Manter Carro para a vida - Página 4

Página 4 de 5 PrimeiraPrimeira ... 345 ÚltimaÚltima
A mostrar resultados 91 para 120 de 122

Título: Manter Carro para a vida

  1. #91
    Piloto de Testes oscarcc's Avatar
    Data de Registo
    May 2009
    Posts
    4,589

    Por Defeito

    Não tarda nada estamos a importar carros de Angola....são baratos, económicos e não desvalorizam...


  2. #92
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Nov 2016
    Posts
    78

    Por Defeito

    @cjr As empresas se endividam na esperança de fazer mais riqueza para assim pagar o empréstimo e ainda ter lucro, ou seja, investem num futuro activo que poderá gerar rendimento futuros. No caso aqui em debate, estás a alocar uma grande quantidade de dinheiro que não te está a rendar mais dinheiro mas de facto está a desvalorizar a um ritmo alarmante. Se fosses ao teu banco e ele te recomendar investires num produto que ao final do primeiro ano perdeu 20% do seu valor tu mandava los dar uma volta, mas como é um carro já fazemos uma perninha e se o vendedor for bom ainda damos uma mãozinha.

    Não sei onde essas historias de guerra dos carros velhos vem. Se os carros forem bem mantidos e se praticar uma manutenção preventiva, não ficas apeado. O que acontece é que as pessoas praticam uma manutenção reativa, ou seja, quando avaria troca se. E normalmente avaria quando as pessoas estão em movimento( ) e é também mais provável que seja num carro mais velho, mas não iliba os carros mais novos. O que se tem que ter na mente é prevenção e não reação.

    Há um trauma das pessoas a pensar que um carro velho parte se por todo o lado. Não é verdade. Vai trocando as peças e o carro a cada peça fica mais novo. Aquela peça dura tanto num fiat de 2000 como num fiat 2010...
    Última edição por capio : 01-03-17 às 00:09:21

  3. #93
    Piloto de Testes oscarcc's Avatar
    Data de Registo
    May 2009
    Posts
    4,589

    Por Defeito

    Se todos pensássemos igual hoje tínhamos um parque automóvel igual ao cubano ...

    Seria lindo fazer uma viagem Porto-Algarve em dois dias.. e com um rasto de poluição igual ao navio de guerra russo...

  4. #94
    Piloto Lendário caditonuno's Avatar
    Data de Registo
    Sep 2004
    Localização
    Vem viver a vida, amor, que o tempo que passou não volta não...
    Posts
    65,593

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por blakke Ver Post
    Vem aqui ao 25 e vais ver o monte de BMW's e audis na speedy e na feuvert
    Citação Originalmente Colocado por ANTONIO850 Ver Post
    não preciso de ir ao 25 pq tb là estou

    sei do q falas , jà te digo q não compraria carro usado a quem faz a " manutenção " por là
    tenho 1 primo que vive no 14éme e está em frança há uns 50 anos...



    Citação Originalmente Colocado por oscarcc Ver Post
    Podem fechar o tópico..


    Apesar de....... eu ter um carro de 99 e uma mota de 95...

    A mota não a vendo nem a troco por ser um amor incondicional, esta vai ficar comigo por mais 30 anos, poderei é no futuro juntar uma mais moderna.
    Já o carro de 99, quase 20 anos portanto, também vai ficar por uns bons aninhos, já que é um carro usado apenas e só nas férias, e porque considero um modelo intemporal (Honda HRV).
    é tão intemporal que em portugal foi raro quando era novo por se venderem poucos e hoje muito mais raro é. o problema é que nunca irá valer grande coisa. se fosse algum coupe 2.0 ainda poderia valer alguma coisa daqui a uns 10 ou 20 anos.

    fixe fixe é o merc do outro com 58 anos. mas no domingo vi um de 82 e outro de 80, a gasóleo ambos, claro, mas também muito distantes desse merc.

  5. #95
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Jul 2009
    Posts
    9,552

    Por Defeito

    como dizia o outro: as dívidas não são para se pagar, são para se gerir

    Percebo e concordo completamente com o teu ponto de vista, mas administrar um país, uma empresa, ou uma casa, não é a mesma coisa!

    Numa empresa, por vezes é preciso pedir 100 emprestado para passar de produzir 10 para 300, pagando 200, já numa casa, normalmente não se produz riqueza, só gastos, e será sempre pior pedir emprestado, mas às vezes não há outra hipótese, ou é mesmo a melhor opção.

    Quanto à questão do status, é um problema quando é obsessão, mas em certos casos, profissionalmente é importante ir minimamente apresentável, quanto mais não seja para não te verem como um pelintra e veres a tua condição profissional minimamente valorizada. Isto é válido também para espaços, como estabelecimentos e coisas do género, publicidade, comunicação, etc. Quem não se actualizar não sai da cepa torta, e rapidamente se vê ultrapassado.


  6. #96
    Chefe de Equipa carregalhe's Avatar
    Data de Registo
    Aug 2006
    Localização
    Coimbra
    Posts
    25,981

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por oscarcc Ver Post
    Se todos pensássemos igual hoje tínhamos um parque automóvel igual ao cubano ...

    Seria lindo fazer uma viagem Porto-Algarve em dois dias.. e com um rasto de poluição igual ao navio de guerra russo...
    Estamos a falar de um Punto II 1.2.

    Um motor a gasolina posterior a 1993, com injecção electrónica e catalisador, não é particularmente poluidor. Ainda para mais, aqui falamos de um carro que consome pouco. Há muito carro no parque automóvel português pior nesse aspecto.

    Não estamos a falar de uma banheira com motor enorme, americana, de preferência, dos anos 50.

  7. #97
    Piloto de Testes oscarcc's Avatar
    Data de Registo
    May 2009
    Posts
    4,589

    Por Defeito

    é tão intemporal que em portugal foi raro quando era novo por se venderem poucos e hoje muito mais raro é. o problema é que nunca irá valer grande coisa. se fosse algum coupe 2.0 ainda poderia valer alguma coisa daqui a uns 10 ou 20 anos.

    fixe fixe é o merc do outro com 58 anos. mas no domingo vi um de 82 e outro de 80, a gasóleo ambos, claro, mas também muito distantes desse merc.[/QUOTE]


    Não sei em que terra vives mas onde vivo ainda vejo uma data deles hoje em dia. Só na minha rua á três.
    Não comprei o carro para investimento, comprei para divertimento. Depois tem uma mecânica altamente fiável e uma manutenção barata. Para além disso já não desvaloriza, comprei-o há 4 anos através do SV e Ainda hoje os preços se mantêm.
    Quanto á estética isso é relativo.... eu sempre gostei e não consigo cansar das linhas.

  8. #98
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Nov 2016
    Posts
    78

    Por Defeito

    @oscarcc não tenho qualquer obrigação social perante as empresas do ramo automóvel para lhes ir indo dando trabalho comprando um carro 5 em 5 anos.

    Eu faço aquilo que me é mais conveniente e isso é poupar o máximo de dinheiro, investir o máximo, melhor o máximo o meu rendimento e consequentemente a minha valorização profissional no mercado de trabalho.
    Não compro coisas só porque a sociedade me pressiona a faze lo. As pessoas tem que fazer as suas contas e não se acreditar nas historias do amigo do vizinho que lhe aconteceu num dia de chuva quando tinha acabado com a namorada. Como disse num post em cima o status é importante em profissões que assim exijam.
    Criei este tópico para as pessoas discutirem estes assuntos e ouvirmos todos os pontos de vista. Eu fiz algumas contas e tenho algumas ideias, mas queria saber também o que o pessoal pensa. E infelizmente vejo muitos post de historias do amigo do vizinho com poucos argumentos.
    No meu trabalho não tenho código de vestuário, desde que o meu trabalho seja de qualidade e seja entregue a tempo e horas... gold!

  9. #99
    Piloto de Testes oscarcc's Avatar
    Data de Registo
    May 2009
    Posts
    4,589

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por carregalhe Ver Post
    Estamos a falar de um Punto II 1.2.

    Um motor a gasolina posterior a 1993, com injecção electrónica e catalisador, não é particularmente poluidor. Ainda para mais, aqui falamos de um carro que consome pouco. Há muito carro no parque automóvel português pior nesse aspecto.

    Não estamos a falar de uma banheira com motor enorme, americana, de preferência, dos anos 50.

    E eu estou a falar no geral.

    Compreêndo o teu ponto de vista e repara que eu também tenho um carro de 99 e não sinto necessidade de o despachar.
    No entanto e como já foi explicado por diversos users, havendo possibilidade econômica não faz sentido manter um carro tantos anos.

    O teu punto assim como o meu honda daqui por mais uns anos vão ser vistos tal como nós hoje vemos os carros cubanos...

  10. #100
    Piloto de Testes ANTONIO850's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2015
    Localização
    França
    Posts
    1,937

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por brunomeleiro Ver Post
    ir minimamente apresentável, quanto mais não seja para não te verem como um pelintra
    ficou bem visto um representante de um construtor ( q veio com um AUDI Q7 ) , q so' soube mostrar fotos de casas , MAS q não sabia responder a perguntas tecnicas bàsicas ( em relação às tecnicas de construção ) q eu lhe fiz

    pq pouco me importava se viesse com um FIAT PANDA , de momento q me pudesse me informar
    não sabia mais onde se meter quando eu lhe disse q se eu quizesse ver casas , era so' pegar na minha bicicleta e dar umas voltas nos bairros
    jà para papar umas gajas , ele tinha palaio e bom carro

    não sei como hà gente q se deixa iludir

  11. #101
    Piloto de Provas de Perícia MJAG's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2007
    Localização
    Algarve
    Posts
    665

    Por Defeito

    Acho muito interessante a ideia de manter um carro ad-infinitum.

    Mas não é para qualquer pessoa, sem dúvida. Na minha opinião, é fundamental:

    - Ter uma razoável liquidez financeira para ir fazendo a manutenção correctiva e preventiva;

    - Ter uma oficina de confiança;

    - Ter alguns conhecimentos de mecânica para resolver pequenos problemas em casa;

    - Ser um condutor cuidadoso e respeitador da mecânica e dos limites do automóvel;

    - Ter um automóvel de mecânica simples, com peças disponíveis e a preço razoável;

    - Ter garagem.

    Acho particularmente interessante a ideia de se ter um automóvel com o qual se sonhava quando tínhamos 18-20 anos. E aos 40-50 desfrutar dele com a serenidade e sensatez típicas desta idade.

    Força nesse projeto! E não desanimes: vai haver alturas em que parece que tudo acontece ao mesmo tempo: embraiagem, motor de arranque, alternador, discos...

    Abraço

  12. #102
    Piloto de Testes darkwings's Avatar
    Data de Registo
    Mar 2007
    Localização
    Paços de Ferreira
    Posts
    4,578

    Por Defeito

    Se formos a ver sob um ponto de vista puramente monetário, um carro nunca será um investimento com retorno. Manter um carro durante 20, 30 ou 40 anos, na melhor das hipóteses, ele vai ter a segurança activa e passiva do mesmo aquando novo. Daqui a 40 anos, será espectável que um carro tenha uma segurança passiva e activa muito superior que um carro de hoje, e ainda mais de um carro de há 15 anos atrás. Claro que pode ser utilizado no dia a dia, assim como hoje pode ser utilizado no dia a dia um carro com 40 anos. Ou uma televisão, ou um rádio, ou um gira-discos.

    Conheço a história de uma pessoa que num passeio de carros clássicos despistou-se. Acontece, podia acontecer a qualquer um de nós. Agora, o carro não trazia cintos de segurança, a pessoa andou aos tombos dentro do carro. Ficou com uma perna desfeita, precisou de longos meses de recuperação, e ainda hoje sofre sequelas do acidente. Num carro recente, com cintos de segurança, com sistemas de segurança activa muito mais avançados, provavelmente a pessoa não teria o acidente, e mesmo que tivesse, sofreria muito menos ferimentos. O mesmo irá acontecer daqui a 40 anos relativamente aos carros de hoje em dia.

    Porque compramos carros novos? Sobretudo porque queremos/podemos, mas também porque têm vindo a melhorar os sistemas de segurança activa e passiva. A prova disso é os constantes abaixamentos de acidentes com feridos graves e mortos nas estatisticas.

  13. #103
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Apr 2012
    Posts
    327

    Por Defeito

    Foi por causa dos carros novos e de muitas vaidades que muita gente teve que emigrar.
    Aqui á uns anos atrás (antes da crise) ganhava-se bastante dinheiro e havia trabalho para todos. A grande maioria da minha geraçao e nao só gastavam-no em carros novos e outras vaidades.
    Nos anos 90 o credito estava na moda. Era comum ver-se aqui na vila onde moro jovens com pouco mais de 20 anos com o seu Turbo ou GTI da época que acabaram por dar lugar aos Audi e BMW.
    Eu nunca me interessei pelos carros novos . Juntei umas coroas e aos 26 anos começei a construir a minha habitaçao. Passados 2 anos já tinha casa para morar sem pagar renda e sem ter contraído um crédito. Ainda fui a tempo de juntar algum.
    A crise começou a vir , com ela veio o desemprego mas os creditos tinham que ser pagos.

    Muita gente olhou para trás, pensando no dinheiro que deitaram fora em carros e nao só mas já era tarde.
    Agora por cá só restam pessoas de idade e em quase em todas as casas há gente emigrada.

    Eu por cá continuo com os meus carros velhos, sem me preocupar se amanha vou ter trabalho ou nao.
    Última edição por jpmb : 01-03-17 às 12:40:26

  14. #104
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Mar 2011
    Posts
    7,815

    Por Defeito

    Comprem carros novos e façam as revisoes todas na marca....dessa forma sobra mais carros bem mantidos para comprar como usados

  15. #105
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Mar 2014
    Posts
    361

    Por Defeito

    Decidi hoje antecipar a IPO dos 20 anos ao carrito (é de maio de 97 e tinha hoje 254.040Km).

    Faço as inspeções antes de ir à revisão anual e tem pouco mais de 9000Km desde a última (nov de 2015). Não gasta nem acrescenta óleo.

    Como preparação tive ontem a ajuda da Maria, fora do carro a ver se tinha alguma lâmpada fundida. Depois tirei o gancho de reboque e o mata-vacas para não arriscar anotações. Hoje às 9.30 o técnico entregou-me a folha junto com o comentário- "excelente!".
    Este mês tem que ir à revisão...

  16. #106
    Piloto de Testes
    Data de Registo
    Jun 2009
    Posts
    1,709

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por capio Ver Post
    Fiat Punto HLX 1.2 80CV. Mas não quero meter na garragem. Se o tenho é para andar....
    BMW535i o que consideras despesa a serio?

    A sério? Achas que um fiat punto 1.2 é carro para manter para a vida? Isso é carro para andar até o dia em que as manutenções forem mais caras que o valor do carro ou que carro já não possa andar dentro de certas cidades devido à norma Euro mínima (coisa que vai ser implementada num futuro próximo)! E olha, tenho um Golf 4 com 17 anos e se pudesse já o tinha despachado, pois desde à dois anos para cá todos os anos aparecem coisas para substituir, ou são os tubos de gasolina gretados, ou os fios eléctricos que vão ficando descarenados, ou já está ganhando folgas na direcção assistida, pequenos botões que vão ficando estragados, amortecedores, batentes, alavancas de selecção da transmissão,etc, etc, etc! Não fizesse eu grande parte destas pequenos arranjos em casa e era uma conta de 500€ todos os anos! Em Dezembro fiquei sem caixa de velocidades numa Nacional,pois uma alavanca partiu e ficou com a 3ª velocidade que estava metida.
    Última edição por JMSVS : 01-03-17 às 15:01:59

  17. #107
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Nov 2016
    Posts
    78

    Por Defeito

    @JMSVS queres trocar de carro porque precisas de trocar amortecedores? Isso é desgaste natural do carro. Um novo também vai precisar de amortecedores, discos, calços, baterias.... Como um novo também te vai partir a caixa ou o motor. O que não falta aqui no fórum são carros relativamente novos ou mesmo novos que isso acontece. E mesmo com 500€/anual em manutenção ficas a frente do resto que compra carros novos, em termos financeiros. Como disse em cima temos que começar a fazer uma manutenção preventiva e não reativa se não queremos ficar no meio da estrada.

    Concordo com o argumento da segurança no geral. Mas o que se vê na estrada não é uma condução segura. Pessoal a mandar mensagens, comer, mulheres a maquilhar se, etc. Se tivessem mesmo interessados em segurança, aliavam a segurança do carro com a segurança na condução o que não acontece. O que me leva a concluir que o argumento de segurança(no geral, pode não ser o teu carro), serve para justificar uma despesa enorme porque o comprador quer comprar um carro novo. E como disse em cima se ele quer e tem dinheiro(sem empréstimo... chegar lá e bater a nota), acho bem....
    Última edição por capio : 01-03-17 às 15:16:03

  18. #108
    Piloto de Provas de Perícia
    Data de Registo
    Jul 2015
    Posts
    788

    Por Defeito

    Uma lição que aprendi foi o nunca avaliar ninguém pela roupa que veste nem pelo carro que conduz. Como o dinheiro me custou a ganhar procuro levar tudo o que compro ate ao ponto que deixa de cumprir a função a que se destina.

  19. #109
    Piloto de Testes bacalao's Avatar
    Data de Registo
    Nov 2007
    Posts
    3,389

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por Kevincego Ver Post
    Tenho um punto de 98 que neste momento faz cerca de 1500/2000 kms por semana e despesas é só consumíveis. O punto como é um carro com poucas peças tornou-se bastante fiável precisamente devido a isso.
    Punto 1.7TD?

  20. #110
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Jan 2015
    Posts
    328

    Por Defeito

    Capio acho que fazes bem, gostas do carro fica com ele. Carros são um sorvedouro, se queres poupar no carro, o melhor é fazer com que o mesmo dure muitos anos. Não faço exatamente isso que dizes, mas tento seguir uma regra: não perder mais de 1000 aérius anuais em desvalorização, ou seja, se comprar um carro de 5000 terá de me servir pelo menos 5 anos. Pode haver exceções à regra? pode: se começar a dar demasiadas chatices ou se conseguir um valor de venda/retoma que cubra os 1000 euros anuais. No meu carro anterior, a venda (porque a compra tb. não foi má) rendeu mais do que esperava, ficou-me o carro por 500 euros anuais. Por outro lado, cada vez gosto menos dos carros modernos . Agora com a mania de vir tudo com um tablet agarrado, só o que me apetece é mandá-los vender carros para a Worten. Cumprimentos.

  21. #111
    Piloto de Testes Kevincego's Avatar
    Data de Registo
    Feb 2003
    Localização
    Brunei
    Posts
    4,829

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por bacalao Ver Post
    Punto 1.7TD?
    Exactamente

  22. #112
    Piloto de Testes
    Data de Registo
    Jun 2009
    Posts
    1,709

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por capio Ver Post
    @JMSVS queres trocar de carro porque precisas de trocar amortecedores? Isso é desgaste natural do carro. Um novo também vai precisar de amortecedores, discos, calços, baterias.... Como um novo também te vai partir a caixa ou o motor. O que não falta aqui no fórum são carros relativamente novos ou mesmo novos que isso acontece. E mesmo com 500€/anual em manutenção ficas a frente do resto que compra carros novos, em termos financeiros. Como disse em cima temos que começar a fazer uma manutenção preventiva e não reativa se não queremos ficar no meio da estrada.
    Isto "Um novo também vai precisar de amortecedores, discos, calços, baterias...." não é bem verdade! Um carro novo não precisa de andar amortecedores, discos, batentes, botões, alavancas de comutação, discos de embraiagem, tubos de combustível, baterias, etc, etc.

    Depois, não é por ter de trocar de amortecedores que vou comprar carro novo, aliás, novo para já não comprava, sempre usado ou semi-novo! O problema é que chega a uma altura em que quase todos os meses começam a aparecer problemas novos, e eu não estou para passar a vida na oficina. Eu que posso(tenho tempo) e sei vou fazendo algumas coisas por casa. Para uma pessoa que faça muitos Km's, o que felizmente não é o meu caso, seria impraticável. É que o problema nem é a questão de dar despesa, é a questão de dar despesa sem estares à espera! Ainda este mês gastei 300€ com o carro só para ele passar na inspecção e sei que tenho pelo menos mais 1000€ a 1500€ para gastar nos próximos 2 anos se quiser continuar a andar, pois tenho que brevemente mudar todos os amortecedores, mudar a embraiagem, mudar os segmentos do motor, arranjar o AC, e este valor se entretanto não tiver surpresas!

  23. #113
    Piloto de Kart
    Data de Registo
    Jan 2015
    Posts
    328

    Por Defeito

    Cada cabeça sua sentença, mas se gastares 1500 euros e ficares com carro para mais 4 ou 5 anos continua a valer a pena. Com 1500 euros não se compra um seminovo ou usado recente.

  24. #114
    Piloto Lendário EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Às vezes é no meio do silêncio que descubro as palavras por dizer"
    Posts
    31,139

    Por Defeito

    Concordo com o SRLA. Manter um carro com varios anos sai sempre ou quase sempre mais barato que comprar um novo ou semi novo, salvo raras excepções.

    Eu tenho um C5 2.0 HDi com 15 anos, 260 mil KM, que praticamente não tem dado despesas alem das revisões, IUC, IPO.

    Como é um carro que anda bem, tem sido fiável, económico , espaçoso e confortável, planeio mantê-lo durante muitos mais anos. A ideia é, quando tiver que o trocar, que já seja para um eléctrico com uma autonomia de várias centenas de KM, a preço acessível

  25. #115
    Piloto Lendário EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Às vezes é no meio do silêncio que descubro as palavras por dizer"
    Posts
    31,139

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por oscarcc Ver Post
    Se todos pensássemos igual hoje tínhamos um parque automóvel igual ao cubano ...

    Seria lindo fazer uma viagem Porto-Algarve em dois dias.. e com um rasto de poluição igual ao navio de guerra russo...
    Moralismos de poluição ? E porque não ir de Lisboa-Porto de avião ou comboio ? Ah, aqui já muita gente não gosta né, prefere ir no seu carro novo a poluir mais....

    De qualquer forma, nos dias de hoje, comprar um carro novo é absolutamente impossivel para muitas pessoas e daí terem um mais antigo.

  26. #116
    Piloto Lendário EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Às vezes é no meio do silêncio que descubro as palavras por dizer"
    Posts
    31,139

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por JMSVS Ver Post
    A sério? Achas que um fiat punto 1.2 é carro para manter para a vida? Isso é carro para andar até o dia em que as manutenções forem mais caras que o valor do carro ou que carro já não possa andar dentro de certas cidades devido à norma Euro mínima (coisa que vai ser implementada num futuro próximo)! E olha, tenho um Golf 4 com 17 anos e se pudesse já o tinha despachado, pois desde à dois anos para cá todos os anos aparecem coisas para substituir, ou são os tubos de gasolina gretados, ou os fios eléctricos que vão ficando descarenados, ou já está ganhando folgas na direcção assistida, pequenos botões que vão ficando estragados, amortecedores, batentes, alavancas de selecção da transmissão,etc, etc, etc! Não fizesse eu grande parte destas pequenos arranjos em casa e era uma conta de 500€ todos os anos! Em Dezembro fiquei sem caixa de velocidades numa Nacional,pois uma alavanca partiu e ficou com a 3ª velocidade que estava metida.
    Pois mas fica sempre mais barato que comprar um novo. Cabe a cada um decidir o que quer.

    E o Punto 1.2 que falaste no inicio do post, pode perfeitamente ser um carro para " toda a vida ". É muito fiável se bem mantido !

  27. #117
    Piloto Lendário EscapeLivre's Avatar
    Data de Registo
    Jul 2012
    Localização
    "Às vezes é no meio do silêncio que descubro as palavras por dizer"
    Posts
    31,139

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por jpmb Ver Post
    Foi por causa dos carros novos e de muitas vaidades que muita gente teve que emigrar.
    Aqui á uns anos atrás (antes da crise) ganhava-se bastante dinheiro e havia trabalho para todos. A grande maioria da minha geraçao e nao só gastavam-no em carros novos e outras vaidades.
    Nos anos 90 o credito estava na moda. Era comum ver-se aqui na vila onde moro jovens com pouco mais de 20 anos com o seu Turbo ou GTI da época que acabaram por dar lugar aos Audi e BMW.
    Eu nunca me interessei pelos carros novos . Juntei umas coroas e aos 26 anos começei a construir a minha habitaçao. Passados 2 anos já tinha casa para morar sem pagar renda e sem ter contraído um crédito. Ainda fui a tempo de juntar algum.
    A crise começou a vir , com ela veio o desemprego mas os creditos tinham que ser pagos.

    Muita gente olhou para trás, pensando no dinheiro que deitaram fora em carros e nao só mas já era tarde.
    Agora por cá só restam pessoas de idade e em quase em todas as casas há gente emigrada.

    Eu por cá continuo com os meus carros velhos, sem me preocupar se amanha vou ter trabalho ou nao.
    Excelente ponto de vista ! Concordo !.

    E os carros é um exemplo muito conhecido por serem caros. Os telemoveis de 600 euros também é vaidade que muitos nem aproveitam, alem de outras coisas.

    É a mania das vaidades. Mas eu não critico ninguém, cada um é livre. Mas há muita gente que quando se depara com estas opiniões fica fula, fá-se lá saber porquê.

  28. #118
    Banido
    Data de Registo
    Feb 2017
    Posts
    4,583

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por jpmb Ver Post
    Foi por causa dos carros novos e de muitas vaidades que muita gente teve que emigrar.
    Aqui á uns anos atrás (antes da crise) ganhava-se bastante dinheiro e havia trabalho para todos. A grande maioria da minha geraçao e nao só gastavam-no em carros novos e outras vaidades.
    Nos anos 90 o credito estava na moda. Era comum ver-se aqui na vila onde moro jovens com pouco mais de 20 anos com o seu Turbo ou GTI da época que acabaram por dar lugar aos Audi e BMW.
    Eu nunca me interessei pelos carros novos . Juntei umas coroas e aos 26 anos começei a construir a minha habitaçao. Passados 2 anos já tinha casa para morar sem pagar renda e sem ter contraído um crédito. Ainda fui a tempo de juntar algum.
    A crise começou a vir , com ela veio o desemprego mas os creditos tinham que ser pagos.

    Muita gente olhou para trás, pensando no dinheiro que deitaram fora em carros e nao só mas já era tarde.
    Agora por cá só restam pessoas de idade e em quase em todas as casas há gente emigrada.

    Eu por cá continuo com os meus carros velhos, sem me preocupar se amanha vou ter trabalho ou nao.
    Acho um bocado redutor essa visão da emigração, pode ter "ajudado" em alguns casos a emigrar (manter o status actual) mas não foi por não conseguir pagar os carros que as pessoas emigraram, é algo mais complexo. A ser por créditos será por créditos habitação, os carros, olha para quem queria ficar cá, vendiam-se.
    Mesmo sem carro, sem casa e sem contas para pagar, muita gente viu-se obrigada a emigrar porque sem trabalho nem para um carro velho dava... é mais por aí.

    Vaidades é em todo o lado em todos os países, todos as temos, os emigrados (com maior poder de compra) ainda vêm mais vaidosos e com bens de ostentação mais caros, não é por aí...

    Sinto aí uma pontinha de arrependimento qualquer... sem ofensa...

  29. #119
    Piloto de Troféu
    Data de Registo
    Mar 2011
    Posts
    7,815

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por JMSVS Ver Post
    Isto "Um novo também vai precisar de amortecedores, discos, calços, baterias...." não é bem verdade! Um carro novo não precisa de andar amortecedores, discos, batentes, botões, alavancas de comutação, discos de embraiagem, tubos de combustível, baterias, etc, etc.

    Depois, não é por ter de trocar de amortecedores que vou comprar carro novo, aliás, novo para já não comprava, sempre usado ou semi-novo! O problema é que chega a uma altura em que quase todos os meses começam a aparecer problemas novos, e eu não estou para passar a vida na oficina. Eu que posso(tenho tempo) e sei vou fazendo algumas coisas por casa. Para uma pessoa que faça muitos Km's, o que felizmente não é o meu caso, seria impraticável. É que o problema nem é a questão de dar despesa, é a questão de dar despesa sem estares à espera! Ainda este mês gastei 300€ com o carro só para ele passar na inspecção e sei que tenho pelo menos mais 1000€ a 1500€ para gastar nos próximos 2 anos se quiser continuar a andar, pois tenho que brevemente mudar todos os amortecedores, mudar a embraiagem, mudar os segmentos do motor, arranjar o AC, e este valor se entretanto não tiver surpresas!

    Esses gastos devem-se mais ao estilo de condução e estradas em que se circula, do que ao carro propriamente dito.

  30. #120
    Piloto de Troféu jomaso's Avatar
    Data de Registo
    Jun 2004
    Localização
    Santa Maria de Lamas
    Posts
    6,324

    Por Defeito

    Citação Originalmente Colocado por winteriscoming Ver Post
    Acho um bocado redutor essa visão da emigração, pode ter "ajudado" em alguns casos a emigrar (manter o status actual) mas não foi por não conseguir pagar os carros que as pessoas emigraram, é algo mais complexo. A ser por créditos será por créditos habitação, os carros, olha para quem queria ficar cá, vendiam-se.
    Mesmo sem carro, sem casa e sem contas para pagar, muita gente viu-se obrigada a emigrar porque sem trabalho nem para um carro velho dava... é mais por aí.

    Vaidades é em todo o lado em todos os países, todos as temos, os emigrados (com maior poder de compra) ainda vêm mais vaidosos e com bens de ostentação mais caros, não é por aí...

    Sinto aí uma pontinha de arrependimento qualquer... sem ofensa...
    Winteriscoming, normalmente o arrependimento aparece naqueles que andaram anos a viver e a pagar (a crédito) o showoff.
    Quem por opção escolheu gastar dinheiro numa habitação, por muito mal que a vida possa correr, nunca se arrependerá da decisão.

Página 4 de 5 PrimeiraPrimeira ... 345 ÚltimaÚltima

Regras de Colocação

  • Não pode criar tópicos
  • Não pode responder
  • Não pode colocar anexos
  • Não pode editar os seus posts
  •