Crédito automóvel fácil (demais) - Página 26

Página 26 de 28 PrimeiraPrimeira ... 16252627 ... ÚltimaÚltima
A mostrar resultados 751 para 780 de 816
Like Tree508Likes

Título: Crédito automóvel fácil (demais)

  1. #751
    Piloto Veterano EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Façam o favor de ser felizes "
    Posts
    23,485

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Pittboxer Ver Post
    É claro que também deveria de haver uma maior sensibilização para o factor crédito, os seus benefícios e os seus riscos.
    Mas vai haver sempre muita gente que vai continuará fazer créditos de risco!
    Trabalhei a uns anos com um rapaz que tinha acabado de entrar para a empresa na mesma altura que eu, ganha anos os dois 485€, como ele queria muito um carro, convenceu o pai a comprar um classe A porque era o carro que ele gostava, e como ele tinha a mania de fazer desfiles de modelo em parte time lá na terreola, para poder sacar umas garinas, não podia ser um carro qualquer.
    Resultado, ele convenceu o pai a fazer um crédito por ele
    Perguntei: então mas se pagas 400€ sobram te 85€ para o gasóleo?
    Ele: não, os 85€ é para as minhas saídas a noite, e o meu pai paga me o gasóleo!
    Resultado: como ele estava a contrato, mandaram no embora, ele ficou sem receber, e o pai ficou a pagar o carro e o gasóleo ao menino!
    Por isso é que quando os mais velhos falam mal das gerações mais novas, a minha pergunta é : " E quem é que educou as gerações mais novas ? "

    Claro que mais depressa obtenho resposta sobre o porquê dos kamikaze usarem capacete.


  2. #752
    Piloto Veterano EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Façam o favor de ser felizes "
    Posts
    23,485

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por hermanblue Ver Post
    O único que errou nesta situação foi o pai.
    Sim mas o filho que tambem tem 18 anos pelo menos, já devia tambem ter algum juízo para não gastar 90 % do salário em carros , estando o pai a pagar o combustivel.

    Fonix há que haver alguns neurónios.

  3. #753
    Piloto de Testes
    Data de Registo
    Jan 2016
    Posts
    2,448

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Pittboxer Ver Post
    É claro que também deveria de haver uma maior sensibilização para o factor crédito, os seus benefícios e os seus riscos.
    Mas vai haver sempre muita gente que vai continuará fazer créditos de risco!
    Trabalhei a uns anos com um rapaz que tinha acabado de entrar para a empresa na mesma altura que eu, ganha anos os dois 485€, como ele queria muito um carro, convenceu o pai a comprar um classe A porque era o carro que ele gostava, e como ele tinha a mania de fazer desfiles de modelo em parte time lá na terreola, para poder sacar umas garinas, não podia ser um carro qualquer.
    Resultado, ele convenceu o pai a fazer um crédito por ele
    Perguntei: então mas se pagas 400€ sobram te 85€ para o gasóleo?
    Ele: não, os 85€ é para as minhas saídas a noite, e o meu pai paga me o gasóleo!
    Resultado: como ele estava a contrato, mandaram no embora, ele ficou sem receber, e o pai ficou a pagar o carro e o gasóleo ao menino!
    Pai burro, filho também burro.
    pmffb gosta disto.

  4. #754
    Piloto de Fórmula 1 Jbranco's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2004
    Localização
    Lisboa, Portugal.
    Posts
    19,682

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por hermanblue Ver Post
    Na crise 2009-2014/5

    A habitação ficou MUITO mais barata (entenda-se o imobiliário)
    O crédito habitação ficou muito mais barato, principalmente para quem já tinha o crédito pré crise.
    O mercado automóvel, tanto novo como usado ficou ligeiramente mais barato.
    Os bens de consumo depende, muita coisa ficou mais barata, dependia do local de compra, da marca, mas de forma geral conseguia comprar tudo mais barato que hoje em dia.
    Referia-me exclusivamente aos "gastos da casa" (alimentação, eletricidade, despesas com filhos, etc) e, como disse, não senti qualquer alívio. Com a agravante de que os rendimentos, meus e da minha mulher, se reduziram muito substancialmente.

    Portanto aumento do IRS e redução nos rendimentos resulta num rendimento disponível ainda menor. Portanto, ainda que os preços descessem (o que francamente aqui pelo centro de Lisboa não senti, talvez pela influencia do turismo) se o rendimento descer ainda mais o resultado é um maior esforço para pagar as contas.

    edit: Essa vossa lógica fez-me lembrar do pós 25 de abril quando a malta ficava toda contente com aumentos salariais de 20% esquecendo que só a inflação fácilmente absorvia esses 20%
    Última edição por Jbranco : 11-09-19 às 15:25:36
    TURBO gosta disto.

  5. #755
    Piloto de Kart hermanblue's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2019
    Posts
    141

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Jbranco Ver Post
    Referia-me exclusivamente aos "gastos da casa" (alimentação, eletricidade, despesas com filhos, etc) e, como disse, não senti qualquer alívio. Com a agravante de que os rendimentos, meus e da minha mulher, se reduziram muito substancialmente.

    Portanto aumento do IRS e redução nos rendimentos resulta num rendimento disponível ainda menor. Portanto, ainda que os preços descessem (o que francamente aqui pelo centro de Lisboa não senti, talvez pela influencia do turismo) se o rendimento descer ainda mais o resultado é um maior esforço para pagar as contas.

    edit: Essa vossa lógica fez-me lembrar do pós 25 de abril quando a malta ficava toda contente com aumentos salariais de 20% esquecendo que só a inflação fácilmente absorvia esses 20%
    Bem, agora já estamos a misturar rendimentos com custo de vida e aí nada a dizer, maior parte das pessoas ou viu os seus rendimentos reduzidos ou mesmo cancelados (desemprego).
    Sobre os preços, da tua lista concordo com as despesas de eletricidade, gás, água, telecomunicações, não concordo com as outras, alimentação e despesas com filhos, regra geral essas diminuíram, excepção feita a marcas e artigos high end e saúde "privada".


  6. #756
    Piloto Lendário TURBO's Avatar
    Data de Registo
    Apr 2004
    Localização
    Hispânia
    Posts
    37,987

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Jbranco Ver Post
    Referia-me exclusivamente aos "gastos da casa" (alimentação, eletricidade, despesas com filhos, etc) e, como disse, não senti qualquer alívio. Com a agravante de que os rendimentos, meus e da minha mulher, se reduziram muito substancialmente.

    Portanto aumento do IRS e redução nos rendimentos resulta num rendimento disponível ainda menor. Portanto, ainda que os preços descessem (o que francamente aqui pelo centro de Lisboa não senti, talvez pela influencia do turismo) se o rendimento descer ainda mais o resultado é um maior esforço para pagar as contas.

    edit: Essa vossa lógica fez-me lembrar do pós 25 de abril quando a malta ficava toda contente com aumentos salariais de 20% esquecendo que só a inflação fácilmente absorvia esses 20%
    Houve deflação de preço corrente, como é comum em qualquer crise financeira (é dado numa qualquer aula de principio de Economia, é uma reacção face à drástica redução de poder de compra do mercado), o problema e muito bem referido, é a perda de rendimento que não vai compensar a diferença de preço do cabaz, dito de outro modo, o dinheiro fica caríssimo.

    A referência ao pós 25A é clássica, na ilustração financeira do poder de compra x ao preço de mercado de bens.

  7. #757
    Piloto Veterano EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Façam o favor de ser felizes "
    Posts
    23,485

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Jbranco Ver Post
    Referia-me exclusivamente aos "gastos da casa" (alimentação, eletricidade, despesas com filhos, etc) e, como disse, não senti qualquer alívio. Com a agravante de que os rendimentos, meus e da minha mulher, se reduziram muito substancialmente.

    Portanto aumento do IRS e redução nos rendimentos resulta num rendimento disponível ainda menor. Portanto, ainda que os preços descessem (o que francamente aqui pelo centro de Lisboa não senti, talvez pela influencia do turismo) se o rendimento descer ainda mais o resultado é um maior esforço para pagar as contas.

    edit: Essa vossa lógica fez-me lembrar do pós 25 de abril quando a malta ficava toda contente com aumentos salariais de 20% esquecendo que só a inflação fácilmente absorvia esses 20%
    Sim mas a inflacção no pós 25 de Abril não subiu logo, mas os ordenados como que sim :P

    De qualquer forma a crise não afecta por igual todas as classes. Tu como provável classe média ou média/alta levas mais por tabela que a média baixa. Aí sim, foi falha minha porque eu não referi que estava a apontar para casos como o meu, da suposta classe média baixa.

  8. #758
    Piloto de Fórmula 1 Jbranco's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2004
    Localização
    Lisboa, Portugal.
    Posts
    19,682

    Por Defeito

    Mas, pronto, regra geral crises económicas não fazem bem aos cidadãos e situações de deflação (embora possa parecer porreiro ver os preços descer) na verdade são perigosíssimas, porque incentivam a redução do consumo de famílias e empresas (na expectativa de maiores descidas de preços as compras são adiadas) estagnando a economia. E se a economia estagna as famílias e as empresas perdem rendimento.

    É por isso que, já tendo passado por três (embora só duas já adulto), detesto crises. E é também por isso que há coisas bem piores do que recorrer a crédito.
    TURBO e PAFFY gostam disto.

  9. #759
    Piloto Lendário Obtuso's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2005
    Localização
    A 65m de altitude.
    Posts
    42,097

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Jbranco Ver Post
    Mas, pronto, regra geral crises económicas não fazem bem aos cidadãos e situações de deflação (embora possa parecer porreiro ver os preços descer ) na verdade são perigosíssimas, porque incentivam a redução do consumo de famílias e empresas (na expectativa de maiores descidas de preços as compras são adiadas) estagnando a economia. E se a economia estagna as famílias e as empresas perdem rendimento.

    É por isso que, já tendo passado por três (embora só duas já adulto), detesto crises.
    Então e quem está à espera de crises para consumir como é que vai fazer?

  10. #760
    Piloto de Testes Pittboxer's Avatar
    Data de Registo
    Mar 2019
    Localização
    Entre o Norte e o Sul
    Posts
    1,012

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Obtuso Ver Post
    Então e quem está à espera de crises para consumir como é que vai fazer?
    Emigra para um país já em crise!

  11. #761
    Piloto de Testes Reidoasfalto's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2003
    Localização
    Campeões Allez,...
    Posts
    2,713

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Pittboxer Ver Post
    É claro que também deveria de haver uma maior sensibilização para o factor crédito, os seus benefícios e os seus riscos.
    Mas vai haver sempre muita gente que vai continuará fazer créditos de risco!
    Trabalhei a uns anos com um rapaz que tinha acabado de entrar para a empresa na mesma altura que eu, ganha anos os dois 485€, como ele queria muito um carro, convenceu o pai a comprar um classe A porque era o carro que ele gostava, e como ele tinha a mania de fazer desfiles de modelo em parte time lá na terreola, para poder sacar umas garinas, não podia ser um carro qualquer.
    Resultado, ele convenceu o pai a fazer um crédito por ele
    Perguntei: então mas se pagas 400€ sobram te 85€ para o gasóleo?
    Ele: não, os 85€ é para as minhas saídas a noite, e o meu pai paga me o gasóleo!
    Resultado: como ele estava a contrato, mandaram no embora, ele ficou sem receber, e o pai ficou a pagar o carro e o gasóleo ao menino!
    Foi bem feito, pena não ser maior a despesa para o Paisinho. Como já disseram aí "Pai Burro e filho burro"
    O pápá devia de ter bué $$$, devia era ter sacado um M3

  12. #762
    Piloto de Testes oscarcc's Avatar
    Data de Registo
    May 2009
    Posts
    3,614

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Jbranco Ver Post
    Mas, pronto, regra geral crises económicas não fazem bem aos cidadãos e situações de deflação (embora possa parecer porreiro ver os preços descer) na verdade são perigosíssimas, porque incentivam a redução do consumo de famílias e empresas (na expectativa de maiores descidas de preços as compras são adiadas) estagnando a economia. E se a economia estagna as famílias e as empresas perdem rendimento.

    É por isso que, já tendo passado por três (embora só duas já adulto), detesto crises. E é também por isso que há coisas bem piores do que recorrer a crédito.

    Não fazem bem mas educam...
    Ajudam a perceber a quantidade de gastos supérfluos que se faz e incentivam ao "shopping around" e à reflexão (será que eu preciso mesmo disto?).
    Um gajo com o tempo acomoda-se, mas renovar contratos da luz, gás, tlm, internet, seguros, etc... de tempos em tempos evita o desperdicio de dinheiro e maximiza a poupança mensal.
    EscapeLivre e pmffb gostam disto.

  13. #763
    Piloto Veterano EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Façam o favor de ser felizes "
    Posts
    23,485

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Jbranco Ver Post
    Mas, pronto, regra geral crises económicas não fazem bem aos cidadãos e situações de deflação (embora possa parecer porreiro ver os preços descer) na verdade são perigosíssimas, porque incentivam a redução do consumo de famílias e empresas (na expectativa de maiores descidas de preços as compras são adiadas) estagnando a economia. E se a economia estagna as famílias e as empresas perdem rendimento.

    É por isso que, já tendo passado por três (embora só duas já adulto), detesto crises. E é também por isso que há coisas bem piores do que recorrer a crédito.
    Claro mas por isso é que eu disse que desde que o rendimento se mantenha. A partir de determinado montante de ordenados é dificil sim.

    Mas sinceramente no nosso país não sei o que é melhor, se é estar em crise e ver gente de meia idade a sofrer com isso sem conseguir arranjar emprego, ou se é essas mesmas pessoas em tempo de vacas gordas irem votar em governos que só esbanjam dinheiro.
    Compreendem onde quero chegar ?
    Os nossos políticos e o nosso povo não se sabem comportar, grosso modo falando.

  14. #764
    Piloto Lendário Obtuso's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2005
    Localização
    A 65m de altitude.
    Posts
    42,097

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Pittboxer Ver Post
    Emigra para um país já em crise!
    Este está moribundo. Só estou à espera do momento...

  15. #765
    Piloto de Rallye ClioIIIRS's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2008
    Localização
    Portugal
    Posts
    14,077

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Ruie34 Ver Post
    Não faço distinção entre trabalhadores por conta de outrem ou empresários. Em ambos os lados estar no local certo à hora certa deu trabalho. Se a Zara não tivesse feito essa peça, dificilmente teria facturado milhões à conta da rainha. Se eu quando me cruzei por acaso com a pessoa X, já tivesse aquela skill que ele procurava, também teria tido "sorte". A "sorte" anda aí à solta, há que a procurar, seja através de contactos, do euromilhões.

    Considero mais como factor sorte, o contexto em que nascemos, do que as oportunidades que aparecem a partir de um certo momento. No contexto em que nasces é que não consegues mandar, já nas acções a partir de certa altura, consegues. Acrescenta também aí uma parte das questões de saúde, em que também é preciso sorte.

    Quando vejo malta a bater insistentemente na tecla "sorte" para explicar os sucessos dos outros, genericamente ou com alvo dedicado, fico sempre com má impressão.
    Distinção entre empresários e trabalhadores por conta de outrem faz toda a diferença, se não o fazes tudo bem, mas respeitosamente discordo por inumeras razões.

    Se a Zara não tivesse feito essa peça não teria faturado milhões, que teoria da batata tendo em conta que estas marcas fazem muitas peças muito semelhantes.

    Seja como for estes exemplos das grandes marcas não era o meu "ponto" porque essas já dominam sem essas "sortes", o que eu queria demonstrar era o salto de "zero to hero" de uma marca pequena como por vezes acontece com "milagres" destes. Sim porque há concorrência a fazer o mesmo e a estrelinha não calha a todos. Os outros não são necessariamente mais burros ou menos esforçados ou menos capazes ou menos talentosos.

    A sorte anda à solta seja até do euro milhões. Agora falaste bem, o Euromilhões, aquele caso que depende única e exclusivamente da sorte. Mas pronto se quiseres ficar com a tua teoria da sorte é de quem a procura aqui faço mea culpa, não posso ganhar o euro milhões porque nunca joguei. Que burro...

    Podia-te dar ínumeros casos de pura sorte (ficava aqui até amanhã com exemplos), mas não vale a pena, para ti é tudo preto no branco.

    Não é, a vida é tudo menos preto e branco. Isso é nos filmes mainstream do bom e do mau.


    Ainda se me disseres que (exemplo à toa) que um tipo que tem um certo emprego diz que um colega a fazer o mesmo na mesma empresa teve muita sorte por ter sido promovido.

    Aí percebo e concordo com o que dizes, é um invejoso e o outro é muito provavelmente melhor/mais capaz.

    Aliás em casos desses sou o primeiro a revirar os olhos e se for disso que falas estou contigo.


    O que não tem nada a ver com o que quero dizer que é, há mta coisa na vida de pura sorte, e uma coisa não invalida a outra. Mais uma vez, o mundo não é preto e branco.

    Não quero dar uma de Nuno156 a meter links da wikipedia, mas vou fazê-lo porque se aplica:

    "Psychological projection is a defence mechanism in which the human ego defends itself against unconscious impulses or qualities (both positive and negative) by denying their existence in themselves while attributing them to others.[1] For example, a person who is habitually rude may constantly accuse other people of being rude. It incorporates blame shifting."

    in: https://en.m.wikipedia.org/wiki/Psyc...cal_projection


    Ou seja, podemos pegar nisto e especular (diferente de afirmar com 100% certeza) que quem nega que a sorte pura e dura existe mto provavelmente (mesmo que apenas no seu inconsciente) é uma pessoa com alguma sorte e então devido ao seu ego sente uma enorme necessidade de dizer as frases feitas do "a sorte dá muito trabalho".

    Quem sabe perfeitamente que trabalhou mto para estar num certo patamar e sabe que não teve sorte não se dá ao trabalho de proferir estes lugares comuns pois o seu inconsciente está perfeitamente tranquilo.


    EDIT:

    O teu berço é extremamente importante e um grande fator de pura sorte claro, e pode-te dar até uma vida garantida com zero esforço, no entanto se o berço for só bom qb não é necessariamente melhor que ter as oportunidades certas. Vai depende mto de caso para caso, nesta vida há-de tudo.

    Aliás e é preciso tb não esquecer que a necessidd aguça o engenho!
    Última edição por ClioIIIRS : 12-09-19 às 00:21:29

  16. #766
    Piloto Lendário LinoMarques's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2003
    Localização
    Não deite fora as suas revistas de carros - dê-mas!
    Posts
    46,248

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Reidoasfalto Ver Post
    Foi bem feito, pena não ser maior a despesa para o Paisinho. Como já disseram aí "Pai Burro e filho burro"
    O pápá devia de ter bué $$$, devia era ter sacado um M3
    Para começar, menos juízo teve o pai que o filho ao colaborar nessa "loucura". Depois, com a asneira feita, o que havia a fazer era vender o carro e salvar a dívida, mas não, o papá continua a insistir na mesma asneira... Por isso é que certa gente nunca aprende nada na vida...
    EscapeLivre gosta disto.

  17. #767
    Piloto Veterano Pastis's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2010
    Localização
    葡萄牙
    Posts
    21,430

    Por Defeito

    Eu já reflecti muito sobre o conceito de sorte vs o contexto em que quem alguém se desenvolve.
    Cedo percebi que o contexto ou mesmo o factor C eram fundamentais em início de carreira profissional. Mas a sorte também não se deve ignorar à medida que se evolui na vida e carreira.
    Eu tive sorte nos últimos anos mas tbm andei atrás dela.

    E se quiserem aprender a encontrar a sorte é simples: mudar de trabalho e mudar de contexto. Repetir até a sorte aparecer.
    Nunca fiquem agarrados a um empregos ou projecto que não vos deixa progredir mais (estagnar/acomodar) mesmo que pague bem ou memo que tenham de dar um passo atrás.
    Aceitem desafios impossíveis, especialmente que ninguém quer, isso então pode dar paletes de sorte ou não.
    A sorte na realidade é quase como um conceito físico, resulta da entropia, da confusão e agitação das partículas. Quanto mais movimento maior probabilidade dela aparecer ou libertar-se.

    O azar esse é o inverso. Resulta do gelo, da falta de ação, da resistência à mudança. O tal conceito de "ficar parado" firme e seguro.
    Obtuso, ClioIIIRS, Hecho and 2 others like this.

  18. #768
    Piloto de Fórmula 1 Ruie34's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2010
    Posts
    16,985

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por ClioIIIRS Ver Post
    Distinção entre empresários e trabalhadores por conta de outrem faz toda a diferença, se não o fazes tudo bem, mas respeitosamente discordo por inumeras razões.

    Se a Zara não tivesse feito essa peça não teria faturado milhões, que teoria da batata tendo em conta que estas marcas fazem muitas peças muito semelhantes.

    Seja como for estes exemplos das grandes marcas não era o meu "ponto" porque essas já dominam sem essas "sortes", o que eu queria demonstrar era o salto de "zero to hero" de uma marca pequena como por vezes acontece com "milagres" destes. Sim porque há concorrência a fazer o mesmo e a estrelinha não calha a todos. Os outros não são necessariamente mais burros ou menos esforçados ou menos capazes ou menos talentosos.

    A sorte anda à solta seja até do euro milhões. Agora falaste bem, o Euromilhões, aquele caso que depende única e exclusivamente da sorte. Mas pronto se quiseres ficar com a tua teoria da sorte é de quem a procura aqui faço mea culpa, não posso ganhar o euro milhões porque nunca joguei. Que burro...

    Podia-te dar ínumeros casos de pura sorte (ficava aqui até amanhã com exemplos), mas não vale a pena, para ti é tudo preto no branco.

    Não é, a vida é tudo menos preto e branco. Isso é nos filmes mainstream do bom e do mau.


    Ainda se me disseres que (exemplo à toa) que um tipo que tem um certo emprego diz que um colega a fazer o mesmo na mesma empresa teve muita sorte por ter sido promovido.

    Aí percebo e concordo com o que dizes, é um invejoso e o outro é muito provavelmente melhor/mais capaz.

    Aliás em casos desses sou o primeiro a revirar os olhos e se for disso que falas estou contigo.


    O que não tem nada a ver com o que quero dizer que é, há mta coisa na vida de pura sorte, e uma coisa não invalida a outra. Mais uma vez, o mundo não é preto e branco.

    Não quero dar uma de Nuno156 a meter links da wikipedia, mas vou fazê-lo porque se aplica:

    "Psychological projection is a defence mechanism in which the human ego defends itself against unconscious impulses or qualities (both positive and negative) by denying their existence in themselves while attributing them to others.[1] For example, a person who is habitually rude may constantly accuse other people of being rude. It incorporates blame shifting."

    in: https://en.m.wikipedia.org/wiki/Psyc...cal_projection


    Ou seja, podemos pegar nisto e especular (diferente de afirmar com 100% certeza) que quem nega que a sorte pura e dura existe mto provavelmente (mesmo que apenas no seu inconsciente) é uma pessoa com alguma sorte e então devido ao seu ego sente uma enorme necessidade de dizer as frases feitas do "a sorte dá muito trabalho".

    Quem sabe perfeitamente que trabalhou mto para estar num certo patamar e sabe que não teve sorte não se dá ao trabalho de proferir estes lugares comuns pois o seu inconsciente está perfeitamente tranquilo.


    EDIT:

    O teu berço é extremamente importante e um grande fator de pura sorte claro, e pode-te dar até uma vida garantida com zero esforço, no entanto se o berço for só bom qb não é necessariamente melhor que ter as oportunidades certas. Vai depende mto de caso para caso, nesta vida há-de tudo.

    Aliás e é preciso tb não esquecer que a necessidd aguça o engenho!
    Epá, não era preciso um texto tão grande.

    Eu não nego a existência do factor sorte. Defendo até que a generalidade das pessoas tem N episódios de sorte ao longo da vida. Todavia estes episódios só lhe são benéficos se esta pessoa se tiver preparado de antemão, de forma a cavalgar essa "onda" de sorte. E aqui entra desde jogar ao euro milhões, ter investido numa qualquer formação há uns anos, ter caprichado num determinado trabalho, etc.

    Na minha vida já tive alguns episódios desses, nuns estava preparado e noutros vi o comboio a passar. No fim do dia a culpa de não cumprir os requisitos para aproveitar é minha, de mais ninguém.

    O último episódio que tive parecia um alinhamento perfeito dos astros. Aproveitei o factor sorte, que é aparecer a pessoa da concorrencia que está a gerir um determinado processo de recrutamento, de onde tinha sido terminantemente excluído através de uma empresa de HR. E mostrar aquilo que valho em contexto prático, aguardando agora os resultados. Percebes agora onde quero chegar?

    Factor sorte - cruzar-me com aquela pessoa
    Factor intrínseco a mim - a experiência profissional acumulada e a minha prestação naquele dia.

    Se o intrínseco foi suficiente? Ainda não sei.
    ClioIIIRS gosta disto.

  19. #769
    Piloto de Rallye REDLINER's Avatar
    Data de Registo
    Mar 2003
    Localização
    Algures entre Lisboa e o Cabo da Roca
    Posts
    14,631

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Navigation Ver Post
    Ou não...

    Pelos vistos tens muitas certezas.

    Das duas uma, ou não sabes do que falas ou a vida não te custa assim tanto!!

    Onde chegaste a essa conclusão? Não vejo nada no meu discurso onde possas aferir isso

    Mas se tens alguma teoria, força, vamos ouvir! De resto, se não sabes, talvez é melhor não opinares sobre isso, certo?
    EscapeLivre gosta disto.

  20. #770
    Piloto de Kart hermanblue's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2019
    Posts
    141

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Pastis Ver Post
    Eu já reflecti muito sobre o conceito de sorte vs o contexto em que quem alguém se desenvolve.
    Cedo percebi que o contexto ou mesmo o factor C eram fundamentais em início de carreira profissional. Mas a sorte também não se deve ignorar à medida que se evolui na vida e carreira.
    Eu tive sorte nos últimos anos mas tbm andei atrás dela.

    E se quiserem aprender a encontrar a sorte é simples: mudar de trabalho e mudar de contexto. Repetir até a sorte aparecer.
    Nunca fiquem agarrados a um empregos ou projecto que não vos deixa progredir mais (estagnar/acomodar) mesmo que pague bem ou memo que tenham de dar um passo atrás.
    Aceitem desafios impossíveis, especialmente que ninguém quer, isso então pode dar paletes de sorte ou não.
    A sorte na realidade é quase como um conceito físico, resulta da entropia, da confusão e agitação das partículas. Quanto mais movimento maior probabilidade dela aparecer ou libertar-se.

    O azar esse é o inverso. Resulta do gelo, da falta de ação, da resistência à mudança. O tal conceito de "ficar parado" firme e seguro.
    Tendo a concordar com tudo o que apresentas, menos com o conceito de azar. Infelizmente o azar, é também um acontecimento inesperado que surge no contexto de forma aleatória e imprevisível, ou seja, é como a sorte, nasce a entropia. Que o digam os construtores que começaram a construir em 2007....
    EscapeLivre e Viriauto gostam disto.

  21. #771
    Piloto Veterano EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Façam o favor de ser felizes "
    Posts
    23,485

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por hermanblue Ver Post
    Tendo a concordar com tudo o que apresentas, menos com o conceito de azar. Infelizmente o azar, é também um acontecimento inesperado que surge no contexto de forma aleatória e imprevisível, ou seja, é como a sorte, nasce a entropia. Que o digam os construtores que começaram a construir em 2007....
    Ou Engº Civis que concluiram curso em 2007 / 2008
    ClioIIIRS gosta disto.

  22. #772
    eu
    eu está offline
    Piloto de Fórmula 1
    Data de Registo
    Feb 2003
    Localização
    , , .
    Posts
    18,252

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por hermanblue Ver Post
    Que o digam os construtores que começaram a construir em 2007....
    Tinha um vizinho que era um pequeno construtor civil, uma pessoa impecável, honesto, trabalhador e respeitador; uma família jovem, com filhos, que toda a gente adorava.

    Por volta dessa altura, ele decidiu dar um grande salto e comprou um enorme terreno, para lotear e vender lotes e moradias. Comprou o terreno com recurso a crédito bancário, investiu todas as economias que tinha e hipotecou todos os seus bens como garantia do empréstimo.

    Levou com a crise em cima e não conseguiu vender um único lote. Ficou arruinado e perdeu todos os bens, incluindo a casa.

    Todos nós ficámos destroçados com o que lhe aconteceu. Tiveram que emigrar e começar de novo noutro país.

    E tudo isto aconteceu porque ele arriscou na altura errada. Se tivesse sido uns anos antes ou depois, tinha nesta altura milhões de euros.
    ClioIIIRS e Viriauto gostam disto.

  23. #773
    Piloto de Testes PAFFY's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2016
    Posts
    3,162

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por eu Ver Post
    Tinha um vizinho que era um pequeno construtor civil, uma pessoa impecável, honesto, trabalhador e respeitador; uma família jovem, com filhos, que toda a gente adorava.

    Por volta dessa altura, ele decidiu dar um grande salto e comprou um enorme terreno, para lotear e vender lotes e moradias. Comprou o terreno com recurso a crédito bancário, investiu todas as economias que tinha e hipotecou todos os seus bens como garantia do empréstimo.

    Levou com a crise em cima e não conseguiu vender um único lote. Ficou arruinado e perdeu todos os bens, incluindo a casa.

    Todos nós ficámos destroçados com o que lhe aconteceu. Tiveram que emigrar e começar de novo noutro país.

    E tudo isto aconteceu porque ele arriscou na altura errada. Se tivesse sido uns anos antes ou depois, tinha nesta altura milhões de euros.
    Duvido que quem tenha feito isso anos antes e tivesse lucrado tenha feito diferente dele.

    Mas uns ficaram ricos e ele não. E se calhar em conversa de café acham-se mais espertos.

    Existem factores que ninguem controla (pelo menos nos não conseguimos controlar) e a crise de 2008 foi uma delas.

  24. #774
    Piloto de Kart hermanblue's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2019
    Posts
    141

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por eu Ver Post
    Tinha um vizinho que era um pequeno construtor civil, uma pessoa impecável, honesto, trabalhador e respeitador; uma família jovem, com filhos, que toda a gente adorava.

    Por volta dessa altura, ele decidiu dar um grande salto e comprou um enorme terreno, para lotear e vender lotes e moradias. Comprou o terreno com recurso a crédito bancário, investiu todas as economias que tinha e hipotecou todos os seus bens como garantia do empréstimo.

    Levou com a crise em cima e não conseguiu vender um único lote. Ficou arruinado e perdeu todos os bens, incluindo a casa.

    Todos nós ficámos destroçados com o que lhe aconteceu. Tiveram que emigrar e começar de novo noutro país.

    E tudo isto aconteceu porque ele arriscou na altura errada. Se tivesse sido uns anos antes ou depois, tinha nesta altura milhões de euros.
    A história de muitos construtores e malta de outras áreas.

  25. #775
    Piloto Veterano EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Façam o favor de ser felizes "
    Posts
    23,485

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por eu Ver Post
    Tinha um vizinho que era um pequeno construtor civil, uma pessoa impecável, honesto, trabalhador e respeitador; uma família jovem, com filhos, que toda a gente adorava.

    Por volta dessa altura, ele decidiu dar um grande salto e comprou um enorme terreno, para lotear e vender lotes e moradias. Comprou o terreno com recurso a crédito bancário, investiu todas as economias que tinha e hipotecou todos os seus bens como garantia do empréstimo.

    Levou com a crise em cima e não conseguiu vender um único lote. Ficou arruinado e perdeu todos os bens, incluindo a casa.

    Todos nós ficámos destroçados com o que lhe aconteceu. Tiveram que emigrar e começar de novo noutro país.

    E tudo isto aconteceu porque ele arriscou na altura errada. Se tivesse sido uns anos antes ou depois, tinha nesta altura milhões de euros.
    Lição a tirar daqui : nunca investir tudo....deixar sempre uma boa reserva para coisas inesperadas.
    ClioIIIRS e pmffb gostam disto.

  26. #776
    Piloto de Rallye REDLINER's Avatar
    Data de Registo
    Mar 2003
    Localização
    Algures entre Lisboa e o Cabo da Roca
    Posts
    14,631

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por EscapeLivre Ver Post
    Lição a tirar daqui : nunca investir tudo....deixar sempre uma boa reserva para coisas inesperadas.
    Infelizmente (neste caso), sim, nunca investir tudo e deixar sempre um "buffer" para estes casos... É pena, pois pessoas assim empreendedoras é que que precisamos mais!
    Última edição por REDLINER : 12-09-19 às 11:26:19

  27. #777
    Piloto Veterano Pastis's Avatar
    Data de Registo
    Jan 2010
    Localização
    葡萄牙
    Posts
    21,430

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por hermanblue Ver Post
    Tendo a concordar com tudo o que apresentas, menos com o conceito de azar. Infelizmente o azar, é também um acontecimento inesperado que surge no contexto de forma aleatória e imprevisível, ou seja, é como a sorte, nasce a entropia. Que o digam os construtores que começaram a construir em 2007....
    Epá, sim. Mas o que eu quis dizer foi que uma pessoa que não se mexe não se pode queixar que não tem sorte.
    É como um gajo que não tem namorada e não sai de casa e não se dá ao convívio social por exemplo.

  28. #778
    Piloto de Fórmula 1 Ruben99's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2009
    Posts
    16,950

    Por Defeito

    Se o homem era como o descreves é uma pena.
    Sei de alguns que são autênticos escrotos e faturam dinheiro até mais não infelizmente.

  29. #779
    Piloto Veterano EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Façam o favor de ser felizes "
    Posts
    23,485

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por REDLINER Ver Post
    Infelizmente (neste caso), sim, nunca investir tudo e deixar sempre um "buffer" para estes casos... É pena, pois pessoas assim empreendedoras é que que precisamos mais!
    Tambem verdade seja dita que tenho que contextualizar, e se nos situarmos em 2007 ou antes, havia projecção para a vida continuar a melhorar, juntamente com a economia. Desde a 2ª metade dos anos 80 que havia um optimismo no nosso país, apenas ligeiramente reduzido após a entrada no Euro, em que as coisas ficaram mais caras mas globalmente havia muito positivismo.

    Daí que muita gente não se importava de investir tudo o que tinha.

    A crise de 2008 ensinou-nos muita coisa, nomeadamente que nunca sabemos o dia de amanhã.

  30. #780
    Piloto de Rallye REDLINER's Avatar
    Data de Registo
    Mar 2003
    Localização
    Algures entre Lisboa e o Cabo da Roca
    Posts
    14,631

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por EscapeLivre Ver Post
    Tambem verdade seja dita que tenho que contextualizar, e se nos situarmos em 2007 ou antes, havia projecção para a vida continuar a melhorar, juntamente com a economia. Desde a 2ª metade dos anos 80 que havia um optimismo no nosso país, apenas ligeiramente reduzido após a entrada no Euro, em que as coisas ficaram mais caras mas globalmente havia muito positivismo.

    Daí que muita gente não se importava de investir tudo o que tinha.

    A crise de 2008 ensinou-nos muita coisa, nomeadamente que nunca sabemos o dia de amanhã.
    Falando por mim, entre 2007 e 2010 perdi o emprego...2 vezes... Foram tempos muito negros mesmo no inicio da minha vida profissional e familiar

    Aprendi mesmo MUITO com a crise, e por outro lado fez de muito mais cuidadoso, economicamente mais resiliente e ponderado com gastos
    EscapeLivre gosta disto.

Página 26 de 28 PrimeiraPrimeira ... 16252627 ... ÚltimaÚltima

Regras de Colocação

  • Não pode criar tópicos
  • Não pode responder
  • Não pode colocar anexos
  • Não pode editar os seus posts
  •  

O Motorguia . não pode ser responsabilizada pelas opiniões, imagens, links ou outros conteúdos submetidos pelos utilizadores deste Fórum.
Este Website encontra-se registado na Comissão Nacional de Protecção de Dados.
Contactos e Publicidade Motorguia.net | Carta por Pontos Usados Motorguia