Vocês extraem mais prazer de condução de um otto ou de um diesel? - Página 6

Ver Resultados da Sondagem: Vocês extraem mais prazer de condução de um otto ou de um diesel?

Votantes
192. Não pode votar nesta sondagem
  • Otto

    141 73.44%
  • Diesel

    13 6.77%
  • De ambos

    33 17.19%
  • Não sinto prazer em conduzir

    5 2.60%
Página 6 de 9 PrimeiraPrimeira ... 567 ... ÚltimaÚltima
A mostrar resultados 151 para 180 de 242

Título: Vocês extraem mais prazer de condução de um otto ou de um diesel?

  1. #151
    v7
    v7 está offline
    Banido v7's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2005
    Localização
    Lisboa, Portugal
    Posts
    32,659

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Jbranco Ver Post
    Se eu for fazer um passeio até Itália levo o S porque a condução é mais confortável e o meu prazer está em ver a paisagem, falar com a família, etc... e o conforto dá jeito, a mim e aos restantes passageiros. Não se trata propriamente de sentir prazer na condução, o prazer vem do conforto em que se faz a viagem.

    Situação diferente é num belo Domingo em Maio ir almoçar com uns amigos que moram em Azeitão. O filho tem a vida dele e só vou eu e a minha mulher. São 11 da manhã, temperatura amena, a estrada tem belas curvas... aqui sim surge o puro prazer de condução. O carro indicado não é um S, é um boxter para aproveitar o vento na cara, o ruído do motor, as reduções, o escorregar em curva, a posição de condução baixa, etc... Para isso quero um Otto.

    Fiz-me entender?
    Sim obviamente ! aliás desde o 1º post. Mas no fundo peguei um bocadinho na tua resposta, para tentar demonstrar que o prazer de condução não está estritamente associado a conduzir depressa e a esmifrar rpms num qualquer otto.

    Referiste aí um aspecto que para mim é soberbo e que muito contribui para o prazer de condução, que é o factor vento na cara, ou cabelos ao vento.


  2. #152
    Piloto Lendário LinoMarques's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2003
    Localização
    Não deite fora as suas revistas de carros - dê-mas!
    Posts
    57,703

    Por Defeito

    Concordo em absoluto que a noção de "prazer de condução" é muito subjectiva! Mais: há tantas definições como condutores!

    Por isso é que há quem adore Mercedes (condução relaxada e filtrada, longas tiradas feitas sem cansaço) ou há quem adore Peugeot 106 XSI (agilidade, som "racing", boas acelerações, sensação de velocidade).

    São critérios, que dependem da idade, sexo, condição social, disposição do momento, uff........

  3. #153
    Piloto de Troféu Corsa1200Sport's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2004
    Posts
    6,140

    Por Defeito

    obviamente, otto.

  4. #154
    Piloto de Troféu freefall2900's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2007
    Localização
    Na verdadeira República das Bananas
    Posts
    5,520

    Por Defeito

    Para quem já conduziu um R8, vou para o Otto sem sombra de dúvidas.


    Para conduções mais confortavéis e menos desportivas, talvez me incline mais para um Diesel.

  5. #155
    Piloto Veterano Jbranco's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2004
    Posts
    20,988

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por v7 Ver Post
    Sim obviamente ! aliás desde o 1º post. Mas no fundo peguei um bocadinho na tua resposta, para tentar demonstrar que o prazer de condução não está estritamente associado a conduzir depressa e a esmifrar rpms num qualquer otto.

    Referiste aí um aspecto que para mim é soberbo e que muito contribui para o prazer de condução, que é o factor vento na cara, ou cabelos ao vento.
    Em qualquer caso a minha abordagem não terá sido a melhor. Usando apenas um S como exemplo a questão que se pôe é: Mesmo admitindo que um V6 diesel dá um enorme prazer de condução, não daria um V8 otto ainda mais?

    Para mim a opção diesel é sempre uma opção racional, se não fosse pelo factor económico acho que qualquer um de nós preferiria um S com um otto equivalente ao diesel.

    Edit: Um exemplo ainda mais claro podemos obter com os bmw s5. Claro que um 535d é óptimo e dá muito gozo mas... E um 540i?
    Última edição por Jbranco : 06-01-10 às 17:29:28


  6. #156
    Piloto de Kart tcpor's Avatar
    Data de Registo
    Dec 2008
    Localização
    Matosinhos
    Posts
    361

    Por Defeito

    O facto de não ter carros a gasóleo, em casa, demonstra tudo.

    Para mim, nada como um automóvel a gasolina. Desde o barulho até à maior utilização da rotação do motor, passando pelas próprias prestações do automóvel (os meninos a gasóleo que ombreiam os "gasolinados" existem mas são extremamente caros!).

  7. #157
    Piloto de Kart pitr0lin0's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2008
    Localização
    Coimbra/Lissabon
    Posts
    87

    Por Defeito

    Os otto têm, além da vasta faixa de utilização, uma resposta muito mais imediata a partir de baixo. Pisar um diesel às 900rpm equivale a uma resposta esponjosa e amorfa ate que entre o turbo. Quando este entra, a caixa longa dissipa grande parte do efeito do superior binário. Por isso é que 150 n.m. num otto se sentem mais que os mesmos valores num diesel.

    Nunca experimentei um 35d, mas o 2.7 v6 bi-turbo diesel de um 407 coupé (o diesel mais potente e evoluido que experimentei) desiludiu-me um bocado. É possivel apontar-lhe as mesmíssimas falhas que a outro turbo-diesel qualquer.
    Numa estrada com mais curvas, do tipo de montanha ou serra, um clio 1.2 teria certamente um motor mais adequado (contando que nao fosse a subir, claro).

    Esquecendo os aspectos de chassis/suspenção/comportamento e focando estrictamente as características de utilização do motor, é muito mais gratificante a utilização lúdica de um 1.6 apimentado (ou até de um 1.3 da mesma linhagem _o motor de um 106 rallye s1 ou de um swift GTI por exemplo) do que de um tech-showroom diesel engine.
    Resposta "electrica", banda de potência, suavidade, linearidade e barulho...não são superáveis.

    Resumindo: quando me apetece conduzir saio com o meu gasolinas e quando tenho de me deslocar pego no meu diesel. É a mesma diferença entre um cavalo de corridas e um cavalo para puxar carroças, um é um nervoso e rápido passatempo, o outro é um optimo companheiro de trabalho.
    Última edição por pitr0lin0 : 06-01-10 às 17:59:49

  8. #158
    Suspenso Alpiger's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2004
    Localização
    Lisboa, Portugal
    Posts
    30,327

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Jbranco Ver Post
    E

    Para mim a opção diesel é sempre uma opção racional, se não fosse pelo factor económico acho que qualquer um de nós preferiria um S com um otto equivalente ao diesel.
    A única vantagem dos Diesel em relação aos Otto é somente a parte económica dos consumos e do preço do combustível.

  9. #159
    Piloto de Testes DerTeufel's Avatar
    Data de Registo
    Nov 2005
    Localização
    No departamento do chinês
    Posts
    4,042

    Por Defeito

    Otto, e nem tem a ver com potencia. Prefiro um otto de 75cv a um diesel de 150 a qualquer altura

  10. #160
    Piloto de Troféu FernandoAc's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2004
    Posts
    8,259

    Por Defeito

    Não estou a ver onde alguma vez um diesel pode ombrear com um otto no que toca a prazer de condução, é que nem há muita margem para discussão.
    Preferem binário e silencio também os há em versões otto, verdadeiras bestas de força geralmente norte americanas com motor V8 "sobrealimentados" por compressores mecanicos.

    Ou motores V12 com uma condução super linear e suaves como veludo.

    Tirando o factor economia para que raio alguem iria querer um motor diesel?
    Agora entre a conjugação do fun da economia dependendo de quanto vale para nós um e outro, isso sim já é algo discutivel.

  11. #161
    Piloto de Troféu FernandoAc's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2004
    Posts
    8,259

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por MadDragon Ver Post
    Bom, acho que temos que ser imparciais!
    É sobejamente sabido que motores diesel têm binários superiores aos otto.
    basta recuarmos uns anos e constatar 2 coisas:

    -um otto NA tem mais potência que um diesel NA da mesma cilindrada
    -um otto NA tem menos binário do que um diesel NA, da mesma cilindrada.

    Não vale a pena andar a discutir binários porque se pudéssemos fazer a seguinte comparação:

    2.0L otto com X bar de turbo vs 2.0L diesel com os mesmos X bar

    o otto perderia em binário.
    Apesar de parecer estranho tenho muitas dúvidas de que isso seja verdade, o Turbo num motor a gasolina aumenta exponencialmente o binário e não a rotação. Consequentemente aumenta também a potência (pois cv obtem-se da rotação e do binário.)

    Acontece é que os motores diesel ao serem turbinados não aumentam necessariamente os consumos, a forma como o combustivel é queimado diferente dos motores Otto. Podes então aumentar a pressão do turbo num diesel sem que com isso aumente os consumos, por vezes até diminui. Isto é muito visivel nas repros, que a andar devagar o carro chega a ficar mais económico.

    Portanto mesmo nessa situação dúvido que aconteça. Muitos diesel, talvez a maioria, fazem hoje mais de 1 bar, experimenta colocar essa pressão num Otto e vê o que acontece.

  12. #162
    Banido Motronic's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2007
    Localização
    Romani ite domum
    Posts
    8,995

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por FernandoAc Ver Post
    Acontece é que os motores diesel ao serem turbinados não aumentam necessariamente os consumos, a forma como o combustivel é queimado diferente dos motores Otto. Podes então aumentar a pressão do turbo num diesel sem que com isso aumente os consumos, por vezes até diminui. Isto é muito visivel nas repros, que a andar devagar o carro chega a ficar mais económico.

    Portanto mesmo nessa situação dúvido que aconteça. Muitos diesel, talvez a maioria, fazem hoje mais de 1 bar, experimenta colocar essa pressão num Otto e vê o que acontece.
    Tens que explicar melhor essa da diferença de rendimento ter a ver com a forma como os combustíveis são queimados! Uma combustão é sempre uma reacção entre um elemento (normalmente, Hidrogénio ou Carbono) e o Oxigénio.

    O problema dos Otto, sempre foi, e continua a ser (embora seja cada vez melhor gerido) a detonação! É o fenómeno que limita a taxa de compressão, e até certo ponto, a pressão de sobrealimentação.

    Mas eu, e outros, já demonstrámos que há vários Otto sobrealimentados com a mesma dos TD, que, para além de serem substancialmente mais potentes que estes últimos, também produzem mais binário!

  13. #163
    Piloto de Troféu FernandoAc's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2004
    Posts
    8,259

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Motronic Ver Post
    Tens que explicar melhor essa da diferença de rendimento ter a ver com a forma como os combustíveis são queimados! Uma combustão é sempre uma reacção entre um elemento (normalmente, Hidrogénio ou Carbono) e o Oxigénio.

    O problema dos Otto, sempre foi, e continua a ser (embora seja cada vez melhor gerido) a detonação! É o fenómeno que limita a taxa de compressão, e até certo ponto, a pressão de sobrealimentação.

    Mas eu, e outros, já demonstrámos que há vários Otto sobrealimentados com a mesma dos TD, que, para além de serem substancialmente mais potentes que estes últimos, também produzem mais binário!
    Quê???
    Não me parece que o que tenha escrito em cima estivesse errado, num otto há que fazer uma mistura certa para daí obter uma queima perfeita.

    No diesel as valvulas deixam entrar ar e o injector gasoleo, depois a queima é feita numa compressão especifica e o combustivel auto inflama-se. Como se sabe os diesel só são menos potentes porque estão limitados no que toca a rotação, isso devido à forma como é feita a queima.

    O que é que isto tem a ver com detonação, hidrogénios e carbonos... Como se dizia, explique como se eu fosse muito burro.

  14. #164
    Piloto de Rallye rogerAjacto's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2004
    Localização
    Portugal
    Posts
    14,591

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Alpiger Ver Post
    A única vantagem dos Diesel em relação aos Otto é somente a parte económica dos consumos e do preço do combustível.
    É mesmo o único prazer. Gastar pouco.

  15. #165
    Piloto Veterano BLADERUNNER's Avatar
    Data de Registo
    Dec 2008
    Posts
    21,544

    Por Defeito

    Para mim, frustração é ir no meu otto de 115cv e estar sempre a trabalhar a caixa porque o bicho não se aguenta até lá em cima e fico a ver passar carros. Ai a falta que me fazia o binário do diesel da minha esposa.

    Desapontamento é procurar a resposta imediata no diesel e ela só surgir instantes depois, pelo que em estradas sinuosas quando vou com pressa e a trabalhar a caixa a coisa não rende e a satisfação vai-se.

    Doloroso é o facto de o meu gasolinas ter a suspensão rebaixada a direcção mais comunicativa, e dar-nos cabo das costas quando em piso menos simpático pretendemos uma viagem confortável em família.

    Seca é quando quero fazer um trajecto para sentir o feeling da condução nessa estranha comunhão homem-máquina e o diesel macio “afasta-me da estrada”.

    Desconsolo é eu ter de ouvir o bicho a roncar em esforço quando lhe falta a força estragando o bom som da conversa e da música do interior tendo de escutar “não estás a ir muito depressa?”.

    Tédio é eu querer ouvir o roncar do motor elevado às altas rotações e o diesel dizer-me que já tenho idade para ter juízo e recusa-se a dar-me esse prazer.

    Ei!? Esperem lá! O fulano que abriu o tópico quer é saber do prazer de condução! Caramba, só agora é que li e respondi ao contrário.

    Bem, no fundo tudo depende do género de utilização que se quer dar ao carro.
    Para varrer a estrada em conforto com a família, sem preocupações com a caixa, aproveitando a qualidade de materiais, o som ambiente, a insonorização ao exterior, o conforto da suspensão pneumática e todo o ambiente a bordo, prefiro o diesel.
    Para emoção (de preferência sem ter a família por perto) aproveitando um bom grip, as respostas que o motor me dá e o diálogo que estabelecemos no nosso frenesim, tenho meu otto sempre à espera.

  16. #166
    Banido Motronic's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2007
    Localização
    Romani ite domum
    Posts
    8,995

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por FernandoAc Ver Post
    Quê???
    Não me parece que o que tenha escrito em cima estivesse errado, num otto há que fazer uma mistura certa para daí obter uma queima perfeita.
    Tal como no Diesel.

    A mistura, tanto pode ser pobre ou rica. A maioria das reprogramações da treta, enriquece a mistura (injecta mais combustível). Logo, gastam mais. Onde é que entra a detonação? Simples. Quando a mistura é pobre (ar a mais para o combustível), aquece mais sob compressão que uma mistura estequiométrica, podendo resultar em detonação (a ignição por compressão, tal como acontece nos Diesel, mas de forma descontrolada)

    Citação Originalmente Colocado por FernandoAc Ver Post
    No diesel as valvulas deixam entrar ar e o injector gasoleo, depois a queima é feita numa compressão especifica e o combustivel auto inflama-se. Como se sabe os diesel só são menos potentes porque estão limitados no que toca a rotação, isso devido à forma como é feita a queima.
    Os Diesel fazem menos rotação porque:

    1- As cadeias de hidrocarbonetos são mais complexas. Por isso, arde mais lentamente.

    2- Por fazer uso de taxas de compressão significativamente superiores às usadas nos Otto (limitadas nos Otto, devido ao risco de detonação), usam peças moveis mais pesadas, contribuindo para a inércia.

    Citação Originalmente Colocado por FernandoAc Ver Post
    O que é que isto tem a ver com detonação, hidrogénios e carbonos... Como se dizia, explique como se eu fosse muito burro.
    Feito!

  17. #167
    Piloto de Rallye Iuri's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2004
    Posts
    10,045

    Por Defeito

    Eu prefiro sempre um motor a gasolina, se bem que, reconhecendo a evolução tecnológica dos diesel (graças ao turbo), admito que em alguns casos o diesel supera o motor a gasolina.
    Contudo, para mim um automóvel não é apenas um meio de transporte mas um instrumento donde se pode extrair prazer, o que, na minha opinião, acontece particularmente num otto.

    Ainda assim, esclarecendo que os diesel de 4 cilindros, pela sua sonoridade e matraquear, estão totalmente arredados, as motorizações diesel de 6 e mais cilindros são muito interessantes, se comparadas com motores otto a 4 cilindros e exclusivamente com estes...

  18. #168
    Banido Goran's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2009
    Localização
    Algueirão
    Posts
    930

    Por Defeito

    Também só gosto dos diesel quando vem a conversa do binário... principalmente pelos belos dos pontos de embraiagem de resto: não obrigado...

    O carro que ando é otto (que não é meu) tem 90 cavalos e o binário não chega aos 90 N/m, penso eu... a parte do binário é que estraga...

  19. #169
    Chefe de Equipa carregalhe's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2006
    Localização
    Coimbra
    Posts
    25,981

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Goran Ver Post
    Também só gosto dos diesel quando vem a conversa do binário... principalmente pelos belos dos pontos de embraiagem de resto: não obrigado...

    O carro que ando é otto (que não é meu) tem 90 cavalos e o binário não chega aos 90 N/m, penso eu... a parte do binário é que estraga...
    De certeza?

  20. #170
    Piloto de Kart Malleno's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2005
    Localização
    Sintra/Estoril
    Posts
    216

    Por Defeito

    apesar de neste momento ter apenas 2 diesel em casa, sempre tive consciencia que apenas os escolhi neste combustivel pela economia!

    Na minha opiniao nunca um diesel dara maior prazer de conducao que um otto!! e quando digo prazer de conducao, refiro-me a nivel desportivo! porque no meio do transito e em viagens apenas sinto prazer em saber se chego mais cedo ao destino!

    E mais, prefiro sempre um otto atmosferico a um turbinado (e nada de fazer comparacoes do tipo 1.2 vs 1.2T) porque e ai que se sente a verdadeiro caracter do motor otto! Para mim quanto maior a amplitude potencia/binario melhor!! experimentem conduzir um S800 para saberem do que falo!! nao conducao mais pura!

  21. #171
    Banido Goran's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2009
    Localização
    Algueirão
    Posts
    930

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por carregalhe Ver Post
    De certeza?
    Não, enganei-me tens toda a razão

    Também já estava a tirar demais... penso que é o motor D15B2 da Honda
    • Found in:
      • 1988-1991 Honda Civic GL/DX/LX
      • 1988-1991 Honda Civic Wagon Wagovan/DX
      • 1988-1991 Honda CRX DX
      • 1992-1995 Honda Civic LSi Hatch/Saloon (European Market)
      • 1992-1995 Honda Civic DXi Hatch/Saloon (European Market)
      • 1990-1995 Honda Concerto (European Market)
        • Displacement : 1,493 cc (91.1 cu in)
        • Bore and Stroke : 75 mm × 84.5 mm (3.0 in × 3.3 in)
        • Rod Length : 134 mm
        • Compression : 9.2:1
        • Power : 92 hp (68.6 kW, 93.3 ps) @ 6000 rpm
        • Torque : 88 ft·lbf (12.2 kg/m, 119 Nm) @ 4500 rpm
        • Valvetrain : SOHC (4 valves per cylinder)
        • Cam Gear : 37 tooth
        • Piston Code : PM3
        • Fuel Control : OBD-O DPFI/Obd-1 DPFI
        • Redline : 6500 rpm,6800 rpm rev limiter
        • Head Code : PM3
        • ECU Code: PM5/P04
    De qualquer das maneiras noto bem... também como é a gasolina penso que o binário em rotações mais baixas é menor do que o que acontece normalmente num diesel... se não estou a dizer asneira outra vez

  22. #172
    Chefe de Equipa carregalhe's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2006
    Localização
    Coimbra
    Posts
    25,981

    Por Defeito

    Desta feita não estás errado, mas apenas porque estamos a comparar motores a gasolina NA a diesel sobrealimentados.

    Perguntei-te porque a minha ex tinha um Civic 1.4 cujo binário, mesmo sendo algo baixo para a cilindrada, era de 114 Nm - salvo erro.

  23. #173
    Banido Goran's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2009
    Localização
    Algueirão
    Posts
    930

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por carregalhe Ver Post
    Desta feita não estás errado, mas apenas porque estamos a comparar motores a gasolina NA a diesel sobrealimentados.

    Perguntei-te porque a minha ex tinha um Civic 1.4 cujo binário, mesmo sendo algo baixo para a cilindrada, era de 114 Nm - salvo erro.


    Toda a razão

  24. #174
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Dec 2006
    Posts
    5,674

    Por Defeito

    É possível ter prazer na condução de um diesel?
    Para mim é gasolina all the way!

  25. #175
    Suspenso Alpiger's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2004
    Localização
    Lisboa, Portugal
    Posts
    30,327

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por carregalhe Ver Post
    Desta feita não estás errado, mas apenas porque estamos a comparar motores a gasolina NA a diesel sobrealimentados.
    Esse é um enorme erro que a maioria das pessoas faz, comparar o que não é comparável.

  26. #176
    v7
    v7 está offline
    Banido v7's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2005
    Localização
    Lisboa, Portugal
    Posts
    32,659

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por BLADERUNNER Ver Post
    Para mim, frustração é ir no meu otto de 115cv e estar sempre a trabalhar a caixa porque o bicho não se aguenta até lá em cima e fico a ver passar carros. Ai a falta que me fazia o binário do diesel da minha esposa.

    Desapontamento é procurar a resposta imediata no diesel e ela só surgir instantes depois, pelo que em estradas sinuosas quando vou com pressa e a trabalhar a caixa a coisa não rende e a satisfação vai-se.

    Doloroso é o facto de o meu gasolinas ter a suspensão rebaixada a direcção mais comunicativa, e dar-nos cabo das costas quando em piso menos simpático pretendemos uma viagem confortável em família.

    Seca é quando quero fazer um trajecto para sentir o feeling da condução nessa estranha comunhão homem-máquina e o diesel macio “afasta-me da estrada”.

    Desconsolo é eu ter de ouvir o bicho a roncar em esforço quando lhe falta a força estragando o bom som da conversa e da música do interior tendo de escutar “não estás a ir muito depressa?”.

    Tédio é eu querer ouvir o roncar do motor elevado às altas rotações e o diesel dizer-me que já tenho idade para ter juízo e recusa-se a dar-me esse prazer.

    Ei!? Esperem lá! O fulano que abriu o tópico quer é saber do prazer de condução! Caramba, só agora é que li e respondi ao contrário.

    Bem, no fundo tudo depende do género de utilização que se quer dar ao carro.
    Para varrer a estrada em conforto com a família, sem preocupações com a caixa, aproveitando a qualidade de materiais, o som ambiente, a insonorização ao exterior, o conforto da suspensão pneumática e todo o ambiente a bordo, prefiro o diesel.
    Para emoção (de preferência sem ter a família por perto) aproveitando um bom grip, as respostas que o motor me dá e o diálogo que estabelecemos no nosso frenesim, tenho meu otto sempre à espera
    .
    Quais são os carros ?

    Eu genericamente prefiro motores a gasolina e de preferência grandes e atmosféricos.

    Não deixo no entanto de achar interessantes alguns diesel e nomeadamente a sua capacidade de lidar com corpos pesados.

    Mas na verdade gosto tanto de conduzir que tenho sempre imensa curiosidade e interesse em conduzir tudo o que posso, mesmo que sejam à partida carros pouco interessantes e quer sejam a gasolina ou diesel.

    Isto mesmo tendo em conta que convivo regularmente com um 6 cilindros de 200 cv e que já tive a sorte de conduzir muita coisa, mesmo vários carros com mais de 300 cv. Mas não deixo de me entusiasmar com carros banais como, quando fiz aqui um tópico sobre o Opel Combo 1.25 diesel de 70 cv

  27. #177
    Piloto de Testes
    Data de Registo
    Nov 2006
    Localização
    Santa Maria da Feira, , Portugal.
    Posts
    1,077

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por DiogoSilva Ver Post
    Um 2.0 TFSI 200cv tem 280 Nm de binário.

    Um 2.0 TDI 170cv tem 350Nm.

    Ou seja, um diesel com menos 30cv e mais 70Nm. Agora faz uma repro no TDI, mete-o com 200cv e vê a diferença

    Conduzi um leon fr o de 200cv e uma altea Fr tdi de 170, no mesmo dia, e de seguida... e devo dizer que detestei o diesel... achei mesmo um nojo. Bruto demais, em primeira e mesmo em segunda, nd progressivo. Agora o leon, esse sim..

  28. #178
    Piloto de Kart Malleno's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2005
    Localização
    Sintra/Estoril
    Posts
    216

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por v7 Ver Post
    Quais são os carros ?

    Eu genericamente prefiro motores a gasolina e de preferência grandes e atmosféricos.

    Não deixo no entanto de achar interessantes alguns diesel e nomeadamente a sua capacidade de lidar com corpos pesados.

    Mas na verdade gosto tanto de conduzir que tenho sempre imensa curiosidade e interesse em conduzir tudo o que posso, mesmo que sejam à partida carros pouco interessantes e quer sejam a gasolina ou diesel.

    Isto mesmo tendo em conta que convivo regularmente com um 6 cilindros de 200 cv e que já tive a sorte de conduzir muita coisa, mesmo vários carros com mais de 300 cv. Mas não deixo de me entusiasmar com carros banais como, quando fiz aqui um tópico sobre o Opel Combo 1.25 diesel de 70 cv
    engracado que penso da mesmissima forma!!

    Trabalhei num hotel e por vezes no mesmo dia punha a mao em 25/30 carros de gama alta/muito alta! Tanto apreciava os 560cv de um bentley como 250 de um saab 9-5 aero (este foi inclusive dos mais surpeendentes carros que conduzi).

    Desde a apreciar interiores de um antigo aston martin a pedido do babado proprietario, a ver a mecanica do lexus is-f com malta da comunicacao aquando da apresentacao internacional!

    Na altura tinha um 33 1.7 16v e conseguia mesmo depois de conduzir maquinas 10x mais caras, tirar gozo e ver virtudes neste!!
    Última edição por Malleno : 06-01-10 às 22:03:22

  29. #179
    Suspenso Alpiger's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2004
    Localização
    Lisboa, Portugal
    Posts
    30,327

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Malleno Ver Post
    engracado que penso da mesmissima forma!!

    Trabalhei num hotel e por vezes no mesmo dia punha a mao em 25/30 carros de gama alta/muito alta! Tanto apreciava os 560cv de um bentley como 250 de um saab 9-5 aero (este foi inclusive dos mais surpeendentes carros que conduzi).

    Desde a apreciar interiores de um antigo aston martin a pedido do babado proprietario, a ver a mecanica do lexus is-f com malta da comunicacao aquando da apresentacao internacional!
    Já conduzi carros fracos que me deram grande gozo como já conduzi carros potentes que não me deixaram grandes saudades

  30. #180
    Piloto de Kart Malleno's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2005
    Localização
    Sintra/Estoril
    Posts
    216

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Alpiger Ver Post
    Já conduzi carros fracos que me deram grande gozo como já conduzi carros potentes que não me deixaram grandes saudades
    comigo tambem! fiquei cm opinioes de alguns "deuses" que seriam por aqui muito polemicas!!

    alias, ves em cima noutro meu comentario nesta pagina, que o primeiro que referi quanto a prazer de conducao, foi um simples Honda S800!

Página 6 de 9 PrimeiraPrimeira ... 567 ... ÚltimaÚltima

Tópicos semelhantes

  1. Prazer de condução
    Por Nightwisher na secção Road-book
    Respostas: 80
    Último Post: 25-10-16, 16:45:50
  2. Respostas: 712
    Último Post: 25-02-14, 22:42:54
  3. Rendimento Diesel vs Otto
    Por rca33 na secção FÓRUM GERAL
    Respostas: 49
    Último Post: 13-09-07, 10:50:30
  4. Diesel ou Otto?
    Por underground na secção FÓRUM GERAL
    Respostas: 59
    Último Post: 12-05-07, 20:11:00
  5. Diesel vs Otto, qual o mais resistente?
    Por rubenvalente na secção FÓRUM GERAL
    Respostas: 79
    Último Post: 02-12-06, 00:25:39

Regras de Colocação

  • Não pode criar tópicos
  • Não pode responder
  • Não pode colocar anexos
  • Não pode editar os seus posts
  •