[Dilema] Carro ou mota? - Página 3

Página 3 de 5 PrimeiraPrimeira ... 234 ... ÚltimaÚltima
A mostrar resultados 61 para 90 de 138

Título: [Dilema] Carro ou mota?

  1. #61
    Piloto de Testes taberneiro's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2007
    Localização
    No balcão
    Posts
    1,987

    Por Defeito

    Pensando bem nas coisas, o que o rca33 disse é verdade.

    Vejamos, acaba por ser um pretexto para comprar uma mota, mas não em vão, pois o desejo é juntar o útil ao agradável, ter uma mota e um carro para o desenrasque.

    Acontece, se comprar outro carro tenho de adiar a compra da mota por mais uns tempos, visto que não iria estoirar dinheiro em ambos. Custos de manutenção com o Punto? O que é isso... Tomara tantos carros novos, daqui a 16 anos darem tão pouca despesa como este. A média que faço situa-se nos 6.3l/100km, com uma mota não faria muito menos que isso certamente. Agora, comparando a mota com um carro recente, a manutenção deve andar ela por ela.

    O carro tem actualmente 155mk no odómetro, mas sabe-se lá quantos mais terá, comprei-o usado em 2004. Ele ainda não deu sinais de fraqueza, de vez em quando há uns problemas mas facilmente os resolvo. Como estou a fazer mais de 20mk por ano, acho que repartir esta quilometragem com uma mota poderia ser benéfico tanto para o carro como para o dono

    Quando comprei este (18 anos e era o dinheiro que tinha), comprei um pouco contrariado pois só ouvia dizer mal da Fiat. Mas em questão de mecânica aquilo tem motor para uma vida. Consome 1 pouco de óleo (+/- 1l/5000km), mas com óleo a 15€ o garrafão não é por aí!

    Wolfman, obrigado pela resposta, mas eu acho que estás um pouco ao lado daquilo que estou a pretender, ou seja, uma HD ou uma Ducati não são os melhores exemplos para manter como veículo diário.

    A CBF 125 já me passou pelos planos, e em termos de economia seria o ideal. Afinal os 2.2l/100km são mesmo reais. Mas aquilo anda alguma coisa? Não esquecer que teria de levar em cima com 1.88m e 93kg


  2. #62
    Piloto de Troféu Whisperdancer's Avatar
    Data de Registo
    Nov 2005
    Localização
    , , .
    Posts
    8,718

    Por Defeito

    Indo para além da paixão e prazer, para mim a moto justifica quando:

    - Vou diáriamente para sítios onde é difícil estacionar
    - Apanho diáriamente muito trânsito em que numa moto poderia poupar muito tempo

    Como nenhum destes dois factores existem, posso bem passar sem moto.
    Já tive moto para andar diáriamente (a última foi uma Deauville 650, uma moto excelente para o dia a dia), tenho uma moto antiga, e o bichinho não desapareceu (principalmente pelas naked de cilindrada importante), mas não encontro justificação para manter a despesa que uma moto dá, isto para além do preço de aquisição.

  3. #63
    air
    air está offline
    Piloto Veterano air's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2004
    Localização
    Porto/Aveiro
    Posts
    21,386

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Gavela Ver Post
    Compreendo.
    Mas como foi referido "A maior parte do trajecto é EN, mas com muitas zonas de 50km/h e semáforos de controlo de velocidade" penso que servia bem dado que se pensa na economia.

    Se é para se tirar prazer...aí que esqueça a economia.
    Precisamente

  4. #64
    Piloto de Testes Wolfman's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2007
    Posts
    3,265

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por taberneiro Ver Post
    Wolfman, obrigado pela resposta, mas eu acho que estás um pouco ao lado daquilo que estou a pretender, ou seja, uma HD ou uma Ducati não são os melhores exemplos para manter como veículo diário.
    Como referi anteriormente, tens de experimentar e ver qual a moto que mais se adapta a ti.

    Eu já tive desde, nakeds, maxi-trails a sbk como moto do dia a dia e qualquer uma tive de me adaptar.

    A Ducati que referi é a 695, é uma naked, concorrente com a hornet, fz6, z750, gsr, etc, logo é o melhor exemplo para o dia a dia (posição de condução, bom motor).

  5. #65
    Piloto de Troféu FernandoAc's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2004
    Posts
    8,259

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por taberneiro Ver Post

    A CBF 125 já me passou pelos planos, e em termos de economia seria o ideal. Afinal os 2.2l/100km são mesmo reais. Mas aquilo anda alguma coisa? Não esquecer que teria de levar em cima com 1.88m e 93kg
    Tenho um amigo com altura e peso semelhante e uma CBR 125, para passar dos 100kmh com ela é já não é fácil. Aquela moto ou está a fundo ou parada.

    Se está interessado em motos de baixa cilindrada a Ninja 250 parece interessante, ainda com bons consumos e muito melhor andamento. A posição de condução é que pode penalizar mais o conforto mas nada como testar. Esta moto em estradas nacionais deve ser muito agil.


  6. #66
    Piloto de Troféu LuisMiguelC's Avatar
    Data de Registo
    Nov 2006
    Localização
    Amadora
    Posts
    9,842

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por taberneiro Ver Post
    O carro tem actualmente 155mk no odómetro, mas sabe-se lá quantos mais terá, comprei-o usado em 2004. Ele ainda não deu sinais de fraqueza, de vez em quando há uns problemas mas facilmente os resolvo. Como estou a fazer mais de 20mk por ano, acho que repartir esta quilometragem com uma mota poderia ser benéfico tanto para o carro como para o dono
    A minha mãe tem um Punto 55S de 1994, comprado novo e com revisões todas na marca. O carro já tem mais de 160mil Km e tá para as curvas! O teu bem mantido aguenta muitos mais, até porque o percurso nem parece ser muito exigente, EN é na boa.

    E agora vou-me calar que já fiz notar bem o meu ponto de vista

    Seja qual for a tua decisão, boa sorte!

  7. #67
    Piloto de Rallye Agent's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2008
    Localização
    A caminho...
    Posts
    11,880

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por taberneiro Ver Post
    ...

    A CBF 125 já me passou pelos planos, e em termos de economia seria o ideal. Afinal os 2.2l/100km são mesmo reais. Mas aquilo anda alguma coisa? Não esquecer que teria de levar em cima com 1.88m e 93kg
    Com essas características, , esquece a CBF...

    Ia-se tornar uma arrastadeira.

  8. #68
    ice
    ice está online
    Piloto de Troféu ice's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2003
    Localização
    Portugal
    Posts
    9,610

    Por Defeito

    Primeiro só uns comentários a outros feitos anteriormente...

    Com 5 mil € consegue-se comprar uma moto de sonho.

    Uma moto pode ser económica, mesmo na manutenção.

    Agora respondendo ao Taberneiro:

    Pretendes mesmo uma moto (e já sabes ao que vais, até porque tens uma) com o intuito de poupar o carro. Pelos exemplos que dás, não descuras os custos de manutenção.

    Tanto uma Fazer como uma xt fazem revisão a cada 10 mil kms. Penso que noutras marcas também já sejam assim, mais espaçadas.

    A diferença é que a uma xt (e vou falar da versão trail, a R) fazes tu a manutenção com muita facilidade (se a fazes ao punto), e fica muito em conta. Provávelmente só terás de ir à oficina para trocar pneus, e já agora a cada 2 anos ou assim, para as lubrificações/reapertos da praxe. Isto se não quiseres aprofundar os teus conhecimentos mecânicos

    Um pneu de trás, se a moto for usada com ponderação, faz-te mais de 20 mil kms. Leva pouco mais de 2 litros de oleo, a vela é pouco mais de 5€, só tem um disco frontal logo as pastilhas são mais em conta, e por aí fora.

    Eu usei durante algum tempo uma no percurso setubal-lisboa e volta, e nunca me chatiei. Mas sou um tipo calmo, e ando por norma devagar.

    Se queres algo com mais garra, ou até se usares uma xt com mais garra, claro que os custos sobem.

    Pessoalmente já não me vejo sem moto, de igual forma que não me vejo sem carro. É o melhor de 2 mundos

    Mas isto de dar palpites sobre a vida dos outros...


    Cump.

  9. #69
    Piloto de Testes taberneiro's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2007
    Localização
    No balcão
    Posts
    1,987

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Whisperdancer Ver Post
    Indo para além da paixão e prazer, para mim a moto justifica quando:

    - Vou diáriamente para sítios onde é difícil estacionar
    - Apanho diáriamente muito trânsito em que numa moto poderia poupar muito tempo

    Como nenhum destes dois factores existem, posso bem passar sem moto.
    Já tive moto para andar diáriamente (a última foi uma Deauville 650, uma moto excelente para o dia a dia), tenho uma moto antiga, e o bichinho não desapareceu (principalmente pelas naked de cilindrada importante), mas não encontro justificação para manter a despesa que uma moto dá, isto para além do preço de aquisição.
    Esse é o teu ponto de vista e respeito-o. Mas por essa lógica, apenas quem mora/trabalha nas grandes cidades é que necessita da mota?
    Eu vejo a mota como um meio de transporte alternativo ao carro, independentemente de ser na cidade ou não.

    Citação Originalmente Colocado por Wolfman Ver Post
    Como referi anteriormente, tens de experimentar e ver qual a moto que mais se adapta a ti.

    Eu já tive desde, nakeds, maxi-trails a sbk como moto do dia a dia e qualquer uma tive de me adaptar.

    A Ducati que referi é a 695, é uma naked, concorrente com a hornet, fz6, z750, gsr, etc, logo é o melhor exemplo para o dia a dia (posição de condução, bom motor).
    Sim, mas o que eu quis referir, foi que uma Ducati não é a marca de motas mais fácil de manter. Aliás, para mim é daquelas marcas que se ama ou detesta (é o meu caso).
    Li algures que tinhas/tens uma ZX-10r, andavas com ela na cidade? Que consumo e desgaste de pneu tinhas com ela? Na minha opinião esse é o tipo de mota que é uma estragação para o dia a dia.


    Citação Originalmente Colocado por LuisMiguelC Ver Post
    A minha mãe tem um Punto 55S de 1994, comprado novo e com revisões todas na marca. O carro já tem mais de 160mil Km e tá para as curvas! O teu bem mantido aguenta muitos mais, até porque o percurso nem parece ser muito exigente, EN é na boa.

    E agora vou-me calar que já fiz notar bem o meu ponto de vista

    Seja qual for a tua decisão, boa sorte!
    Eu já devo ser o 3º ou 4º dono do meu, revisões na marca na minhas mãos nunca soube o que foi. O carro não está mau longe disso, mas há 2 semanas tirei o cárter porque babava óleo pela junta e o motor até mete medo dos resíduos que tem agarrado nas bielas/cambota.

    Citação Originalmente Colocado por ice Ver Post
    Primeiro só uns comentários a outros feitos anteriormente...

    Com 5 mil € consegue-se comprar uma moto de sonho.

    Uma moto pode ser económica, mesmo na manutenção.

    Agora respondendo ao Taberneiro:

    Pretendes mesmo uma moto (e já sabes ao que vais, até porque tens uma) com o intuito de poupar o carro. Pelos exemplos que dás, não descuras os custos de manutenção.

    Tanto uma Fazer como uma xt fazem revisão a cada 10 mil kms. Penso que noutras marcas também já sejam assim, mais espaçadas.

    A diferença é que a uma xt (e vou falar da versão trail, a R) fazes tu a manutenção com muita facilidade (se a fazes ao punto), e fica muito em conta. Provávelmente só terás de ir à oficina para trocar pneus, e já agora a cada 2 anos ou assim, para as lubrificações/reapertos da praxe. Isto se não quiseres aprofundar os teus conhecimentos mecânicos

    Um pneu de trás, se a moto for usada com ponderação, faz-te mais de 20 mil kms. Leva pouco mais de 2 litros de oleo, a vela é pouco mais de 5€, só tem um disco frontal logo as pastilhas são mais em conta, e por aí fora.

    Eu usei durante algum tempo uma no percurso setubal-lisboa e volta, e nunca me chatiei. Mas sou um tipo calmo, e ando por norma devagar.

    Se queres algo com mais garra, ou até se usares uma xt com mais garra, claro que os custos sobem.

    Pessoalmente já não me vejo sem moto, de igual forma que não me vejo sem carro. É o melhor de 2 mundos

    Mas isto de dar palpites sobre a vida dos outros...


    Cump.
    Não é uma questão de palpites na vida dos outros, mas sim uma troca de ideias que estamos aqui a ter.

    Pelo que li da XT660, os brasileiros elegem-na sobretudo pelos baixos custos de manutenção. É mais cara que o Punto, mas acho que qualquer veículo de 2 ou 4 rodas tem mais manutenção mais cara que aquilo. Os pneus trocam-se em casa, com um pouco de jeito dá para o fazer (pelo menos na que tenho), provavelmente só precisava de mandar calibrar a roda fora.

    A mota não é indispensável, longe disso, mas a sensação de liberdade que se tem é muito boa! Não uso a DTR no dia a dia, porque não é mota para tal, para além do perfume que fica na roupa.

    Falam que é preciso protecção aerodinâmica, mas será que uma mota a 100km/h precise de carenagens/vidro para proteger? Não se aguentam em cima dela? É que se numa DTR me sinto bem, não percebo como é que noutro tipo de mota seja desconfortável. Ou sou eu que não sei o que é a definição de conforto, ou têm de comer muitos bifes para se aguentarem

    Já mencionei que o percurso diário não dá para grandes velocidades, também assim se explica o reduzido consumo que tenho no carro, e até uma 50cc servia.

    Eu acho que fazer a manutenção em casa, é juntar o útil ao agradável, aprendem-se coisas novas e sabendo fazer, quem melhor que o próprio dono para tratar do que é seu? Confesso, que sou um desconfiado do caraças em relação aos mecânicos e só quando não tenho possibilidades é que recorro a eles.

  10. #70
    Pedestre
    Data de Registo
    Oct 2004
    Localização
    , , .
    Posts
    20

    Por Defeito

    Eu estive na mesma situação há dois anos.. carrinho velho quase a morrer e a pensar o que fazer.
    Como fazia cerca de 70kms por dia a ideia era ter uma mota segura, que gastasse pouco e andasse bem. Conclusão.. comprei uma V-strom 650 com ABS.

    Se é mesmo uma mota que queres, ninguém te vai demover da ideia.. mas se os 5000€ te andam a fazer comichão eu pensava duas vezes.
    Com esses 70km por dia vais ter que fazer 2 revisões por ano, que acaba por te custar 250€. O seguro custa-te cerca de 150€ por ano.. e provavelmente vais ter que meter pneus uma vez por ano (300€). A minha mota é de Maio de 2008 e já vai com 24000km.

    Imaginando que compras a mota a crédito e ficas a pagar 150€/mes, vais ter meses onde vais ter que gastar quase 500€ por causa da mota..e o investimento inicial ainda é puxadote. Não sei quanto é que ganhas (nem me interessa ) mas uma regra de ouro é os custos fixos não ultrapassarem 1/3 do ordenado.

    Não sei se tens garagem ou não.. mas se não tiveres o tempo vai-te obrigar a alguma despesa de 2 em 2 anos para remover ferrugem e eventualmente montar um alarme (150€).

    As vantagens da mota em relação ao carro:
    Não sei o que é perder tempo no trânsito.
    Faço médias de 5L em vez de 7.5.
    Não pago estacionamento em lado nenhum.
    Pago classe 5 na AE (-30% do que a Classe 1.. mas só com via verde).


    Entretanto o carro continua quase a morrer mas pelo que uso que lhe dou (fins de semana, compras e pouco mais) ainda vai demorar uns anos a morrer de vez..

    Outra coisa, se fazes maioritariamente nacionais, uma R é masoquismo, uma naked serve perfeitamente.. mas se quiseres uma mota para também fazeres algumas viagens, aponta para algo parecido com uma v-strom, cb 600 sa, por aí. Usadas por menos de 5k também tens as BWM F650.
    As VStroms de 2008 com ABS não devem custar mais de 5000€.

    Espero ter ajudado!

  11. #71
    Piloto de Provas de Perícia JohnnT's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2007
    Posts
    759

    Por Defeito

    epa a minha opiniao, so comprava uma mota depois de ter um carro em condiçoes.

    senao vejamos

    - queres fazer uma viagem maior tipo 300/400km com duas ou mais pessoas, vais de que? (carro)

    - ta a chover e vais para o trabalho vais de que? (carro) - e olha que se for como este ano em que ta difícil a chuva ir embora.

    - sais a noite e tas uma beca ja bebido e vais de mota, é + complicado equilibrares te na mota.

    - epa eu no meu ponto de vista e como ja alguem aqui mencionou, uma mota é mais um caprixo que outra coisa, visto bem as coisas o que nos pagamos e o que obtemos delas é uma minoria e raramente compensam.

    eu no teu lugar pensaria num carro económico e mais recente e se daqui a um ou dois anos tivesses posses monetárias entao depois de ter um carro para o qual me service em qualquer situaçao compraria entao a mota.

    nunca compraria uma mota, sabendo que o meu carro (objecto pelo qual teras maior necessidade em relação a mota) ja estaria uma beca obsoleto.

  12. #72
    Piloto de Rallye SRLA's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2010
    Posts
    10,746

    Por Defeito

    Atenção pessoal ao comparar motas e carros não cometam o erro demasiado comum de comparar motas de alta performance com carros de baixa performance.

    É verdade que uma 1000 de 150 ou mais cv faz sem grande dificuldade os consumos de um carro a gasolina de baixa cilindrada, mas no tempo que esse carro vai dos zero aos cem a mota vai dos zero aos duzentos sem grande dificuldade.

    Um Punto de 75cv anda menos que uma Ninja 250 por exemplo, que faz uns 4l/100 sem grandes cuidados, e as revisões embora sejam frequentes são sempre coisa barata.

    Tirando isto, caro taberneiro: estás num fórum de carros, e onde grande parte senão mesmo a maioria dos utilizadores acha que o turbodiesel é que rula (reflexo da mentalidade do país no fundo), que respostas é que estavas à espera?
    Última edição por SRLA : 05-04-10 às 20:53:24

  13. #73
    Piloto de Provas de Perícia JohnnT's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2007
    Posts
    759

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por SRLA Ver Post
    Atenção pessoal ao comparar motas e carros não cometam o erro demasiado comum de comparar motas de alta performance com carros de baixa performance.

    É verdade que uma 1000 de 150 ou mais cv faz sem grande dificuldade os consumos de um carro a gasolina de baixa cilindrada, mas no tempo que esse carro vai dos zero aos cem a mota vai dos zero aos duzentos sem grande dificuldade.

    Um Punto de 75cv anda menos que uma Ninja 250 por exemplo, que faz uns 4l/100 sem grandes cuidados, e as revisões embora sejam frequentes são sempre coisa barata.

    Tirando isto, caro taberneiro: estás num fórum de carros, e onde grande parte senão mesmo a maioria dos utilizadores acha que o turbodiesel é que rula (reflexo da mentalidade do país no fundo), que respostas é que estavas à espera?
    tas a ver um ponto de vista errado.

    aqui esta-se a discutir um veiculo (meio de transporte) que sirva em todas as situações da melhor forma, e a meu ver e tando o carro do user em mas condiçoes, e se tivesse eu no lugar dele sem duvida alguma me preocuparia em arranjar um carro mais recente, pois vais ser este o meio de transporte que ira servir todo o ano, ao contrario da mota que so servirá ocasionalmente (leia-se bom tempo).

    como dizia o outro:

    com esta me fico

  14. #74
    Piloto de Rallye SRLA's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2010
    Posts
    10,746

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por JohnnT Ver Post
    tas a ver um ponto de vista errado.

    aqui esta-se a discutir um veiculo (meio de transporte) que sirva em todas as situações da melhor forma, e a meu ver e tando o carro do user em mas condiçoes, e se tivesse eu no lugar dele sem duvida alguma me preocuparia em arranjar um carro mais recente, pois vais ser este o meio de transporte que ira servir todo o ano, ao contrario da mota que so servirá ocasionalmente (leia-se bom tempo).

    como dizia o outro:

    com esta me fico
    Eu acho que não percebeste o meu ponto de vista.

    O que eu quis dizer é que a maioria dos utilizadores deste fórum olha para o seu carro como olha para a sua máquina de café. É um aparelho para cumprir uma função. Tenho quase a certeza que aqueles deste fórum que têm um bom otto e/ou rwd dão mais atenção às duas rodas que os demais, porque em ambos os casos é uma questão de não apenas necessidade mas de gosto, não são umas pinguinhas que vão incomodar.

    De qualquer das formas as motas não deixam de funcionar quando apanham água. Pelo contrário, aguentam bem com ela, o que costuma falhar é o elemento humano, mas o que não falta à venda é equipamento impermeável. E também se pode argumentar que quando vem a chuva por um lado também há ainda mais razões para andar de mota, já que atrás da chuva vem sempre o trânsito. A escolha carro vs mota neste caso resume-se a se preferes sair de casa 40 minutos antes de entrar ao trabalho e passa-los no trânsito ou dormir mais meia hora e apanhar alguma chuva (que com um bom equipamento de cabeça aos pés nem sequer entra).
    Última edição por SRLA : 05-04-10 às 21:42:32

  15. #75
    Pedestre
    Data de Registo
    Oct 2004
    Localização
    , , .
    Posts
    20

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por SRLA Ver Post
    Eu acho que não percebeste o meu ponto de vista.

    O que eu quis dizer é que a maioria dos utilizadores deste fórum olha para o seu carro como olha para a sua máquina de café. É um aparelho para cumprir uma função. Tenho quase a certeza que aqueles deste fórum que têm um bom otto e/ou rwd dão mais atenção às duas rodas que os demais, porque em ambos os casos é uma questão de não apenas necessidade mas de gosto, não são umas pinguinhas que vão incomodar.

    De qualquer das formas as motas não deixam de funcionar quando apanham água. Pelo contrário, aguentam bem com ela, o que costuma falhar é o elemento humano, mas o que não falta à venda é equipamento impermeável. E também se pode argumentar que quando vem a chuva por um lado também há ainda mais razões para andar de mota, já que atrás da chuva vem sempre o trânsito. A escolha carro vs mota neste caso resume-se a se preferes sair de casa 40 minutos antes de entrar ao trabalho e passa-los no trânsito ou dormir mais meia hora e apanhar alguma chuva (que com um bom equipamento de cabeça aos pés nem sequer entra).

    Concordo com o SRLA, a chuva é mais um motivo para ir de mota que de carro. Mas é díficil alguém que não ande de mota perceber isto.. é daquelas situações em que só vivendo se consegue perceber.


    O punto faz uma viagem de 300-400km sem problemas (isto são 4 dias a ir e vir do trabalho) não estamos a falar de um carro dos anos 40.A partir do momento em que deixa de ser carro do dia a dia passa a ter muito menos desgaste e por consequência o dono terá um carro para mais anos do que se o usasse todos os dias.

  16. #76
    Piloto de Testes Andre18's Avatar
    Data de Registo
    Nov 2005
    Localização
    Lisboa, , Bhutan.
    Posts
    1,653

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por JohnnT Ver Post
    epa a minha opiniao, so comprava uma mota depois de ter um carro em condiçoes.

    senao vejamos

    - queres fazer uma viagem maior tipo 300/400km com duas ou mais pessoas, vais de que? (carro)

    - ta a chover e vais para o trabalho vais de que? (carro) - e olha que se for como este ano em que ta difícil a chuva ir embora.

    - sais a noite e tas uma beca ja bebido e vais de mota, é + complicado equilibrares te na mota.

    - epa eu no meu ponto de vista e como ja alguem aqui mencionou, uma mota é mais um caprixo que outra coisa, visto bem as coisas o que nos pagamos e o que obtemos delas é uma minoria e raramente compensam.

    eu no teu lugar pensaria num carro económico e mais recente e se daqui a um ou dois anos tivesses posses monetárias entao depois de ter um carro para o qual me service em qualquer situaçao compraria entao a mota.

    nunca compraria uma mota, sabendo que o meu carro (objecto pelo qual teras maior necessidade em relação a mota) ja estaria uma beca obsoleto.
    Essa é a típica mentalidade exactamente de quem NUNCA compraria uma moto.

    Ta a chover e vais po trabalho... de moto. o tempo que poupas chega e sobra, se te apetecer para mudar de roupa 3 vezes, o que nem é necessário se tiveres o equipamento adequado.

    Saio á noite e estou uma beca mais bebido... não conduzo. E não é falso moralismo, com isso não brinco de todo.

    Quanto às viagens tens toda a razão. E se para o dia a dia é preciso ter algum espírito para andar de moto, mais ainda é necessário para viajar... e há poucas coisas melhores do que viajar de moto! :p

  17. #77
    Piloto de Testes Dano's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2007
    Localização
    Earth
    Posts
    2,656

    Por Defeito

    Por acaso acho que o comentário dito aqui em baixo, é de alguem que nunca andou de mota ou presenciou a liberdade que se pode ter de mota.

    E se o carro faz todos os dias 70km, e até agora sem problemas, porque é que ficando parado os vai começar a ter? Até vai tar mais "saudável"


    Tendo em conta que é nacionais e que penso que não vai ter pachorra para tar a ter de vestir e despir o equipamento para a chuva, penso que tem o carro para essas alturas ou alturas em que precise de andar com mais gente. Até agora se ele já tem o bichinho da DTR, não era mau pensado comprar uma mota, agora convêm é ver alguma que lhe encha os requisitos.

  18. #78
    Piloto de Testes taberneiro's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2007
    Localização
    No balcão
    Posts
    1,987

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por mambo Ver Post
    Eu estive na mesma situação há dois anos.. carrinho velho quase a morrer e a pensar o que fazer.
    Como fazia cerca de 70kms por dia a ideia era ter uma mota segura, que gastasse pouco e andasse bem. Conclusão.. comprei uma V-strom 650 com ABS.

    Se é mesmo uma mota que queres, ninguém te vai demover da ideia.. mas se os 5000€ te andam a fazer comichão eu pensava duas vezes.
    Com esses 70km por dia vais ter que fazer 2 revisões por ano, que acaba por te custar 250€. O seguro custa-te cerca de 150€ por ano.. e provavelmente vais ter que meter pneus uma vez por ano (300€). A minha mota é de Maio de 2008 e já vai com 24000km.

    Imaginando que compras a mota a crédito e ficas a pagar 150€/mes, vais ter meses onde vais ter que gastar quase 500€ por causa da mota..e o investimento inicial ainda é puxadote. Não sei quanto é que ganhas (nem me interessa ) mas uma regra de ouro é os custos fixos não ultrapassarem 1/3 do ordenado.

    Não sei se tens garagem ou não.. mas se não tiveres o tempo vai-te obrigar a alguma despesa de 2 em 2 anos para remover ferrugem e eventualmente montar um alarme (150€).

    As vantagens da mota em relação ao carro:
    Não sei o que é perder tempo no trânsito.
    Faço médias de 5L em vez de 7.5.
    Não pago estacionamento em lado nenhum.
    Pago classe 5 na AE (-30% do que a Classe 1.. mas só com via verde).


    Entretanto o carro continua quase a morrer mas pelo que uso que lhe dou (fins de semana, compras e pouco mais) ainda vai demorar uns anos a morrer de vez..

    Outra coisa, se fazes maioritariamente nacionais, uma R é masoquismo, uma naked serve perfeitamente.. mas se quiseres uma mota para também fazeres algumas viagens, aponta para algo parecido com uma v-strom, cb 600 sa, por aí. Usadas por menos de 5k também tens as BWM F650.
    As VStroms de 2008 com ABS não devem custar mais de 5000€.

    Espero ter ajudado!
    O comprar a mota está na equação porque é chegar e pagar! Não preciso de recorrer ao crédito.

    Tenho garagem e chuva pouca ou nenhuma deve apanhar, afinal para isso é que tenho o carro!

    Citação Originalmente Colocado por JohnnT Ver Post
    epa a minha opiniao, so comprava uma mota depois de ter um carro em condiçoes.

    senao vejamos

    - queres fazer uma viagem maior tipo 300/400km com duas ou mais pessoas, vais de que? (carro) Exacto! Para isso é que fico com ele. Mas vou fazer uma viagem sozinho, porque não levar a mota? Se quiseres passa no fórum "www.viajardemoto.com" e vê os passeios que são feitos cá e lá fora.

    - ta a chover e vais para o trabalho vais de que? (carro) - e olha que se for como este ano em que ta difícil a chuva ir embora. Aí não faço intenções de ir de mota, mas o carro também não mete água.

    - sais a noite e tas uma beca ja bebido e vais de mota, é + complicado equilibrares te na mota. Não bebo! lol

    - epa eu no meu ponto de vista e como ja alguem aqui mencionou, uma mota é mais um caprixo que outra coisa, visto bem as coisas o que nos pagamos e o que obtemos delas é uma minoria e raramente compensam.

    eu no teu lugar pensaria num carro económico e mais recente e se daqui a um ou dois anos tivesses posses monetárias entao depois de ter um carro para o qual me service em qualquer situaçao compraria entao a mota.

    nunca compraria uma mota, sabendo que o meu carro (objecto pelo qual teras maior necessidade em relação a mota) ja estaria uma beca obsoleto.
    Eu acho que tudo passa por uma questão de prioridades! E as voltas que dou com o carro, se as passar a fazer de mota?

    Citação Originalmente Colocado por SRLA Ver Post
    Atenção pessoal ao comparar motas e carros não cometam o erro demasiado comum de comparar motas de alta performance com carros de baixa performance.

    É verdade que uma 1000 de 150 ou mais cv faz sem grande dificuldade os consumos de um carro a gasolina de baixa cilindrada, mas no tempo que esse carro vai dos zero aos cem a mota vai dos zero aos duzentos sem grande dificuldade.

    Um Punto de 75cv anda menos que uma Ninja 250 por exemplo, que faz uns 4l/100 sem grandes cuidados, e as revisões embora sejam frequentes são sempre coisa barata.

    Tirando isto, caro taberneiro: estás num fórum de carros, e onde grande parte senão mesmo a maioria dos utilizadores acha que o turbodiesel é que rula (reflexo da mentalidade do país no fundo), que respostas é que estavas à espera?
    Mais uma vez, digo que não quero desportivas. Para além de não caber em condições em cima delas, há uma toda panóplia de custos associados. Actualmente o que se enquadra mais no meu perfil/necessidade seria uma naked ou trail.

    Estou num outro fórum de motociclismo, mas lá o pessoal quase todo anda diariamente de mota. Já se sabe qual a resposta que se obtém lá. Fiz aqui este tópico exactamente por saber que há user's que têm carro e mota.
    Mas já reparei, que aqueles que dizem "CARRO FOREVER" são aqueles que nunca devem ter andado de mota (sem ofença para os visados) .

    Citação Originalmente Colocado por Andre18 Ver Post
    Essa é a típica mentalidade exactamente de quem NUNCA compraria uma moto.

    Ta a chover e vais po trabalho... de moto. o tempo que poupas chega e sobra, se te apetecer para mudar de roupa 3 vezes, o que nem é necessário se tiveres o equipamento adequado.

    Saio á noite e estou uma beca mais bebido... não conduzo. E não é falso moralismo, com isso não brinco de todo.

    Quanto às viagens tens toda a razão. E se para o dia a dia é preciso ter algum espírito para andar de moto, mais ainda é necessário para viajar... e há poucas coisas melhores do que viajar de moto! :p
    Compre ou não mota agora, ainda hei-de correr o nosso país à descoberta! E a Europa um dia quem sabe! Como já disse anteriormente, adoro ler as crónicas daquele fórum! Sim, faz-me sonhar....

  19. #79
    Piloto de Troféu Whisperdancer's Avatar
    Data de Registo
    Nov 2005
    Localização
    , , .
    Posts
    8,718

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por taberneiro Ver Post
    Esse é o teu ponto de vista e respeito-o. Mas por essa lógica, apenas quem mora/trabalha nas grandes cidades é que necessita da mota?
    Eu vejo a mota como um meio de transporte alternativo ao carro, independentemente de ser na cidade ou não.

    Sim, é um meio de transporte alternativo... para quem o possa ter.

    Forçosamente, e contra a minha vontade, tive que abdicar da moto, e pensava exactamente como muita gente pensa: não me via sem moto.
    O tempo encarregou-se de mostrar que afinal a moto não era assim tão necessária (no meu caso).
    Gasto menos em combustível, não tenho os inconvenientes da moto (nem os benefícios, diga-se...), e tenho um só veículo, o que significa um só seguro, um só selo, e por aí fora.
    E durante 6 ou 7 anos andei de moto todos os dias, exceptuando os fins de semana (eram poucos os que andava). Portanto era o meu veículo do dia a dia.

    Obviamente que andar de moto nem pode ser comparado com andar de carro.
    Gostava muito de ter uma moto em que pudesse andar sem restrições (e não uma antiga e restaurada como tenho). Eu bem olho para elas (se encontrasse uma CB1000 Big One a bom preço...), mas é um luxo ao qual não me posso dar, não é indispensável nem me faz tanta falta assim.
    O carro pode substituir uma moto (para bem ou para mal), mas uma moto não substitui o carro.

    Uma moto para todos os dias: uma Deauville: não gasta muito, tem protecção aerodinâmica, tem capacidade de carga nas malas integradas, não tem a porcaria da corrente (que se tem que lubrificar, esticar, que borra a jante toda e que volta e meia salpica lubrificante para a roupa) mas sim um veio de trasmissão sem manutenção para o utilizador, o selo não é escandaloso como uma moto maior, etc...

  20. #80
    Piloto de Provas de Perícia JohnnT's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2007
    Posts
    759

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Whisperdancer Ver Post
    Sim, é um meio de transporte alternativo... para quem o possa ter.

    Forçosamente, e contra a minha vontade, tive que abdicar da moto, e pensava exactamente como muita gente pensa: não me via sem moto.
    O tempo encarregou-se de mostrar que afinal a moto não era assim tão necessária (no meu caso).
    Gasto menos em combustível, não tenho os inconvenientes da moto (nem os benefícios, diga-se...), e tenho um só veículo, o que significa um só seguro, um só selo, e por aí fora.
    E durante 6 ou 7 anos andei de moto todos os dias, exceptuando os fins de semana (eram poucos os que andava). Portanto era o meu veículo do dia a dia.

    Obviamente que andar de moto nem pode ser comparado com andar de carro.
    Gostava muito de ter uma moto em que pudesse andar sem restrições (e não uma antiga e restaurada como tenho). Eu bem olho para elas (se encontrasse uma CB1000 Big One a bom preço...), mas é um luxo ao qual não me posso dar, não é indispensável nem me faz tanta falta assim.
    O carro pode substituir uma moto (para bem ou para mal), mas uma moto não substitui o carro.

    Uma moto para todos os dias: uma Deauville: não gasta muito, tem protecção aerodinâmica, tem capacidade de carga nas malas integradas, não tem a porcaria da corrente (que se tem que lubrificar, esticar, que borra a jante toda e que volta e meia salpica lubrificante para a roupa) mas sim um veio de trasmissão sem manutenção para o utilizador, o selo não é escandaloso como uma moto maior, etc...
    a negrito é a que eu defendo, nao vai a muito tempo tb andei indeciso em comprar uma moto4 (ate existe um tópico sobre isso), mas a decisão passou por comprar um carro melhor.

    se me perguntarem se o voltava a fazer... sim voltava, pois prefiro ter um carro melhor do que ter um carro menos bom e uma mota da qual nao me sinto satisfeito (pois queria algo mais) e a qual so a comprei pra poupar despesas do carro e pk nao tinha mais guito.

  21. #81
    Piloto de Provas de Perícia JohnnT's Avatar
    Data de Registo
    Oct 2007
    Posts
    759

    Por Defeito

    se tivesse tomado uma decisão diferente, teria um carro mais antigo do qual nao me satisfazia totalmente, e iria ter uma mota4 parada em casa, pois com os dois veículos nao teria capacidad€ de usufruir como gosto de ambos, alem de que carro e moto implica dois seguros, dois selos, e combustível para ambos.

    talvez daqui a uns meses compre então uma moto4 quem sabe, mas nunca compraria uma moto seja ela kl for sem antes ter um carro do qual me satisfaça e eu goste. pois quer queira quer nao este vai ser o meio de transporte pra todo o lado e em kk altura.

  22. #82
    Piloto de Testes Wolfman's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2007
    Posts
    3,265

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por taberneiro Ver Post
    Sim, mas o que eu quis referir, foi que uma Ducati não é a marca de motas mais fácil de manter. Aliás, para mim é daquelas marcas que se ama ou detesta (é o meu caso).
    Li algures que tinhas/tens uma ZX-10r, andavas com ela na cidade? Que consumo e desgaste de pneu tinhas com ela? Na minha opinião esse é o tipo de mota que é uma estragação para o dia a dia.
    Não deves ir pela marca, o óleo/pneus/velas/transmissão é o mesmo valor para qualquer marca.

    Tinha a ZX-10R ´06 (foi a minha última moto), andava com ela em cidade/ae´s onde calhasse e acredita que não é "estragação", afinal só havia dinheiro para uma moto, o ideal seria ter umas 5 motos, cada uma para determinado fim.

    Fazia consumos entre os 5.1l/100km´s e os 7.5l/100km´s, a média situava-se nos 6.5l/100km´s com bastantes tiradas acima dos 250. Os pneus não podia ser considerados diários, tinha uns qualifier rr, desgasta-se muito mais rápido que uns (ex.) pilot road (pneus estradistas).

    Só a tive 18mil km´s (desde nova) e apenas lhe fiz 1 muda de pneus (o da frente ainda durava 8/9 mil km´s, o de trás uns 2mil km´s), fiz uma muda de filtro do ar e 3 mudas de óleo e filtro do óleo e 1 muda de óleo e travões. Foi só isto...

  23. #83
    Piloto de Rallye SRLA's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2010
    Posts
    10,746

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por JohnnT Ver Post
    a negrito é a que eu defendo, nao vai a muito tempo tb andei indeciso em comprar uma moto4 (ate existe um tópico sobre isso), mas a decisão passou por comprar um carro melhor.

    se me perguntarem se o voltava a fazer... sim voltava, pois prefiro ter um carro melhor do que ter um carro menos bom e uma mota da qual nao me sinto satisfeito (pois queria algo mais) e a qual so a comprei pra poupar despesas do carro e pk nao tinha mais guito.
    Uma moto 4 não tem nada a ver com uma mota, e só quem nunca andou numa mota a sério as pode confundir.

    E eu discordo fortemente da afirmação. As únicas coisas que um carro faz que uma mota não pode fazer é transportar carga e passageiros (a mota faz mas com muitas limitações), e um carro também não transporta a carga de um camião nem os passageiros de um autocarro, a importância disso vai depender do uso que lhe damos, nunca percebi aquela mentalidade de comprar um grande familiar, monovolume ou SUV para andar sempre sozinho lá dentro como se vê tanto.

  24. #84
    ice
    ice está online
    Piloto de Troféu ice's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2003
    Localização
    Portugal
    Posts
    9,610

    Por Defeito

    Para o uso que que pretendes dar, acho que uma xt não é de todo descabida

    E usadas encontras, em condições, bem abaixo dos 5 mil €.

    Outra hipótese seria algo do genero cb/f, mas dada a tua estrutura, não sei como te sentirás em cima de uma.

    Atenção ao seguro, mesmo em nome do teu pai pode não ser fácil encontrar barato...

    Afirmo o que disse, nós podemos opinar, mas só tu sabes na realidade o que mais te convém


    Cump.

  25. #85
    Piloto de Testes Dano's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2007
    Localização
    Earth
    Posts
    2,656

    Por Defeito

    JohnnT tendo em conta que 5 dias por semana pelo menos, o user irá deslocar-se sozinho para fazer 70km´s diários e que dispõe de carro para o restante, diz-me lá onde não dá uma mota?

    Se tem o carro para levar mais pessoas, viagens maiores, e para ir as compras onde dá jeito uma bagageira. Onde entra aí a falta de meio para tal?
    O carro encontra-se em bom estado, anda e pelo que ele diz dá para mais tempo, e só penderou a mota devido a poupar o carro. E se calhar dar ases ao bichinho da mota, já que possui uma.


    Como outro user disse, não sei o porque de ter um SUV ou Monovolume para fazer 1 viagem à terra por ano, se praticamente todos os dias anda só com 1 pessoa a bordo, e toda a gente sabe que o SUV ou monovolumes por norma gastam sempre mais que um carro, mais peso...

  26. #86
    Piloto de Testes taberneiro's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2007
    Localização
    No balcão
    Posts
    1,987

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por JohnnT Ver Post
    a negrito é a que eu defendo, nao vai a muito tempo tb andei indeciso em comprar uma moto4 (ate existe um tópico sobre isso), mas a decisão passou por comprar um carro melhor.

    se me perguntarem se o voltava a fazer... sim voltava, pois prefiro ter um carro melhor do que ter um carro menos bom e uma mota da qual nao me sinto satisfeito (pois queria algo mais) e a qual so a comprei pra poupar despesas do carro e pk nao tinha mais guito.
    Sim eu também concordo que uma mota tem de ser complementada com um carro. Agora, sejamos realistas, uma moto 4 é tudo menos racional, é para quem pode! Para já não são para andar a "queimar" na estrada e uma manutenção de um motor daqueles, quando tem de ser é para doer.

    Um meio de transporte tem de ser adequado às necessidades de cada um, mas tu também não fazes viagens de 300/400km com 2 ou 3 pessoas no teu carro.

    Citação Originalmente Colocado por Wolfman Ver Post
    Não deves ir pela marca, o óleo/pneus/velas/transmissão é o mesmo valor para qualquer marca.

    Tinha a ZX-10R ´06 (foi a minha última moto), andava com ela em cidade/ae´s onde calhasse e acredita que não é "estragação", afinal só havia dinheiro para uma moto, o ideal seria ter umas 5 motos, cada uma para determinado fim.

    Fazia consumos entre os 5.1l/100km´s e os 7.5l/100km´s, a média situava-se nos 6.5l/100km´s com bastantes tiradas acima dos 250. Os pneus não podia ser considerados diários, tinha uns qualifier rr, desgasta-se muito mais rápido que uns (ex.) pilot road (pneus estradistas).

    Só a tive 18mil km´s (desde nova) e apenas lhe fiz 1 muda de pneus (o da frente ainda durava 8/9 mil km´s, o de trás uns 2mil km´s), fiz uma muda de filtro do ar e 3 mudas de óleo e filtro do óleo e 1 muda de óleo e travões. Foi só isto...
    Basicamente fizeste apenas a manutenção programada. Vendo bem as coisas, tem muito mais manutenção que um carro, agora se todas essas interveçoes ficaram mais caras que 1 apenas de carro é ver e fazer as contas.

    O que eu me quero referir com a DUcati, não são as revisões de óleo, mas sim o preço de outras peças que por azar possam avariar. Não sei se é mito ou não, mas a Ducati e a Aprilia são consideradas menos fiáveis que as japonesas. Mas uma Aprilia um dia ainda há-de vir para cá morar


    Citação Originalmente Colocado por Dano Ver Post
    JohnnT tendo em conta que 5 dias por semana pelo menos, o user irá deslocar-se sozinho para fazer 70km´s diários e que dispõe de carro para o restante, diz-me lá onde não dá uma mota?

    Se tem o carro para levar mais pessoas, viagens maiores, e para ir as compras onde dá jeito uma bagageira. Onde entra aí a falta de meio para tal?
    O carro encontra-se em bom estado, anda e pelo que ele diz dá para mais tempo, e só penderou a mota devido a poupar o carro. E se calhar dar ases ao bichinho da mota, já que possui uma.


    Como outro user disse, não sei o porque de ter um SUV ou Monovolume para fazer 1 viagem à terra por ano, se praticamente todos os dias anda só com 1 pessoa a bordo, e toda a gente sabe que o SUV ou monovolumes por norma gastam sempre mais que um carro, mais peso...
    Basicamente a questão deste tópico é essa. Conciliar o carro usado com uma eventual mota.

    Como vou sozinho na deslocação diária, uma mota pode muito bem servir de meio de transporte.

  27. #87
    Piloto de Testes taberneiro's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2007
    Localização
    No balcão
    Posts
    1,987

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por SRLA Ver Post
    Uma moto 4 não tem nada a ver com uma mota, e só quem nunca andou numa mota a sério as pode confundir.

    E eu discordo fortemente da afirmação. As únicas coisas que um carro faz que uma mota não pode fazer é transportar carga e passageiros (a mota faz mas com muitas limitações), e um carro também não transporta a carga de um camião nem os passageiros de um autocarro, a importância disso vai depender do uso que lhe damos, nunca percebi aquela mentalidade de comprar um grande familiar, monovolume ou SUV para andar sempre sozinho lá dentro como se vê tanto.
    Mas é que nada a haver! Por sinal, moto 4 é coisa que nunca comprarei. É uma questão de gostos, nada mais

  28. #88
    Piloto de Rallye SRLA's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2010
    Posts
    10,746

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por taberneiro Ver Post
    O que eu me quero referir com a DUcati, não são as revisões de óleo, mas sim o preço de outras peças que por azar possam avariar. Não sei se é mito ou não, mas a Ducati e a Aprilia são consideradas menos fiáveis que as japonesas. Mas uma Aprilia um dia ainda há-de vir para cá morar
    A não ser que compres uma Ducati com 20 anos, é mesmo mito.

    Quanto à manutenção, não acho que fique no geral mais cara que um carro equivalente. Claro que se fores à marca fazer uma revisão deixas lá 100-150€ de 6 em 6 mil Km (nota que as Ducati mais recentes fazem revisão de 12 em 12), mas se fores com um carro à marca também dificilmente deixas lá menos de 300 e isto já para marcas mais generalistas. Se fizeres em casa, uma mota fica mesmo muito barata, é um filtro de 10€ (ou até podes comprar um filtro reutilizável e é só passa-lo por gasolina) e dois ou três litros de óleo.

    Quanto a ser preciso carro para usar de longe a longe para quando a mota não dá, acho que se fizerem as contas rapidamente chegam à conclusão que uma mota + umas viagens de táxi por mês ficam mais baratas que um carro. Um carro é mais um luxo que uma mota.

  29. #89
    Piloto de Troféu Whisperdancer's Avatar
    Data de Registo
    Nov 2005
    Localização
    , , .
    Posts
    8,718

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por SRLA Ver Post
    Uma moto 4 não tem nada a ver com uma mota, e só quem nunca andou numa mota a sério as pode confundir.

    E eu discordo fortemente da afirmação. As únicas coisas que um carro faz que uma mota não pode fazer é transportar carga e passageiros (a mota faz mas com muitas limitações), e um carro também não transporta a carga de um camião nem os passageiros de um autocarro, a importância disso vai depender do uso que lhe damos, nunca percebi aquela mentalidade de comprar um grande familiar, monovolume ou SUV para andar sempre sozinho lá dentro como se vê tanto.
    Tudo acaba por depender da utilização.
    Mesmo andando sozinho todos os dias, num carro que gaste pouco, e onde tenha sítio para estacionar e não apanhe trânsito, compensa mais um carro só do que um carro e uma moto.
    Quando tinha moto, e mudei para a deauville, foi um descanso.
    Detestava andar "encasacado" e com o capacete na mão sempre que queria ir aos sítios onde era difícil estacionar.
    Há sempre situações onde queremos levar qualquer coisa que na moto não dá.
    Ando sempre com alguma coisa na bagageira do carro, que não cabiam na moto.
    A mentalidade de comprar um grande familiar é a mesma de ir de férias com um carro pequeno com a família a abarrotar.
    Se por um lado há pessoas que só podem ter um carro (e decidem comprar um com dimensões mais generosas), o contrário é que quem não tem cão, caça com gato...

  30. #90
    Piloto de Rallye SRLA's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2010
    Posts
    10,746

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Whisperdancer Ver Post
    Mesmo andando sozinho todos os dias, num carro que gaste pouco, e onde tenha sítio para estacionar e não apanhe trânsito, compensa mais um carro só do que um carro e uma moto.
    Pois claro, nem eu disse o contrário.

    Eu disse que é mais barato uma mota só do que um carro só, mesmo que tendo só mota se tenha que chamar um taxi de vez em quando. Basta ver os preços de aquisição de um e de outro. Por 10.000€ compra-se uma muito boa mota nova. Um carro em condições dificilmente fica abaixo dos 20.000€ de preço final, e mesmo aí já tem que ser uma arrastadeira. Mesmo que a mota tivesse uma manutenção muito cara (que não tem), 10.000€ de diferença dão para muita manutenção!

    Não me interpretem mal, eu adoro carros (senão não estava aqui), mas sou imparcial o suficiente e sei fazer contas para admitir que um carro acaba por ser um maior luxo que uma mota, ao contrário do que muitos pensam (aqueles que não percebem nada de motas). Por alguma razão nos países em desenvolvimento as motas são o meio de transporte não-público de eleição, as pessoas precisam de algo que os leve de casa para o trabalho pelo mínimo custo possível, e as únicas coisas mais baratas (como bicicletas ou mesmo a pé) não permitem percorrer as distâncias em tempo útil. As motas e scooters são o transporte de eleição porque têm uma relação custo/mobilidade altíssima.
    Última edição por SRLA : 06-04-10 às 22:24:41

Página 3 de 5 PrimeiraPrimeira ... 234 ... ÚltimaÚltima

Tópicos semelhantes

  1. The Carver (a Mota-Carro)
    Por imported_Fraga na secção FÓRUM GERAL
    Respostas: 74
    Último Post: 19-10-07, 12:09:53
  2. carro vs mota vs barco
    Por slave na secção FÓRUM GERAL
    Respostas: 2
    Último Post: 10-09-06, 21:51:26
  3. Dilema para troca de carro
    Por imported_Luís Dias na secção FÓRUM GERAL
    Respostas: 35
    Último Post: 22-07-06, 17:19:37
  4. Concurso moto4 mota carro
    Por Andreh na secção OFF Topic
    Respostas: 18
    Último Post: 26-06-06, 10:55:55
  5. Carro ou Mota?
    Por Invisible Man na secção Multimédia
    Respostas: 12
    Último Post: 23-04-06, 02:45:44

Regras de Colocação

  • Não pode criar tópicos
  • Não pode responder
  • Não pode colocar anexos
  • Não pode editar os seus posts
  •