Quando compram um carro o que é que preferem? Novo? Usado?... - Página 2

Ver Resultados da Sondagem: O que me move na compra de um carro?

Votantes
172. Não pode votar nesta sondagem
  • Prefiro carros usados

    34 19.77%
  • Prefiro carros novos

    83 48.26%
  • Prefiro carros premium

    30 17.44%
  • Prefiro carros não premium

    10 5.81%
  • Prefiro usados premium a carros novos mais baratos

    32 18.60%
  • Prefiro carros novos e baratos a usados premium

    23 13.37%
  • A marca é factor determinante para a compra de um carro

    50 29.07%
  • A marca não tem influência nenhuma na compra de carro

    14 8.14%
  • Na compra de um carro o preço é que "manda"

    52 30.23%
  • Na compra de um carro o preço diz-me pouco, ou nada

    6 3.49%
  • Compro os meus carros com base na paixão

    27 15.70%
  • Compro os meus carros com base na razão

    17 9.88%
  • Compro os meus carros tentando que os motivos sejam o equilíbrio entre paixão e razão

    88 51.16%
  • Compro os meus carros apenas para me deslocar de um ponto ao outro...

    3 1.74%
  • O valor de retoma é um dos factores principais de escolha

    13 7.56%
  • O valor de retoma não me diz nada, ou diz-me muito pouco

    35 20.35%
  • O ratio "value for money" é determinante para a minha escolha

    49 28.49%
  • O "value for money" diz-me pouco, ou mesmo nada

    9 5.23%
  • A cor é mais importante do que a marca e, muitas vezes, o modelo

    11 6.40%
  • Compro carros de qualquer cor

    21 12.21%
Sondagem de Escolha Múltipla.
Página 2 de 3 PrimeiraPrimeira 123 ÚltimaÚltima
A mostrar resultados 31 para 60 de 64

Título: Quando compram um carro o que é que preferem? Novo? Usado?...

  1. #31
    Piloto de Rallye rogerAjacto's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2004
    Localização
    Portugal
    Posts
    14,591

    Por Defeito

    Prefiro carros novos
    Prefiro carros novos e baratos a usados premium
    Na compra de um carro o preço é que "manda"
    Compro os meus carros tentando que os motivos sejam o equilíbrio entre paixão e razão O ratio "value for money" é determinante para a minha escolha


  2. #32
    Piloto de Testes Shidoshi's Avatar
    Data de Registo
    May 2005
    Localização
    SPARTA
    Posts
    1,341

    Por Defeito

    Premium, usado (só pelo preço, claro) e marca.

    Premium, porque ao contrário do que muitos querem fazer crer, vai muito além de status (apesar de haver quem compre só por isso). É o design, dinâmica, carisma e inovação técnica em tudo mais apurado.

    Usado, porque actualmente o preço dos carros novos (principalmente em PORTUGAL), têem um preço nivelado pela facilidade de crédito dos bancos e não pelo que se ganha anualmente (como dizia um colega de curso que era vendedor da Audi: "nunca vendi um carro a quem tivesse dinheiro para o comprar").

    Marca, porque existem poucas marcas que fosse comprador, existem 3 ou 4 no máximo (dentro dos "generalistas" claro).

  3. #33
    Piloto de Troféu FernandoAc's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2004
    Posts
    8,259

    Por Defeito

    Usado, quer por economizar bastante face a um novo quer pela maioria dos carros que me agradam não serem mais produzidos.

    Mais depressa corro o risco de comprar um carro usado de qualidade que um novo inferior, pouco me importa se a marca é considerada de premium ou não.
    O value for money é importante e a paixão também daí equilibrar a balança com a compra de um usado.
    Devido ao facto de preferir usado a questão da retoma é pouco relevante.

    Prefiro gastar 3x 10mil euros e suportar os custos de ter vários veiculos que ter um optimo carro de 40 mil euros capaz de fazer tudo o que outros fazem.

  4. #34
    Piloto de Rallye Bj40's Avatar
    Data de Registo
    Nov 2006
    Posts
    13,250

    Por Defeito

    Quando penso nesta questão, ponho-me sempre à parte do meu money e acho sempre: Novo claro, nem que para isso se tenha que abdicar de algumas coisas. (na compra claro, tipo segmento, marca, extras, etc)

    Quando penso se o dinheiro fosse meu... Bem, pergunta muito difícil.

    Acho que depende do tipo de carro, uso que se pretende dar, tempo previsto para se ficar com ele, etc. Mas os carros designados "semi-novos" parecem-me boa ideia, quando comprados na marca com garantia de X anos.

  5. #35
    Piloto de Testes amora's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2009
    Posts
    2,124

    Por Defeito

    Eu prefiro os carros novos e consumi-los até ao fim.
    Como para mim um carro é um meio de locomoção e não de afirmação social, e porque é uma despesa e não um investimento, mantenho os carros enquanto eles corresponderem e me levarem onde todos os outras levariam.
    Tive o ultimo carro durante 9 anos e 200.000 Km sem um unico problema mecânico e sempre com revisões na marca nos timings certos.


  6. #36
    Piloto de Troféu Sotor's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2006
    Localização
    Porto, Portugal
    Posts
    7,370

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por amora Ver Post
    Eu prefiro os carros novos e consumi-los até ao fim.
    Como para mim um carro é um meio de locomoção e não de afirmação social, e porque é uma despesa e não um investimento, mantenho os carros enquanto eles corresponderem e me levarem onde todos os outras levariam.
    Tive o ultimo carro durante 9 anos e 200.000 Km sem um unico problema mecânico e sempre com revisões na marca nos timings certos.

    lol, pois...revisoes na marca sao mesmo uma despesa =/

    e ja agora....ha aqui 3 frases que nao encaixam:

    - consumi-los até ao fim.
    - Tive o ultimo carro durante 9 anos e 200.000 Km
    - sem um unico problema mecânico

    ou afinal nao os consomes ate ao fim, ou deu-te muitos problemas não mecanicos em 9 anos... o que nao e normal nos dias que correm =/

    aqui em casa moram 2 carros (fraquinhos, uma brava e um polo) com 13 anos e ainda aqui andas ja com varios problemas....isto é que eu chamo leva-los ate ao fim

  7. #37
    Banido ramgouveia's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2006
    Localização
    Lisboa, Portugal
    Posts
    681

    Por Defeito

    - Novos ou usados?
    Novos porque são novos e têm garantia

    - Premium ou não premium?
    Não premium. o premuim tem um preço excessivo em Portugal.

    - Usados premium a carros novos mais baratos ou carros novos e baratos a usados premium?
    Usados premium só se forem comprados na marca com livro de revisões em dia e que não tenham sido de fumadores.

    - A marca é factor determinante para a compra de um carro ou a marca não tem influência nenhuma na compra de carro?
    A marca influencia a compra de carro.

    - Na compra de um carro o preço é que "manda" ou na compra de um carro o preço diz-me pouco, ou nada?
    O preço é um factor a ter em conta sempre. Para compara diferentes modelos e diferentes vendedores.

    - Compro os meus carros com base na paixão ou compro os meus carros com base na razão?
    Se me saísse o Euromilhões comprava um Porsche Panamera com base na paixão. Não ganhando compro com base na razão.

    - Compro os meus carros tentando que os motivos sejam o equilíbrio entre paixão e razão ou compro os meus carros apenas para me deslocar de um ponto ao outro...?
    Carro que não dê prazer de condução é uma chatice. Tenho que gostar dele mas é para me deslocar de um ponto ao outro.

    - O valor de retoma é um dos factores principais de escolha ou o valor de retoma não me diz nada, ou diz-me muito pouco?
    Diz-me muito pouco...

    - O ratio "value for money" é determinante para a minha escolha ou o "value for money" diz-me pouco, ou mesmo nada?
    É muito importante. Por isso comprei um OPEL MERIVA.

    -A cor é mais importante do que a marca e, muitas vezes, o modelo ou compro carros de qualquer cor?
    Qualquer marca tem um boa palete de cores. Prefiro comprar carros de cores claras por vivemos num país quente. Assim o carro fica mais fresco e gasta menos energia com refrigeração e AC - logo faz menos mal ao ambiente. Em Espanha há muito mais carros claros que em Portugal... Mas também gosto e sei admirar carros de cores escuras.

  8. #38
    Piloto de Testes amora's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2009
    Posts
    2,124

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Sotor Ver Post
    lol, pois...revisoes na marca sao mesmo uma despesa =/

    e ja agora....ha aqui 3 frases que nao encaixam:

    - consumi-los até ao fim.
    - Tive o ultimo carro durante 9 anos e 200.000 Km
    - sem um unico problema mecânico

    ou afinal nao os consomes ate ao fim, ou deu-te muitos problemas não mecanicos em 9 anos... o que nao e normal nos dias que correm =/

    aqui em casa moram 2 carros (fraquinhos, uma brava e um polo) com 13 anos e ainda aqui andas ja com varios problemas....isto é que eu chamo leva-los ate ao fim
    - consumi-los até ao fim.
    - Tive o ultimo carro durante 9 anos e 200.000 Km
    - sem um unico problema mecânico


    Não me deu um único problema mecânico. Limitei-me a fazer as revisões de 15k em 15k e mudar o oleo de 7,5k em 7,5k. É claro que mudou 2 vezes de correias, 1 vez de discos e outras de pastilhas, mas relativamente ao motor, foi para abate com 100% das suas capacidades.

    Para carro a gasolina achei que 200 mil já eram suficientes e também aproveitei os incentivos de abate, bastante superior ao valor do seguro contra danos próprios e, sem qualquer problema de consciencia, lá foi ele para a prensa.

    A unica coisa que me aborreceu foi ver que há chaços ainda a circular e não poder trocar o meu antigo carro por um deles, e podes crer que se pudesse o fazia sem qualquer interesse de negócio. Tentei ainda vender a alguém pelo valor do abate, mas como comercialmente não valia esse dinheiro, não consegui.

    Quanto as revisões na marca, podes crer que a prazo tornam-se mais baratas que num biscateiro qualquer. Sempre tive revisões na ordem dos 200/300 euros, excepto quando foi necessário carregar o ar condicionado, mudar correias ou os discos.

    Resta-me dizer que era simplesmente um Renault
    Última edição por amora : 14-12-09 às 09:58:02

  9. #39
    Piloto de Troféu JorgeCorreia's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2006
    Localização
    Łódź, Polónia
    Posts
    9,201

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Shidoshi Ver Post
    Premium, usado (só pelo preço, claro) e marca.

    Premium, porque ao contrário do que muitos querem fazer crer, vai muito além de status (apesar de haver quem compre só por isso). É o design, dinâmica, carisma e inovação técnica em tudo mais apurado.

    Usado, porque actualmente o preço dos carros novos (principalmente em PORTUGAL), têem um preço nivelado pela facilidade de crédito dos bancos e não pelo que se ganha anualmente (como dizia um colega de curso que era vendedor da Audi: "nunca vendi um carro a quem tivesse dinheiro para o comprar").

    Marca, porque existem poucas marcas que fosse comprador, existem 3 ou 4 no máximo (dentro dos "generalistas" claro).
    Coloquei esta resposta:

    "Prefiro usados premium a carros novos mais baratos"

    Porquê?

    Estou com 36 anos, daqui por quatro chego aos quarenta; a maior parte dos anos de carta conduzi utilitários com 60 cv e pura e simplesmente enchi o saco de carros pequenos, com materiais manhosos que mal dão para limpar e que se riscam facilmente, que travam com pouca potência, que aceleram com muito ruído, pouco desenvolvimento e muito consumo de combustível, com sistemas de som com colunas Pingo Doce e rádios com "leitor de cassette".

    Hoje em dia quero conforto, materiais que me façam sentir num ambiente agradável como se estivesse num lounge a saborear um bom vinho e a comer um aperitivo, com um motor que acelere o suficiente para ultrapassar um tonho ou um TIR nas calmas, que faça pouco barulho no interior e um carro que trave tão bem como acelera.

    Comprei uma Lybra usada por metade do preço de um Tata ou Kia utilitário e o dinheiro que gastei em manutenção fora os consumíveis foram no painel do AC (comprei e montei-o por 20€) braços de suspensão, panela de escape, motor dos limpa-para-brisas e em breve um sensor da cambota.

    O sistema de som foi fabricado pela Bose, tem quatro colunas, dois tweeters e um subwoofer com caixa de CD's, rádio com RDS e "N" de pormenores, leitor de K7 e sistema de navegação - esse não funciona pois não tenho o CD da Polónia.

    Como escrevi noutro tópico dentro de algum tempo vou comprar um brinquedo para mim, o que estou a pensar ronda os 200 CV e faz 7,3 segundos dos 0 aos 100 com uma sonoridade inacreditável.

    Gosto de apreciar coisas que muitos chamam de panel--rices como por exemplo, os pilares e o tecto forrados a tecido, volante e alavanca em pele, estofos em pele, soleiras das portas com elemento cromado, muitas luzes no interior, apoio de braço com porta-objectos entre os bancos para conduzir com o cotovelo apoiado e arrumar papéis, jantes em liga leve em vez de tampões que passam a vida a serem roubados ou a saírem etc...

    Para mim um carro é muito mais do que um objecto para ir de A a B.
    Última edição por JorgeCorreia : 14-12-09 às 10:20:23

  10. #40
    Piloto de Troféu hpventura's Avatar
    Data de Registo
    Nov 2004
    Localização
    Um Hotel de 5 estrelas no topo do Mundo !
    Posts
    9,695

    Por Defeito

    Regra geral prefiro carros novos, ainda só tive um usado e foi o meu primeiro carro.

    Isto por várias razões, sendo uma delas a quantidade de kms que faço e outra o factor segurança. Ou seja, à partida é mais seguro para nós adquirir um novo do que um usado. Seguro no sentido de que a probabilidade de haver chatices é, em teoria, inferior.

    Relativamente às restantes questões, é complicado estar aqui a tipificar respostas, uma vez que poderão ser variáveis.

    A questão do value for money, por exemplo, é uma delas. Aquilo que para mim tem um determinado valor, para outra pessoa já não terá. Por isso cada pessoa, quando toma uma opção consciente, está a tomar a opção que lhe dá maior value for money. É um conceito completamente subjectivo e que varia consoante as preferências de cada um.

    Qual é a viatura que tem maior value for money? Um Kia Ceed ou um BMW 1er? Depende de quem o compra. Depende daquilo que cada um valoriza.

    Paixão? Razão? Seguir uma paixão não será um acto perfeitamente racional ? Ou sermos puramente objectivos na compra de um carro, utilizando todas as medições e mais algumas e todos os rácios e mais alguns, não será uma característica emotiva de cada um de nós ?

    Isto tudo para dizer que as tentativas de tornar objectivas as decisões de cada um, nos dias de hoje (muita oferta, consumidores informados, grupos sociais, etc) é muito complicado.

  11. #41
    Piloto de Troféu JorgeCorreia's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2006
    Localização
    Łódź, Polónia
    Posts
    9,201

    Por Defeito

    Esqueci-me de referir que, se pudesse, compraria novo obviamente!

    Mas como os carros de que gosto são demasiado caros para o meu bolso prefiro um usado de um segmento superior do que um citadino manhoso novinho em folha.

  12. #42
    Piloto de Testes Automobilista's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2006
    Localização
    , , Portugal.
    Posts
    3,106

    Por Defeito

    Novo e adaptado à minha carteira e necessidade no momento.
    Para usado já tenho o actual e conheço bem o 1º dono... EU!!!
    Por isso, enquanto puder, troco o usado (por mim) por um novo... quando não puder logo se vê.

    Aliás... não compro nada usado, comprei uma vez um telemovel e ia sendo preso... foi um filme!!! Nunca mais!!! (com execepção para os carros caso algum dia não possa comprar novo, de resto...)

  13. #43
    Banido moschinoboy's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2009
    Localização
    perto de algo,ou alguém...
    Posts
    1,055

    Por Defeito

    Depois de ter comprado carro novo e ter visto o valor que ele perdeu em poucos anos,nunca mais vou optar por carros novos.
    Acabei de comprar um mini cooper d,e teve que ser preto pois adoro certos modelos em preto e o mini é um deles

  14. #44
    Piloto Lendário
    Data de Registo
    Jun 2004
    Posts
    32,979

    Por Defeito

    tenho tendência para carros novos, mas comprei um usado há 3 meses.
    Por isso depende muito, mas é possível que compre outro usado daqui a uns 2 anos, pois qdo trocar o carro de serviço é possível que escolha o dinheiro e compre um usado baratucho para o dia-a-dia. Veremos...

  15. #45
    Piloto de Testes fany's Avatar
    Data de Registo
    Mar 2009
    Posts
    2,701

    Por Defeito

    Sempre comprei carros novos.
    O preto é a minha cor preferida.
    Antes de comprar leio as revistas todas de carros para me ajudar.
    Gosto de carros bonitos sem ostentação.
    A garantia da marca é importante e apesar de ser um pormenor esquisito,
    adoro o cheiro dos carros novos.

  16. #46
    Moderador MGomes's Avatar
    Data de Registo
    Dec 2003
    Localização
    Ribatejo
    Posts
    21,712

    Por Defeito

    Respondi: "Compro os meus carros tentando que os motivos sejam o equilíbrio entre paixão e razão"

    À pergunta se prefiro novo ou usado, respondo novo. Até agora dos que comprei só um foi novo, o actual, mas foi quando isso foi possível.
    Os anteriores dois foram comprados como carros de serviço, e vieram-se a revelar boas compras.

    Ao longo do tempo já estive por três vezes para comprar movido pela paixão. Mas nas duas primeiras destas vezes, e medindo os prós e contras dos condicionalismos da altura, tive que alterar a decisão, e apenas à terceira se concretizou. E no futuro outra compra deste tipo farei.

    O actual foi um pouco assim, embora, este sim, tenha sido o equilíbrio entre a paixão e a razão. Foi comprado com muita ponderação, visto que seria um "investimento" para largos anos, e como tal teria que ser algo fiável, robusto, e que ao mesmo tempo eu gostasse bastante, uma vez que eu não me via a ter um carro por muitos anos do qual eu não gostasse verdadeiramente.

  17. #47
    Piloto Lendário caditonuno's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2004
    Localização
    É pra lutar? Se é pra lutar, eu estou lá!
    Posts
    67,970

    Por Defeito

    só agora vi o tópico. o último carro que eu comprei foi de erviço, daqui a poucos anos vou trocar e procurarei um de erviço ou até cerca de 1 ano, ano e meio. falta a opção "carro de serviço" ou "semi-novo".

    a marca nao é importante, embora de algumas prefira nao comprar ou pelo menos alguns modelos; os cv e binário são importantes, numa tentativa de subir de post em relação ao que se troca; o preço é SEMPRE factor importante; existe uma relaçã entre paixão e razão; o valor de retoma é importante e terá que ser 99% obrigatório ser de uma determinada cor.

  18. #48
    Piloto de Testes Carlitos's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2003
    Posts
    2,672

    Por Defeito

    Excelente tópico!
    Só cá não vim mais cedo por pura falta de tempo...

    Ora, então os meus votos foram para, e passo a explicar:

    Prefiro carros novos
    O que não quer dizer que faça disso um ponto de honra. A verdade é que, até hoje, a experiência diz-me que um carro adquirido novo dá-me outra satisfação. Poder tratar dele e estimá-lo desde o km 0 dá-me imensa satisfação. E outro grande argumento a favor é a possibilidade de configurá-lo ao meu gosto.

    Vi o meu pai adquirir carros usados, carros de serviço e novos. Os que mais o satisfizeram foram, obviamente, os novos. Mesmo sabendo que com o mesmo dinheiro poderia comprar (um usado) maior, mais potente, mais vistoso, etc. Também se aprende com isto.

    Com o meu dinheiro já adquiri um novo e um usado. O novo foi aquele que queria e que podia ter, dentro das minhas possibilidades; o usado, foi solução de recurso, pura necessidade. Não há comparação possível entre o estado de conservação de um e de outro.

    A marca é factor determinante para a compra de um carro
    É, tenho as minhas favoritas e, a comprar, estarão sempre no topo das preferências. Mas a questão da marca julgo que é mais factor de exclusão da compra. Há marcas que simplesmente não me vejo a comprar. Mas também nunca se deve dizer nunca...

    Compro os meus carros tentando que os motivos sejam o equilíbrio entre paixão e razão
    Porque o dinheiro custa a ganhar, e um carro é tudo menos um investimento. Pelo que, convém que o que se der por ele justifique qualquer coisita...
    E depois há o tipo de utilização que se lhe pretende dar. Por muito que goste de um Scirocco, não faria muito sentido comprar um pois não ia tirar praticamente qualquer proveito dele.

    Equilíbrio é a palavra-chave, sem dúvida. Mas confesso que deixo sempre a balança pender um bocadinho mais para o lado da paixão. É tentar arranjar o melhor de dois mundos...

    O valor de retoma não me diz nada, ou diz-me muito pouco
    Tenho para mim que quando se compra a título particular, a menos que não se tenha muito que fazer ao dinheiro, o melhor será aguentar o carro uns valentes anos, para o tombo da desvalorização não se fazer sentir tanto.

    Pelo que, acho que não serão mais 1000 ou menos 1000 no valor da retoma que, cerca de 10 anos depois, me vão beneficiar ou prejudicar. Neste último caso, mau seria se assim fosse, seria sinal que se calhar a vida não estaria a correr assim tão bem.

    Por isso acho piada ao argumento do "desvaloriza menos". Numa compra a título particular, soa-me mais a "desculpa esfarrapada" para se adquirir determinado automóvel. Isso da retoma é interessante para as empresas/empresários, que trocam de carro regularmente. E sim, eu sei que há particulares que também fazem isso...

    ---

    Em conclusão queria deixar uma menção especial para os usados. Sei que existem e vão continuar a existir negócios fabulosos.
    Se um dia me aparecer um à frente e se a vida me permitir, nem penso duas vezes. Mas tem que ser um daqueles carros que sempre desejei ter... e neste momento julgo que não há assim um que me faça perder a cabeça.
    Última edição por Carlitos : 12-01-10 às 03:53:03

  19. #49
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Mar 2009
    Localização
    Loures
    Posts
    6,971

    Por Defeito

    Prefiro comprar novo claro mas tb reconheço que podia comprar boas maquinas usadas pelo preço que vou dar por um novo

  20. #50
    ice
    ice está offline
    Piloto de Troféu ice's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2003
    Localização
    Portugal
    Posts
    9,672

    Por Defeito

    Prefiro comprar usado.

    Hoje em dia qualquer carro faz muitos kms sem problemas de maior, pelo que sempre se gasta menos ou se compra um segmento acima do pretendido/mais equipamento...

    Só um desportivo (ou psedo-desportivo) é que deixaria dúvidas.


    Cump.

  21. #51
    Piloto de Fórmula 1 allstarfabio's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2009
    Localização
    where the streets have no number!
    Posts
    16,591

    Por Defeito

    Votei:
    - Prefiro carros novos
    - Compro os meus carros tentando que os motivos sejam o equilíbrio entre paixão e razão

    É obvio que prefiro um carro novo, os carros são uma das minhas paixões, logo á estreia tem um "sabor" bem agradavel.
    MAS... Como não sou rico nem perto tento conciliar a paixão e a razão. O MEU primeiro carro era para ser novo um bocado por paixão e por não haver escolha nos usados. Mas acabei por comprar o carro que queria mas com 8 meses e não me arrependo mesmo nada, foi um negócio á ultima da hora em que fico muito feliz por te-lo feito.
    Já o modelo, foi muita paixão e diga-se de passagem pouca razão, porque podia ter comprado algo mais em conta a diesel. Mas não, era o meu sonho de carro(e é) lutei por ele acho que o mereci e devido a fazer poucos km's foi a minha escolha sem duvidas.

    Básicamente para mim tem de haver algum equilibrio entre paixão/razão.

  22. #52
    Piloto Veterano Jbranco's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2004
    Posts
    21,087

    Por Defeito

    Ainda agora escrevi em relação a isto noutro tópico:

    Até hoje só tive um carro usado, foi o primeiro carro que comprei, tinha 18 anos e não tinha dinheiro para um novo, por mais baratinho que ele fosse. Por essa razão comprei (em 1983) um Renault 5 de 1975. Mas em 1985 já tinha mais algum dinheiro e lá fui eu todo contente comprar um belo Uno 55s novo. Desde então só tenho comprado novos.

    Se algum dia não tiver dinheiro para comprar um Mercedes novo, compro outro carro novo mais barato, compro um Renault Megane ou carro semelhante. Se algum dia não tiver dinheiro para comprar um Megane novo, então sim lá terei de voltar aos usados porque tenho de meter a familia em algum carro.

  23. #53
    LH
    LH está offline
    Piloto de Testes LH's Avatar
    Data de Registo
    May 2005
    Localização
    Portugal.
    Posts
    4,730

    Por Defeito

    se tivesse cerca de 25.000€, preferia comprar usado (até 05-2007 - para pagar o IUC antigo ) São carros ainda recentes e com muito potencial... Poderia ir para um carro melhor, bem equipado...

  24. #54
    Piloto Lendário PeLeve's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2003
    Localização
    Aqui! Onde é que havia de ser?...
    Posts
    48,777

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Carlitos Ver Post
    Excelente tópico!
    Só cá não vim mais cedo por pura falta de tempo...

    Ora, então os meus votos foram para, e passo a explicar:

    Prefiro carros novos
    O que não quer dizer que faça disso um ponto de honra. A verdade é que, até hoje, a experiência diz-me que um carro adquirido novo dá-me outra satisfação. Poder tratar dele e estimá-lo desde o km 0 dá-me imensa satisfação. E outro grande argumento a favor é a possibilidade de configurá-lo ao meu gosto.

    Vi o meu pai adquirir carros usados, carros de serviço e novos. Os que mais o satisfizeram foram, obviamente, os novos. Mesmo sabendo que com o mesmo dinheiro poderia comprar (um usado) maior, mais potente, mais vistoso, etc. Também se aprende com isto.

    Com o meu dinheiro já adquiri um novo e um usado. O novo foi aquele que queria e que podia ter, dentro das minhas possibilidades; o usado, foi solução de recurso, pura necessidade. Não há comparação possível entre o estado de conservação de um e de outro.

    A marca é factor determinante para a compra de um carro
    É, tenho as minhas favoritas e, a comprar, estarão sempre no topo das preferências. Mas a questão da marca julgo que é mais factor de exclusão da compra. Há marcas que simplesmente não me vejo a comprar. Mas também nunca se deve dizer nunca...

    Compro os meus carros tentando que os motivos sejam o equilíbrio entre paixão e razão
    Porque o dinheiro custa a ganhar, e um carro é tudo menos um investimento. Pelo que, convém que o que se der por ele justifique qualquer coisita...
    E depois há o tipo de utilização que se lhe pretende dar. Por muito que goste de um Scirocco, não faria muito sentido comprar um pois não ia tirar praticamente qualquer proveito dele.

    Equilíbrio é a palavra-chave, sem dúvida. Mas confesso que deixo sempre a balança pender um bocadinho mais para o lado da paixão. É tentar arranjar o melhor de dois mundos...

    O valor de retoma não me diz nada, ou diz-me muito pouco
    Tenho para mim que quando se compra a título particular, a menos que não se tenha muito que fazer ao dinheiro, o melhor será aguentar o carro uns valentes anos, para o tombo da desvalorização não se fazer sentir tanto.

    Pelo que, acho que não serão mais 1000 ou menos 1000 no valor da retoma que, cerca de 10 anos depois, me vão beneficiar ou prejudicar. Neste último caso, mau seria se assim fosse, seria sinal que se calhar a vida não estaria a correr assim tão bem.

    Por isso acho piada ao argumento do "desvaloriza menos". Numa compra a título particular, soa-me mais a "desculpa esfarrapada" para se adquirir determinado automóvel. Isso da retoma é interessante para as empresas/empresários, que trocam de carro regularmente. E sim, eu sei que há particulares que também fazem isso...

    ---

    Em conclusão queria deixar uma menção especial para os usados. Sei que existem e vão continuar a existir negócios fabulosos.
    Se um dia me aparecer um à frente e se a vida me permitir, nem penso duas vezes. Mas tem que ser um daqueles carros que sempre desejei ter... e neste momento julgo que não há assim um que me faça perder a cabeça.
    Todas as razões para a compra de automóvel são válidas. Compra-se porque se quer e precisa ter.

    Porém este tipo de escolha, valorativa mas descomplexada (sim, é preciso não ter certos complexos também para comprar carro) é aquela de que mais me aproximo.

    No meu caso, e já o disse, prefiro claramente comprar, enquanto puder, sempre novo em vez de comprar usado um carro do qual uma boa parte (muitas vezes a maior) é para mostrar aos outros. Para isso comprava ouro e jóias...

  25. #55
    v7
    v7 está offline
    Banido v7's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2005
    Localização
    Lisboa, Portugal
    Posts
    32,659

    Por Defeito

    Eu prefiro carros novos e premium.

    Só recentemente comprei um usado, porque era um 3º carro e não tinha dinheiro para comprar aquele género de carro novo.

    Em relação ao carro principal de familia, passei de um Audi para um mitsubishi porque queria mais espaço, 7 lugares e que fosse SUV.

    Como carro do dia a dia passei de um audi com 3 anos para um Suzuki com 11.

    Ou seja, dito assim, isto está tudo meio estranho

    Mas na prática estou bastante satisfeito

  26. #56
    Piloto de Testes jpcfc's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2006
    Localização
    , , .
    Posts
    1,723

    Por Defeito

    Os carros que tenho, um comprei usado e outro novo. Ambos porque me pareceram bons negócios. E tanto um como outro não têm dado despesas fora das manutenções previstas.

    Provavelmente ainda este ano irei trocar um deles, e ando a ver o mercado. Usado ou novo? Dependerá do negócio que me parecer mais racional.

    Posto isto, prefiro obviamente novo, marcas "premium" não são para o meu bolso, e escolho os carros racionalmente.

  27. #57
    Piloto de Kart wasp's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2007
    Localização
    where the streets have no name
    Posts
    487

    Por Defeito

    Sou o autor de um dos recentes tópicos sobre a compra de um usado, por isso, sinto-me um pouco como parte da fonte inspiradora para a criação deste...

    Bem falando mais a sério, A opção em compra de usado tem apenas a ver com o dinheiro disponivel, e com ele comprar um determinado segmento, com um determinado equipamento, em detrimento de um inferior com menos equipamento, mas novo.

    Em relação às marcas, tenho uma favorita, mas acho que essa não conta... Por isso, na altura da compra a marca não é o mais importante, pelo que a escolha caiu sempre, e vai voltar a recair para um não premium, apenas pela razão que com o quantias equivalentes compro um carro mais novo, menos Km (normalmente), design mais novo e apelativo (subjectivo), mesmo que perca em conforto por exemplo. Sendo que o modelo na maior parte das vezes conta bem mais que a marca.

  28. #58
    Piloto de Troféu whereagles's Avatar
    Data de Registo
    May 2004
    Localização
    Coimbra, Portugal.
    Posts
    8,845

    Por Defeito

    usado

    não gosto de estrear carros.. nem gajas lol

  29. #59
    Piloto Veterano BLADERUNNER's Avatar
    Data de Registo
    Dec 2008
    Posts
    21,544

    Por Defeito

    Acho que a questão central se prende, não com o facto do “preferem novo ou usado?”, mas sim “preferem novo ou usado de segmento ou qualidade superior?”. Não existe ninguém que não prefira novo; isto é um facto. E, convenhamos, esta questão coloca-se pelo motivo de muitas vezes não estarmos dispostos a pagar a verba que por cá custa o carro novo que queremos ou precisamos. Sim, que cada um de nós tem gostos, preferências e necessidades diferentes, variando também os factores a que se dá primazia.

    Posto isto, e como pretendo um veículo preferencialmente (mas não obrigatoriamente) Premium (SUV) apontando para a qualidade acrescida, mas que não encaixa no valor que pretendo gastar na aquisição de nova viatura só tenho duas alternativas: comprar uma nova que não me satisfaça, mas que se encaixe no meu orçamento; ou comprar a que quero usada apenas no momento em que já couber no meu orçamento.

    Desde que a viatura esteja em bom estado, ao adquirir usada não estou a abdicar de cumprir os meus desejos: sucumbindo à emoção de comprar o modelo que quero, mas dentro da escolha racional de não ultrapassar o orçamento. Dentro da vasta escolha “dentro e fora de portas” encontra-se aquilo que se quer (sou muitíssimo exigente no aspecto relacionado com a sua configuração).

    Como pretendo andar muitos anos com a viatura, 2 ou 3 anos a mais ou a menos daqui a uma década não fará diferença, não se repercutindo no valor de retoma. Perde-se muito dinheiro na compra de um carro devido à sua desvalorização e ao mantê-lo por muitos anos poupo o dinheiro que perderia em trocas sucessivas. Por saber que é viatura para durar, não abdico da escolha emocional e adquiro o que aprecio e terei de gostar por muitos anos. Então o veículo terá de ser o dos meus sonhos e mais nada. Vale o sacrifício de muitos anos de espera. Tudo isto é imensamente racional, mas reparem que continuo dentro da minha compra emocional.

    Continuem a acompanhar-me. Eu, quando compro um carro, faço-o para mim e para a família e “estou-me nas tintas” para os outros. Por isso, a minha escolha é pessoal e terá de corresponder àquilo que mais prezo numa eleição cheia de equilíbrio, apaixonada e de mão dada à razão para não me perder.

    A estética é fundamental, pois irei estar casado com a viatura longos anos e tenho de me manter enamorado dela, pelo que o exterior terá logo de me seduzir no amor à primeira vista. Mas o interior é de vital importância, pois será onde gozarei os melhores momentos com o carro e família pelo que, em última análise, tem primazia sobre o exterior para “inglês ver”. Aqui neste reino só meu, quero ter todas as mordomias ao meu dispor, desde toda a tecnologia de som e de comunicação como de ajuda à condução onde não dispenso a caixa automática sequencial. Procuro conforto de rolamento e acústico, com opcional de chassis dinâmico para as ocasiões. Os materiais, além de terem de se relacionar esteticamente numa combinação aprazível de cores, formas e funções, terão de me dar todo o prazer ao toque, pois o carro também é para se sentir. E, por isso, não dispenso a importância de umas poltronas que me deixem nas nuvens mas bem acordado a usufruir do meu precioso espaço. Preciso de disponibilidade para incursões fora de estrada e em condições de piso adversas abrindo-me fronteiras deixando-me seguir quando os outros param. A versatilidade interior é fundamental (o meu actual já me deixou mal algumas vezes). Quanto ao motor, este terá de ter um bom compromisso entre economia e potência devendo corresponder aos meus desejos de impulsividade quando necessário. A segurança activa e passiva deverá, pelo menos, assegurar que não me lembre de pensar nela.

    Prefiro usado porque é a única forma possível de compromisso que conheço para contentar o diabinho que emocionalmente me tenta a realizar os meus sonhos e o anjinho que do outro lado me chama a atenção para a carteira. Sendo eu um santo, liberto um pouco do diabinho que há em mim e assim confecciono a minha própria felicidade.
    Agora digam-me lá com emoção se eu não tenho razão?!

  30. #60
    v7
    v7 está offline
    Banido v7's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2005
    Localização
    Lisboa, Portugal
    Posts
    32,659

    Por Defeito

    Ufa .............................

    li tudo desta vez (Blade Runner)

    um pouco por ter visto que ponderas comprar um SUV. Confesso que fiquei com curiosidade por saber qual ou quais ponderas.

    Uma vez que sou (somos pelos vistos) dos raros apreciadores do conceito, que anda por aqui, e que já conduzi boa parte dos SUVs que circulam por aí, disponibilizo-me para dar a minha opinião se precisares.

Página 2 de 3 PrimeiraPrimeira 123 ÚltimaÚltima

Tópicos semelhantes

  1. Compra de carro novo c/ abate de usado
    Por jcxa79 na secção FÓRUM GERAL
    Respostas: 23
    Último Post: 20-08-09, 23:12:05
  2. Já compraram carro novo ou usado ou ambos ?
    Por btc530d na secção FÓRUM GERAL
    Respostas: 42
    Último Post: 20-03-08, 09:42:11
  3. Carro Usado/novo ate 20k€
    Por LMPFernandes na secção FÓRUM GERAL
    Respostas: 41
    Último Post: 01-10-07, 16:13:15
  4. Vou comprar carro... Novo ou usado?
    Por stilo_dinamic_sport na secção FÓRUM GERAL
    Respostas: 18
    Último Post: 12-08-07, 17:36:04
  5. Carro Novo ou usado?
    Por JPMOR na secção FÓRUM GERAL
    Respostas: 8
    Último Post: 15-09-06, 20:41:23

Regras de Colocação

  • Não pode criar tópicos
  • Não pode responder
  • Não pode colocar anexos
  • Não pode editar os seus posts
  •