Anúncio

Collapse
No announcement yet.

A dança do desempregado

Collapse

Ads nos topicos Mobile

Collapse

Ads Nos topicos Desktop

Collapse
X
 
  • Filtrar
  • Tempo
  • Show
Clear All
new posts

    A dança do desempregado

    Essa é a dança do desempregado
    Quem ainda não dançou tá na hora de aprender
    A nova dança do desempregado
    Amanhã o dançarino pode ser você

    E vai levando um pé na bunda vai
    Vai por olho da rua e não volta nunca mais
    E vai saindo vai saindo sai
    Com uma mão na frente e a outra atrás
    E bota a mão no bolsinho (Não tem nada)
    E bota a mão na carteira (Não tem nada)
    E bota a mão no outro bolso (Não tem nada)
    E vai abrindo a geladeira (Não tem nada)
    Vai porcurar mais um emprego (Não tem nada)
    E olha nos classificados (Não tem nada)
    E vai batendo o desespero (Não tem nada)
    E vai ficar desempregado

    Essa é a dança do desempregado
    Quem ainda não dançou tá na hora de aprender
    A nova dança do desempregado
    Amanhã o dançarino pode ser você

    E vai descendo vai descendo vai
    E vai descendo até o Paragüai
    E vai voltando vai voltando vai
    "Muamba de primeira olhaí quem vai?"
    E vai vendendo vai vendendo vai
    Sobrevivendo feito camelô
    E vai correndo vai correndo vai
    O rapa tá chegando olhaí sujô!...
    E vai rodando a bolsinha (Vai, vai!)
    E vai tirando a calcinha (Vai, vai!)
    E vai virando a bundinha (Vai, vai!)
    E vai ganhando uma graninha
    E vai vendendo o corpinho (Vai, vai!)
    E vai ganhando o leitinho (Vai, vai!)
    É o leitinho das crianças (Vai, vai!)
    E vai entrando nessa dança

    Essa é a dança do desempregado
    Quem ainda não dançou tá na hora de aprender
    A nova dança do desempregado
    Amanhã o dançarino pode ser você

    E bota a mão no bolsinho (Não tem nada)
    E bota a mão na carteira (Não tem nada)
    E não tem nada pra comer (Não tem nada)
    E não tem nada a perder
    E bota a mão no trinta e oito e vai devagarinho
    E bota o ferro na cintura e vai no sapatinho
    E vai roubar só uma vez pra comprar feijão
    E vai roubando e vai roubando e vai virar ladrão
    E bota a mão na cabeça!! (É a polícia)
    E joga a arma no chão E bota as mãos nas algemas
    E vai parar no camburão
    E vai contando a sua história lá pro delegado
    "E cala a boca vagabundo malandro safado"
    E vai entrando e olhando o sol nascer quadrado
    E vai dançando nessa dança do desempregado

    Essa é a dança do desempregado
    Quem ainda não dançou tá na hora de aprender
    A nova dança do desempregado
    Amanhã o dançarino pode ser você

    Gabriel o Pensador

fim dos postas

Collapse
Working...
X