Anúncio

Collapse
No announcement yet.

Comprar carro elétrico usado - Cuidados a ter?

Collapse

Ads nos topicos Mobile

Collapse

Ads Nos topicos Desktop

Collapse
X
Collapse
Primeira Anterior Próxima Última
 
  • Filtrar
  • Tempo
  • Show
Clear All
new posts

    Comprar carro elétrico usado - Cuidados a ter?

    Boa noite,

    Estou a ponderar comprar um carro elétrico, no entanto por falta de experiencia com este tipo de carros gostaria de obter algum tipo de orientação para me ajudar na compra.

    Até agora do que vi, o tipo de solução que me agrada seria por exemplo, um Nissan Leaf de 2018 com 50.000Km, bateria propria, autonomia de 270Km, valor 13000e.
    O meu orçamento não dá para mais.
    Tenho um segundo carro, a gasóleo que continuaria a usar para trajetos maiores, mas 95% dos meus trajetos diários não passam dos 100Km. Por isso acho que a questão da autonomia não seria um problema.
    Tenho garagem própria onde posso carregar o carro todos os dias.

    Agora as questões.
    1 - Que tipo de problemas são frequentes neste carros, que eu deva verificar?
    2 - Como posso atestar o estado da bateria no momento da compra?
    3 - Quantos anos ou kilometros, demorará até a bateria ficar a funcionar apenas a 50%?
    4 - Se a bateria ficar demasiado viciado, posso instalar uma bateria nova em modalidade de aluguer ?

    Qualquer dica ou chamada de atenção é muito bem vinda.

    Cumps!

    #2
    1 - Que tipo de problemas são frequentes neste carros, que eu deva verificar?
    Poucos ou nenhuns. A maioria da problemas se for mal usado. Como todos os carros usados, a inspeção é essencial. Aliás, levar o carro à marca para uma inspeção séria podem ser uns 50-100 euros qeu te podem safar de chatices que não sabias (e ficas a saber como está a bateria).

    2 - Como posso atestar o estado da bateria no momento da compra?
    ver ponto 1

    3 - Quantos anos ou kilometros, demorará até a bateria ficar a funcionar apenas a 50%?
    Não se sabe, é suposto que, sendo bem tratada, dure mais do que a vida do carro. Os EVs mais recentes têm quimicas mais resistentes e duradouras. Cargas muito rapidas, de 0-100% frequentes podem encurtar a vida da bateria.

    4 - Se a bateria ficar demasiado viciado, posso instalar uma bateria nova em modalidade de aluguer ?
    Podes. (posso estar errado) mas acho que não existe o aluguer nesse modo. Comprar uma nova é estupidamente caro atualmente.​

    Comentário


      #3
      Originalmente Colocado por PHCJ Ver Post
      Boa noite,

      Estou a ponderar comprar um carro elétrico, no entanto por falta de experiencia com este tipo de carros gostaria de obter algum tipo de orientação para me ajudar na compra.

      Até agora do que vi, o tipo de solução que me agrada seria por exemplo, um Nissan Leaf de 2018 com 50.000Km, bateria propria, autonomia de 270Km, valor 13000e.
      O meu orçamento não dá para mais.
      Tenho um segundo carro, a gasóleo que continuaria a usar para trajetos maiores, mas 95% dos meus trajetos diários não passam dos 100Km. Por isso acho que a questão da autonomia não seria um problema.
      Tenho garagem própria onde posso carregar o carro todos os dias.

      Agora as questões.
      1 - Que tipo de problemas são frequentes neste carros, que eu deva verificar?
      2 - Como posso atestar o estado da bateria no momento da compra?
      3 - Quantos anos ou kilometros, demorará até a bateria ficar a funcionar apenas a 50%?
      4 - Se a bateria ficar demasiado viciado, posso instalar uma bateria nova em modalidade de aluguer ?

      Qualquer dica ou chamada de atenção é muito bem vinda.

      Cumps!
      1 2 e 4 - a tua maior preocupação deve ser precisamente a bateria.
      Deves evitar carros que tenham funcionado como Uber… e também ia dizer para evitares o Nissan Leaf de 30kwh e mais recentes.
      É fácil saber a saúde (SOH) da bateria. Basta ligar um adaptador na ficha OBD e usar a app apropriada para ler as informações do carro.
      Há várias oficinas que reparam ou trocam baterias. Há alternativas fora da marca com valores muito mais baixos.

      Em relação ao ponto 3, a duração das baterias ainda é uma questão difícil de responder. Algumas marcas degradam mais que outras. Tenho um Nissan Leaf de 2014 com 160 000km que retém 80% da capacidade original, tenho um Hyundai Ioniq de 2017 com 180 000km que continua a mostrar o soh a 100% e com a mesma autonomia de quando era novo.

      No caso do Nissan Leaf 40kwh sabemos que a bateria é muito frágil e a probabilidade de teres problemas é elevada. Mesmo assim, o preço que referes é demasiado bom para um carro com apenas 50 000km. Desconfia…

      Comentário


        #4


        Originalmente Colocado por marcopns Ver Post

        1 2 e 4 - a tua maior preocupação deve ser precisamente a bateria.
        Deves evitar carros que tenham funcionado como Uber… e também ia dizer para evitares o Nissan Leaf de 30kwh e mais recentes.
        É fácil saber a saúde (SOH) da bateria. Basta ligar um adaptador na ficha OBD e usar a app apropriada para ler as informações do carro.
        Há várias oficinas que reparam ou trocam baterias. Há alternativas fora da marca com valores muito mais baixos.

        Em relação ao ponto 3, a duração das baterias ainda é uma questão difícil de responder. Algumas marcas degradam mais que outras. Tenho um Nissan Leaf de 2014 com 160 000km que retém 80% da capacidade original, tenho um Hyundai Ioniq de 2017 com 180 000km que continua a mostrar o soh a 100% e com a mesma autonomia de quando era novo.

        No caso do Nissan Leaf 40kwh sabemos que a bateria é muito frágil e a probabilidade de teres problemas é elevada. Mesmo assim, o preço que referes é demasiado bom para um carro com apenas 50 000km. Desconfia…
        Sem querer levantar uma discussão e porque estamos aqui para ajudar, penso que quando referes que "a probabilidade de ter problemas é elevada", será melhor explicares a que problemas te referes.

        Eu não tenho essa ideia, daí também estar interessado em lee a tua explicação.

        Enviado do meu SM-A715F através do Tapatalk

        Comentário


          #5
          Originalmente Colocado por pedrolima678 Ver Post



          Sem querer levantar uma discussão e porque estamos aqui para ajudar, penso que quando referes que "a probabilidade de ter problemas é elevada", será melhor explicares a que problemas te referes.

          Eu não tenho essa ideia, daí também estar interessado em lee a tua explicação.

          Enviado do meu SM-A715F através do Tapatalk
          Na versão de 40kwh:
          A falta de arrefecimento e resistência interna das células elevada.
          Com a utilização mais intensa algumas células deformam e tocam na caixa que as protege, o que provoca um erro de falta de isolamento e o veículo fica imobilizado.
          As oficinas de EVs abrem a bateria, eliminam o contacto e resolvem temporariamente o problema. A bateria continua funcional.

          A resistência interna elevada provoca a queda de tensão acentuada quando sujeitamos a bateria a uma descarga mais forte. Faz com que os kms de autonomia desaparecem momentaneamente e active a tartaruga. É um problema comum nas subidas da Madeira. Tende a agravar com a utilização e com a idade.

          Na versão 30kwh é simplesmente a degradação acelerada, quer se use ou não o carro.

          Escapa a versão 24kwh que saiu a partir de 6/2013.

          Comentário


            #6
            Originalmente Colocado por marcopns Ver Post

            Na versão de 40kwh:
            A falta de arrefecimento e resistência interna das células elevada.
            Com a utilização mais intensa algumas células deformam e tocam na caixa que as protege, o que provoca um erro de falta de isolamento e o veículo fica imobilizado.
            As oficinas de EVs abrem a bateria, eliminam o contacto e resolvem temporariamente o problema. A bateria continua funcional.

            A resistência interna elevada provoca a queda de tensão acentuada quando sujeitamos a bateria a uma descarga mais forte. Faz com que os kms de autonomia desaparecem momentaneamente e active a tartaruga. É um problema comum nas subidas da Madeira. Tende a agravar com a utilização e com a idade.

            Na versão 30kwh é simplesmente a degradação acelerada, quer se use ou não o carro.

            Escapa a versão 24kwh que saiu a partir de 6/2013.
            Obrigado pela explicação.

            Só resta saber, qual a probabilidade disso acontecer e qual a quantidade de carros (%) em que isso já aconteceu... Naturalmente que é muito difícil esta resposta.

            Enviado do meu SM-A715F através do Tapatalk


            Editado pela última vez por pedrolima678; 27 November 2023, 08:36.

            Comentário


              #7
              Originalmente Colocado por pedrolima678 Ver Post
              Obrigado pela explicação.

              Só resta saber, qual a probabilidade disso acontecer e qual a quantidade de carros (%) em que isso já aconteceu... Naturalmente que é muito difícil esta resposta.

              Enviado do meu SM-A715F através do Tapatalk

              O problema é o que andaram a fazer com ele, pois não é carro para uso intensivo.


              Comentário


                #8
                Eu fugia de Leafs porque não têm refrigeração da bateria.

                Comentário


                  #9
                  Também estou interessado neste tema.

                  Não sendo os leaf, dentro do orçamento indicado, quais as melhores alternativas ?

                  Comentário


                    #10
                    Originalmente Colocado por pedrolima678 Ver Post
                    Só resta saber, qual a probabilidade disso acontecer e qual a quantidade de carros (%) em que isso já aconteceu... Naturalmente que é muito difícil esta resposta.
                    É de facto muito difícil de quantificar, mas basta uma consulta ao grupo de proprietários no FB para se ter uma noção. Eu fi-lo há 2 anos e risquei de imediato o Leaf 40 kWh das opções.

                    E já agora, nem de propósito, acabei de desligar a chamada com um colega/amigo que tem o dele (40kWh) há meses na Nissan e finalmente foi-lhe dada solução; vão "recomprar" o carro e ele acabou de fechar negócio com um Kauai 64kWh.

                    Comentário


                      #11
                      Originalmente Colocado por guisas Ver Post
                      Também estou interessado neste tema.

                      Não sendo os leaf, dentro do orçamento indicado, quais as melhores alternativas ?
                      Os coreanos Hyundai e Kia, Zoe 40kwh, Bmw i3…

                      Comentário


                        #12
                        Originalmente Colocado por Vanquish Ver Post

                        É de facto muito difícil de quantificar, mas basta uma consulta ao grupo de proprietários no FB para se ter uma noção. Eu fi-lo há 2 anos e risquei de imediato o Leaf 40 kWh das opções.

                        E já agora, nem de propósito, acabei de desligar a chamada com um colega/amigo que tem o dele (40kWh) há meses na Nissan e finalmente foi-lhe dada solução; vão "recomprar" o carro e ele acabou de fechar negócio com um Kauai 64kWh.
                        É normal que existam muitos mais casos de problemas nas baterias dos Leaf porque também venderam muitos mais, e o que vês nos grupos de FB e afins é quem está insatisfeito. De qualquer das formas a comunidade de leafs online já tem alguns dados e se quiseres ver o estado das baterias de algumas dezenas de utilizadores tens aqui uma boa fonte. Não invalida que as baterias não tenham arrefecimento e que possam de facto dar problemas, também por isso é que as reparações aftermarket e meter baterias novas fora da marca ou arranjar a bateria é muito mais fácil no leaf do que nos outros.

                        Comentário


                          #13
                          Agradeço as vossas respostas.

                          Relativamente à possibilidade de trocar uma bateria própria antiga por uma nova de aluguer, como funciona exatamente? Tenho que pagar um valor grande inicial para a instalação e celebração do contrato?

                          Quanto aos problemas das baterias nos Nissan Leaf mais recentes, mesmo assim não será mais vantajoso face às baterias antigas que usam materiais inferiores? Mesmo assumindo o desgaste mais acelerado, do ponto de vista econômico mesmo assim não será viável? As alternativas custam muito mais, à excepção do Zoe. Na prática os cenários em cima mesa são: 12-14 mil euros Nissan Leaf 30/40kWh ou uma alternativa superior a começar nos 20 mil euros. A diferença de custo é demasiado grande.

                          Obrigado pela partilha do documento pm2lp.
                          Apesar de eu não ser capaz de decifrar a maior parte dos indicadores, dá para compreender que todos os Nissan Leafs na tabela com 5 anos na pior das hipóteses, só perderam 20% da bateria, sendo na realidade mais frequente andarem nos 10%-15% de perda. Também dá para perceber que há vários casos de carros com mais de 150.000km ainda com a bateria a 85%. No meu entendimento é razoável.​


                          Comentário


                            #14
                            Com o dinheiro que gastas na mensalidade da bateria, metes combustível num veículo com motor de combustão.
                            Não vejo vantagens numa coisa dessas

                            Comentário


                              #15
                              Originalmente Colocado por edununo Ver Post
                              Com o dinheiro que gastas na mensalidade da bateria, metes combustível num veículo com motor de combustão.
                              Não vejo vantagens numa coisa dessas
                              Certo. Mas imagina que compro um elétrico e daqui a 5 ou 6 anos começo a ter problemas de falta autonomia, para não ser obrigado a vender o carro ao desbarato ou comprar baterias novas, pode ser interessante ter a possibilidade de alugar uma bateria e estender a vida do carro mais uns anos, mesmo que do ponto de vista econômico já não seja tão vantajoso. Talvez não faça muito sentido, mas gostava de saber se existe essa possibilidade caso no futuro as circunstancias me empurrem nessa direção.

                              Comentário


                                #16
                                Relativamente à questão do Nissan Leaf não ter arrefecimento da bateria, isso só é um problema para carregamento rápidos, correto?

                                Comentário


                                  #17
                                  Acima de tudo é um problema nos carregamentos rápidos se fizeres vários seguidos, vai-te limitar muito a velocidade a partir do segundo ou terceiro (dependendo da temperatura e % de carregamento) e depois pode ter impacto na vida da bateria. Nessa tabela que enviei nota-se essa tendência, há aí um leaf com quase 200 mil km com a bateria perto 85%, e outros com 60 mil em pior estado, fizeram foi muitos mais carregamentos rápidos.

                                  Quanto ao aluguer da bateria não faz muito sentido pensar nisso, basta olhar para o exemplo do Zoe que tinha baterias de aluguer e só dava chatices.

                                  Comentário


                                    #18
                                    Originalmente Colocado por pm2lp Ver Post
                                    Acima de tudo é um problema nos carregamentos rápidos se fizeres vários seguidos, vai-te limitar muito a velocidade a partir do segundo ou terceiro (dependendo da temperatura e % de carregamento) e depois pode ter impacto na vida da bateria. Nessa tabela que enviei nota-se essa tendência, há aí um leaf com quase 200 mil km com a bateria perto 85%, e outros com 60 mil em pior estado, fizeram foi muitos mais carregamentos rápidos.

                                    Quanto ao aluguer da bateria não faz muito sentido pensar nisso, basta olhar para o exemplo do Zoe que tinha baterias de aluguer e só dava chatices.
                                    O problema dos packs de 40kwh nunca foi a degradação. É a deformação física e o HX, ambos são o resultado de trabalhar muito próximo dos limites de carga e descarga. Se o Leaf tivesse apenas 90cv e carga semi-rápida de 22kw estas baterias chegariam aos 500 000km.


                                    Acho que tudo tem um preço e pela pesquisa rápida que fiz no OLX vi que o Leaf de 40kwh surge por pouco mais de metade do preço do Hyundai Ioniq de 28kwh. O Leaf pode não ser um mau negócio se tivermos presente toda a informação que foi partilhada neste tópico, sabemos os cuidados a ter com o carro, o risco que corremos e se algo acontecer saberemos como agir.

                                    Conheço um caso concreto de um Uber, aos 200 000km teve o erro da falha de isolamento, foi reparado por 1200€ na Intermundos em Braga e neste momento continua a trabalhar com quase 300 000km.
                                    Editado pela última vez por marcopns; 29 November 2023, 00:12.

                                    Comentário


                                      #19
                                      Originalmente Colocado por PHCJ Ver Post

                                      Certo. Mas imagina que compro um elétrico e daqui a 5 ou 6 anos começo a ter problemas de falta autonomia, para não ser obrigado a vender o carro ao desbarato ou comprar baterias novas, pode ser interessante ter a possibilidade de alugar uma bateria e estender a vida do carro mais uns anos, mesmo que do ponto de vista econômico já não seja tão vantajoso. Talvez não faça muito sentido, mas gostava de saber se existe essa possibilidade caso no futuro as circunstancias me empurrem nessa direção.
                                      Imagina por quanto é que conseguirias vender um elétrico com 10 anos, que nem as baterias são próprias.
                                      Tnhas literalmente de oferecer o carro.

                                      Comentário

                                      AD fim dos posts Desktop

                                      Collapse

                                      Ad Fim dos Posts Mobile

                                      Collapse
                                      Working...
                                      X