesma coisa do que ter uma autonomia de mais de 800 ou 900km... e encher um depósito numa bomba e estar pronto em 5 minutos para fazer mais 800 ou 900 km é exatamente a mesma coisa do que estar a carregar à pressa um carro em cerca de uma hora (na melhor das hipóteses) para depois fazer menos de 200 km. Realmente tem tudo a ver...

    Compro este Dacia para poupar em deslocações, mas se for de Lisboa ao Porto ou fizer outra viagem relativamente longo (150 km para cada lado) tenho de parar no meio do caminho para carregar.

    Se for para fazer 10km por dia aos dias de semana (menos de 2500 por ano) não preciso gastar 15 000 ou 20 000 euros neste carro, compro um usado a gasolina por 3000€ ou 4000€ que me dura 10 anos...

    Aliás, a autonomia não interessa para nada, mas todas as marcas estão "desesperadas" a tentar aumentar a autonomia dos seus modelos.

    Essa é a sua maior preocupação, até a nível de marketing.

    Mas pronto, quando a Dacia lançar este modelo com 350 km ou mais de autonomia estaremos cá para ler que "esta autonomia era desnecessária e que não valia a pena".
    Tudo o que disseste é obvio, mas queres que eu arranje cenários piores para os CI em relação a este EV?
    E eu que tenho andado pelo mundo dos EV diria que estás muito mal informado se achas que as marcas estão a colocar a sua maior preocupação na autonomia, diria-te muitas marcas em que isso não acontece.

  26. #56
    Piloto Veterano
    Data de Registo
    May 2003
    Localização
    charneira anti-lápis vermelho
    Posts
    23,259

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por PMCF Ver Post
    Parto do principio que para fazer viagens é preciso mais de 125km/h ?
    Ainda bem que vão por radares com médias. Os anos passam, os avisos são mais que muitos, e não há maneira das pessoas aprenderem que tem que OBRIGATORIAMENTE e num curto espaço de tempo mudar os habitos para salvar o AMBIENTE.
    Como deves ter noção, a velocidade máxima per si não interessa muito mas com <50cv não há milagres e a capacidade de chegar lá é lenta pelo que será um veículo bastante limitado acima dos 80-90 km/h.

    E isso OBVIAMENTE constitui uma limitação de utilização em qualquer AE, com ou sem preocupações para salvar o AMBIENTE.

  27. #57
    Piloto Veterano
    Data de Registo
    Mar 2004
    Localização
    Rio de Mouro, Lisboa, Portugal
    Posts
    23,890

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por cjr Ver Post
    Isso sim, seria importante. Assim de repente, e como exemplo, ia de fim de semana e fazia 100km para cada lado. Chego a casa e por algum motivo preciso de sair outra vez (compras, farmácia, hospital, etc). Já não posso...

    Nesta altura do campeonato, creio que lançar e comprar carros elétricos com uma autonomia inferior a 300 km acaba por não fazer muito sentido.

    Fazer Lisboa-Porto (ou vice-versa) sem parar é o mínimo que se exige...
    Compra um Tesla. Mas quanto é que ele custa mesmo?

    Nesta altura dificilmente se faz Lisboa Porto com o mesmo à vontade do que com um carro com motor de combustão com um eléctrico.

    Tirando os Tesla e pouco mais, diz lá um que faça Lisboa Porto ao ritmo de 120-140 Km/h de uma tirada? Sem nos preocuparmos com autonomia ou ir a pisar ovos...

  28. #58
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Jan 2016
    Localização
    Alenquer
    Posts
    74

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Andre Ver Post
    Como deves ter noção, a velocidade máxima per si não interessa muito mas com <50cv não há milagres e a capacidade de chegar lá é lenta pelo que será um veículo bastante limitado acima dos 80-90 km/h.

    E isso OBVIAMENTE constitui uma limitação de utilização em qualquer AE, com ou sem preocupações para salvar o AMBIENTE.
    Tens noção que o post falava do limite de 125km/h e não da potençia.

  29. #59
    Piloto de Troféu Topolino's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2017
    Posts
    5,867

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por DeCeIi Ver Post
    Compra um Tesla. Mas quanto é que ele custa mesmo?

    Nesta altura dificilmente se faz Lisboa Porto com o mesmo à vontade do que com um carro com motor de combustão com um eléctrico.

    Tirando os Tesla e pouco mais, diz lá um que faça Lisboa Porto ao ritmo de 120-140 Km/h de uma tirada? Sem nos preocuparmos com autonomia ou ir a pisar ovos...
    Todos os Tesla que tenho apanhado também vão a pisar ovos. Talvez por a idade dos seus condutores ser elevada.

  30. #60
    Piloto Lendário caditonuno's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2004
    Localização
    Vem viver a vida, amor, que o tempo que passou não volta não...
    Posts
    65,282

    Por Defeito

    ainda andam a discutir a cena dos 125km/h?
    tgfj555 gosta disto.

Página 2 de 4 PrimeiraPrimeira 123 ... ÚltimaÚltima

Etiquetas para este tópico

Regras de Colocação

  • Não pode criar tópicos
  • Não pode responder
  • Não pode colocar anexos
  • Não pode editar os seus posts
  •